Conheça os Passeios de TREM pelo Brasil

Publicidade

Translator / Tradutor

O Brasil é gigante e antigamente para facilitar as longas distâncias, as estradas férreas tomavam conta de diversas regiões, tanto para transportar a produção de minérios e agrícola, quanto para levar passageiros.

Atualmente, várias linhas foram desativadas. Entretanto, alguns trechos preservam a tradição e encantam muitos turistas serpenteando belíssimas paisagens. Quer passear de trem? Então confira 17 trajetos inesquecíveis!

1. Trem da Serra do Mar Paranaense

Provavelmente o passeio de trem mais famoso do Brasil é o que liga Curitiba a Morretes, passando pela linda Serra do Mar, a maior área de Mata Atlântica protegida no País.

tremmorretes

Concluída em 1885 depois de inúmeros desafios de construção (desde 1880), a Ferrovia Curitiba-Paranaguá é uma das mais antigas do Brasil e, até hoje, é considerada uma obra-prima férrea pelos contornos necessários para ultrapassar a Serra do Mar.

O trajeto completo de Curitiba a Paranaguá conta com 110 km, mais de 13 túneis e 30 pontes. Entretanto, o passeio disponível atualmente é até Morretes, também no litoral paranaense. Antes de chegar ao ponto final, o trem faz uma parada na Estação Marumbi, dentro do Parque Estadual do Marumbi. Neste local cruza o Caminho de Itupava, um antigo trajeto aberto entre 1625 e 1650 pela mata, que foi utilizado durante séculos como a única ligação entre Curitiba e o litoral. A região é muito visitada por ecoturistas e também montanhistas que partem da Estação para chegar ao Pico do Marumbi – um dos mais altos do Paraná.

O Trem da Serra do Mar Paranaense parte diariamente da capital às 8h e chega no destino em torno de 11:30min, uma viagem de cerca de 3 horas com cenários inesquecíveis, diversão a bordo e muitas histórias para contar. Em ambos os lados do trem a vista é sensacional!

morretesthaisy

Em Morretes, prove o tradicional Barreado, prato típico do litoral do Estado feito a base de carne cozida em panela de barro, servido com farinha e bananas. Uma delícia!

Para maiores informações acesse o site da empresa responsável pelo passeio.

2. Trem das Montanhas Capixabas

Se você visita o Espírito Santo, não pode perder o trem que faz o trajeto passando pelas Montanhas Capixabas. O trecho de 46 km sai de Viana, que fica a 23 km da capital Vitória, e chega ao Distrito de Araguaia, já na serra.

O trem percorre uma vasta área de Mata Atlântica, passando por pontes, túneis, cachoeiras e vilarejos antigos. As paradas são estrategicamente belas nas Estações de Domingos Martins e Marechal Floriano – conhecida “A Cidade das Orquídeas”. No ponto final, aproveite conhecer Araguaia, a sua igreja centenária e o Centro Cultural Ezequiel Ronchi, que abriga um acervo de mais de 500 itens que contam a história da região.

foto-pedra-azul-domingos-martins-espirito-santo-fotografo-ricardo-junior

O melhor lado para ir é o direito do trem no sentido de Viana para Araguaia, pois a vista é pertinho da beira dos precipícios e com as melhores paisagens do Rio Jucu.

O passeio é realizado nos finais de semana e feriados, com saída às 9h de Viana, chegada às 12h em Araguiae retorno às 17h. Para realizar o passeio é preciso se informar da disponibilidade e funcionamento junto a empresa responsável no ES – Fone de Vitória: 27 2123-0228.

3. Trem do Vinho

Quem visitar a Serra Gaúcha tem mais um belíssimo passeio disponível entre Bento Gonçalves e Carlos Barbosa. É o Trem do Vinho, que ganhou este nome pela tradição da região na produção da bebida.

trembento

O trajeto percorre 23 km de uma das paisagens mais lindas do Brasil. Videiras, casas coloniais, vales, vinícolas e muitas hortênsias são alguns dos atrativos desta viagem que dura em torno de 2 horas, com direito a música italiana, dança típica e degustação de vinhos e produtos coloniais! Há uma parada na cidade de Garibaldi, Capital Brasileira do Espumante, onde os viajantes assistem a uma bela apresentação de danças folclóricas gaúchas e ouvem lindas canções dos colonizadores da região: os italianos!

O trem sai de Bento Gonçalves às 9h, 14h e 18h40min (este último horário é saída extra) e o passeio precisa ser reservado com antecedência por esse site.

4. Trem de São João Del Rei a Tiradentes

É ainda uma Maria Fumaça que liga em um belo passeio as cidades históricas de São João Del Rei e Tiradentes, em Minas Gerais. As belezas arquitetônicas da região podem ser vistas também nas estações da antiga Estrada de Ferro Oeste de Minas, que foi inaugurada em 1881 por uma celebridade: Dom Pedro II!

foto-passeio-maria-fumaca-em-sao-joao-del-rei-mg-0377

Os turistas podem conhecer toda a beleza do interior mineiro, provar os deliciosos quitutes locais e conhecer mais da história da região sob um ponto de vista diferenciado no Complexo Ferroviário de São João Del Rei, que foi tombado Patrimônio Histórico Nacional em 1989. O complexo abriga o Museu Ferroviário, construído no século 19, cujo acervo preserva muitas peças históricas e também locomotivas centenárias.

O melhor lugar do trem para você ver todas as belezas, se está saindo de São João Del Rei é o lado esquerdo, pois proporciona melhores vistas e uma paisagem sensacional da Serra de São José na chegada em Tiradentes. Inverta o lado saindo de Tiradentes.

O passeio é realizado de sexta-feira a domingo, em dois horários:

Sextas e Sábados:

  • Saída de São João Del Rei: 10h e 15h
  • Saída de Tiradentes: 13h e 17h

Domingos:

  • Partida de São João Del Rei: 10h e 13h
  • Partida de Tiradentes: 11h e 14h

Mais informações, clique aqui.

5. Estrada de Ferro Campos do Jordão

A Estrada de Ferro Campos do Jordão foi construída em 1914 como forma de facilitar o transporte das pessoas que iam de Pindamonhangaba realizar tratamentos médicos na cidade serrana. O trajeto total conta com 47 km, que passa pela bela Serra da Mantiqueira, com vales verdes e incríveis paisagens.

Existem vários roteiros possíveis atualmente:

Trem da Serra

É o trajeto completo de 47 km de Pindamonhangaba para Campos do Jordão, com paradas nas estações de Santo Antônio do Pinhal, com belo mirante da região; e na estação Parque Reino das Águas Claras. Este roteiro é realizado às sextas-feiras, com saída às 9h.

Trem do Mirante

Trajeto de 19 km entre Campos do Jordão e a Estação Eugênio Lefévre, em Santo Antônio do Pinhal, onde há um mirante que descortina a beleza da região. Este passeio é realizado de sábado a quarta-feira, com saídas às 10h e às 14h.

foto-campos-do-jordao-sp-brasil-0530

Trem das Águas Claras

Trajeto de 17 km que sai de Pindamonhangaba até o Parque Reino das Águas Claras, uma ampla área verde banhada pelo Rio Piracuama, onde é possível ter um contato intenso com a natureza, fazer um piquenique e passar momentos agradáveis com toda família. Esse passeio é realizado de segunda a sexta com agendamento prévio, pois o valor já dá direito a entrada no parque.

Para saber valores e disponibilidade dos passeios, acesse esse site.

6. Trem das Termas

No oeste catarinense, já na divisa com o Rio Grande do Sul, a atração são os balneários termais. As águas quentinhas da região atraem muitos turistas, tanto no verão quanto no inverno. A cidade de Piratuba, em Santa Catarina, abriga as Termas de mesmo nome, com muitas piscinas relaxantes. Já no lado gaúcho é a cidade de Marcelino Ramos que possui as Termas, com atividades para toda a família. E ligando as duas está o passeio do Trem das Termas!

Puxados por uma Maria Fumaça da década de 1920, os vagões levam os turistas de uma cidade para outra, percorrendo 25 km por belas paisagens e pontos históricos. Existem dois passeios:

Piratuba – Marcelino Ramos

Saindo de Piratuba às 13:30min, o trem chega a Marcelino Ramos às 14:45min e permanece na cidade por 1 hora e meia, quando os turistas podem aproveitar as Termas ou visitar o Santuário Nossa Senhora da Salette, além de degustar e comprar os produtos típicos da região em uma feira de artesanatos. Prove a cachaça e os doces locais. Deliciosos! O retorno acontece às 18h.

Marcelino Ramos – Uruguai (SC)

Já para quem está em Marcelino Ramos a opção de passeio é até a cidade de Uruguai, do lado catarinense. O trajeto é de apenas 5 km margeando o Lago do Rio Uruguai, passando por uma ponte histórica até uma antiga estação. O passeio sai às 14:30min e retorna às 16:15 h.

Para mais informações e agendamentos, acesse esse site.

7. Trem das Águas

Outro passeio bucólico pelo interior de Minas Gerais é via o Trem das Águas. O ponto de embarque é na cidade de São Lourenço, a 400 km de Belo Horizonte, famosa pelo Parque das Águas e seu balneário de águas revitalizantes e medicinais. O trajeto de trem de 10 km segue até Soledade de Minas, margeando o Rio Verde e cruzando belos vales verdes ao som de violeiros tradicionais que animam o passeio.

Em Soledade de Minas, os viajantes são recebidos com uma feira de artesanatos. Não deixe de levar para casa os deliciosos doces de leite, as tradicionais cachaças mineiras e, claro, os queijos! Há também degustações durante a viagem!

O passeio acontece todos os finais de semana e feriados com saídas às 10h e às 14h30min, sendo necessário reservar com antecedência por esse site.

8. Expresso Turístico da Luz

A Estação da Luz, no centro de São Paulo, já foi muito movimentada diariamente pelos trens que ligavam a capital a diversos pontos do interior, impulsionando o desenvolvimento do Estado.

foto-estacao-da-luz-em-sao-paulo-brasil-0044

Atualmente, três passeios turísticos estão disponíveis:

Estação da Luz – Jundiaí

O trajeto de São Paulo até Jundiaí é de 60 km, com duração de 1h30min abordo de uma locomotiva da década de 1950. Chegando no destino, o turista pode conhecer o Circuito das Frutas – passeio de agroturismo para conhecer as fazendas da região; curtir a natureza na Serra do Japi – um ótimo passeio ecológico; ou visitar o patrimônio histórico-cultural da cidade, visitando museus, igrejas e prédios centenários.

Esse passeio sai todo sábado às 8h30min da Estação da Luz e retorna às 16h30 da Estação Jundiaí.

Estação da Luz – Mogi das Cruzes

Nesse outro passeio, 48 km são percorridos em 1h30min até Mogi das Cruzes, famosa pela produção de orquídeas, sendo que o Circuito das Flores é a atração principal. Chegando na cidade, o turista tem a opção de visitar também o Parque das Neblinas​, em um passeio ecológico, ou fazer um roteiro histórico-cultural, conhecendo o patrimônio regional, além do Parque Centenário e do Museu Igreja do Carmo.

O passeio é realizado no segundo sábado de cada mês, com saída às 8h30min da Estação da Luz e retorno às 16h30min da Estação Mogi das Cruzes.

Estação da Luz – Paranapiacaba

Um passeio imperdível é ir de trem até Paranapiacaba, em Santo André, na Serra do Mar. A gente já comentou desse passeio nesse outro post.

belo-trem-paranapiacaba-sp

A histórica vila em estilo inglês abrigou muitos dos trabalhadores dedicados a construção das ferrovias na região e hoje preserva a história dessa época em seus museus e casarios. Na vila, visite o Museu do Castelinho e a Casa da Memória.​ Os ecoturistas podem esticar até o Parque Natural Municipal Nascentes de Paranapiacaba e realizar belas Trilhas pela Serra do Mar.

O passeio acontece todos os domingos (e feriados sob consulta), com saída às 8h30min da Estação da Luz (ou às 9h da Estação Prefeito Celso Daniel – Santo André). O retorno ocorre às 16h30 de Paranapiacaba, com parada na Estação Prefeito Celso Daniel.

Mais informações nesse site.

9. Trem Turístico Ouro Preto – Mariana

Conhecer as cidades históricas de Ouro Preto e Mariana já encanta qualquer turista. O melhor ainda é fazer o trajeto entre as duas de trem! Este é o trem turístico da Vale, operado por esta companhia, que revitalizou a linha férrea construída em 1883.

foto-maria-fumaca-ouro-preto-mg-0625

Puxados por uma locomotiva a vapor, os vagões vão serpenteando por 18 km as montanhas mineiras, passando por vales, cânions, riachos, cachoeiras e pelo Ribeirão do Carmo. O melhor é sentar do lado direito, que proporciona as vistas mais incríveis!

O passeio dura cerca de 1h e é realizado de sexta-feira a domingo e também feriados, com saída às 9h e retorno às 17h de ambas as cidades.

Informações, valores e reservas acesse esse site.

10. Trem de Campinas a Jaguariúna

Outro trecho conservado de ferrovias pelo interior de São Paulo liga as cidades de Campinas e Jaguariúna. O cenário do trajeto de 24,5 km já serviu de fundo para novelas de época e filmes, principalmente as centenárias fazendas de café, com seus casarios coloniais e vales com rica natureza.

Saindo da Estação Anhumas, o trem segue até Pedro Américo, onde faz uma parada para os turistas conhecerem como funciona a locomotiva que data de 1920. A viagem que tem música, sorvete e restaurante a bordo, segue até Tanquinho, Desembargador Furtado, Carlos Gomes até chegar em Jaguariúna, onde o viajante poderá visitar o museu ferroviário e a feira de artesanato com quitutes típicos.

O passeio dura cerca de 3h30min (ida e volta) com saídas sábados e domingos às 10h e às 14h30min. Uma alternativa é curtir um tour mais curto (de 1h30min) até Tanquinho, também com atividades do agroturismo. Para saber mais, acesse esse site.

Você está conferindo os incríveis passeios de trem pelo Brasil! Se está gostando das dicas, compartilhe no seu Facebook, ou tuíte, e convide os amigos!

Compartilhe no FacebookCompartilhe no Twitter

11. Trem da Serra da Mantiqueira

História e cultura, além de belas paisagens! Com o passeio do Trem da Serra da Mantiqueira o turista passa por cenários pouco visitados do interior mineiro e chega a locações onde foram filmadas as famosas séries brasileiras “Mad Maria” e “JK”.

O passeio começa em Passa Quatro, localizada a 400 km de Belo Horizonte, onde os visitantes são recebidos com música regional. O trem segue passeio até a Estação de Manacá, onde há uma feira de artesanatos e comidas típicas mineiras. Na sequencia, está a subida pela Serra da Mantiqueira, passando por lindas paisagens até chegar a Estação de Coronel Fulgêncio, que fica a 1.085 metros acima do nível do mar. Nesta localidade é onde foram gravadas as séries globais e atraem visitantes de várias regiões para conhecer todas as belezas. No local há uma exposição de fotos com imagens da Revolução Constitucionalista de 1932.

O trajeto é de 10 km e a viagem dura cerca de 2h. As saídas são sábados, domingos e feriados às 10h. Para maiores informações acesse esse site.

12. Trem do Pantanal

Reativado pela empresa responsável pela linha, o Trem do Pantanal volta com novas opções para os turistas conhecerem toda a beleza do bioma pantaneiro, um dos mais ricos em biodiversidade de fauna e flora do País.

THA-049338

Saindo de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, o trem segue até Aquidauana, com opção de almoço e até hospedagem na cidade destino. As atrações ficam por conta das fazendas pantaneiras, onde é possível fazer passeios de barco para avistar jacarés, aves de diversas espécies e até onças, além de provar os deliciosos pratos típicos locais.

Os passeios não tem dias certos e é preciso entrar em contato com a Serra Verde Express para agendar, verificar valores e dias disponíveis, pelo fone (67) 3043-2233 ou pelo e-mail campogrande@serraverdeexpress.com.br.

13. Trem do Corcovado

Falar em trem no Brasil e não mencionar o Corcovado não dá! O tradicional trem do Cristo Redentor percorre uma pequena distância (apenas 4 km) da Estação Cosme Velho em direção ao alto do Morro do Corcovado, onde está o ponto turístico mais famoso do Rio de Janeiro.

estacao-bondinho-cristo-corcovado-rj

Durante o trajeto o turista observa todas as belezas da Floresta da Tijuca e lá do alto tem aquela vista panorâmica da Cidade Maravilhosa.

O trem do Corcovado funciona diariamente das 8h às 18h30min. Mais informações acesse aqui.

Bônus: Trem do Forró

Que tal comemorar as festas juninas de forma diferente? Só nesta época, em Pernambuco, sai o Trem do Forró, uma verdadeira festa em movimento!

O trajeto de 84 km ida e volta, sai de Recife e vai até Cabo de Santo Agostinho, onde os viajantes são recepcionados com uma grande festa, com shows de forró, banda de pífanos, exibição de quadrilha, fogos de artifício, feira de artesanato e comidas típicas. Mas, não pense que a festa é só na chegada! Durante as 5 horas de viagem, nos 1o vagões disponíveis, quase 1.200 pessoas dançam e cantam ao som do forró pé de serra tocado pelos trios, que ficam estrategicamente dispostos. Além disso, há serviço de bar e petiscos, para ninguém ficar com fome!

Esse passeio já ocorre desde 1991 e pela grande procura, precisa ser reservado com antecedência neste site.

Links relacionados

Longas Distâncias

Você sabia que o Brasil também tem viagens longas de trem ligando Estados? Existem duas em pleno funcionamento que podem tornar suas férias ainda mais interessantes. Veja.

Estrada de Ferro Carajás

O trem da Estrada de Ferro Carajás é o que percorre a maior distância no Brasil! São 892 km ligando São Luís, no Maranhão, e Parauapebas, no sudeste do Pará, passando por 15 localidades entre cidades e vilarejos.

Esse trajeto não é apenas turístico! É utilizado como transporte de passageiros entre as regiões. São 16 horas de uma viagem tranquila e confortável, com vagão lanchonete, ar-condicionado e entretenimento a bordo!

Para mais informações e passagens, acesse esse site.

Estrada de Ferro Espírito Santo – Minas Gerais

Que tal passar por cidades histórias, montanhas belíssimas, verdes vales e muitos riachos e cachoeiras? Este é o trajeto realizado pelo trem da Estrada de Ferro ES-MG, que sai de Cariacica, na região metropolitana de Vitória (ES) e segue até Belo Horizonte (MG). É o segundo maior trecho ferroviário percorrido por trem de passageiros: 664 km realizado em 13h.

No trajeto que possui 30 paradas, o passageiro irá se deparar com lindas fazendas, belas cidades históricas, pequenos vilarejos, comunidades locais, represas, túneis centenários, pontes e estações com arquitetura colonial. O melhor lugar no trem é o lado esquerdo no sentido BH–ES, devido aos vales e rochas curiosas que brotam do rio quase na divisa dos Estados.

As saídas são diárias de Belo Horizonte às 7h30 com chegada às 20h30 em Vitória. O trajeto inverso sai às 7h de Vitória e chega às 20h10min em Belo Horizonte.

Para mais informações, acesse esse site.

Trem da Serra do Navio – Amapá

De Macapá, capital do Amapá, até a cidade de Serra do Navio no mesmo Estado há um trem que percorre 194 km entre densas Florestas da região amazônica, passando por belas montanhas, vilarejos e comunidades locais, margeando, muitas vezes, o Rio Amapari com seus igarapés. O trajeto passa pelas cidades de Santana, Porto Grande e Pedra Branca do Amapari.

Para saber horários e disponibilidade de viagem, é preciso ligar para a Estação de Macapá: (96) 3281-2572.

***
Pronto para passear de trem pelo Brasil? Escolha seu destino e boa viagem!

Por Guia Viagens Brasil Texto: Fotos:  13 de maio de 2016

Receba dicas de viagem


Insira seu email para receber artigos exclusivos e dicas de passeios imperdíveis!





Gostou? Divulgue este artigo para seus amigos!

Deixe o seu comentário

DICAS RECENTES DO BLOG

GUIAS DE VIAGENS GRÁTIS - BAIXE AGORA O SEU!

Loja
Encontre os melhores ebooks de dicas de viagem pelo Brasil

Procurando dicas de viagens pelo Brasil?
Cadastre seu email e receba dicas exclusivas:

Editorial - Contato - Anuncie Grátis - Área de Anunciantes - Seja um colaborador

© Copyright 2013 - 2017 - Guia Viagens Brasil - Mapa do Site