Guia Completo de MACEIÓ

Publicidade

Translator / Tradutor

Capital do estado alagoano, situada na região Nordeste do país, Maceió é uma das mais belas cidades do Brasil. Quem por aqui passa leva consigo a primeira impressão que tem: o fascínio de sua orla. Suas águas são tão cristalinas que a cidade ganhou dos turistas, o carinhoso codinome de “Paraíso das águas”.

bela-paisagem-praia-ponta-verde-maceio-al-4513

Não é à toa que o município ajudou a mostrar para o mundo que “Deus é Brasileiro”, sendo palco cinematográfico desse filme de Cacá Diegues. Suas belezas naturais empolgam a todos. Mas, não é só. A cidade guarda numerosos segredos culturais em seus museus e catedrais, sem falar da gastronomia local. Quem por uma vez se delicia com os saborosos pratos típicos de Alagoas, sempre quer voltar.

Ao pensar suas férias, inclua Maceió em seu plano de viagens. É o melhor destino para quem deseja aproveitar belos momentos junto ao mar, às piscinas naturais e às lindas praias. Aqui está este guia que pode te orientar mostrando os melhores pontos do lugar. Vamos começar a arrumar as malas?

Praias de Maceió – algumas das mais bonitas do Brasil

Quem visita a cidade não deixa de dar razão àqueles que comparam as praias daqui às do Caribe. Por generosidade da natureza, seu mar conta com águas esverdeadas que encantam até mesmo quem vive aqui e já está habituado com toda essa beleza.

barcos-praia-ponta-verde-maceio-al-2905

Ainda que o mar seja atraente e convidativo é preciso estar atento e consultar sempre o relatório do IMA (Instituto do Meio Ambiente) que informa sobre a balneabilidade. Também é bom saber que aqui no Nordeste o dia amanhece bem cedo e consequentemente termina mais cedo. Quem curte estar na praia o maior tempo possível, deve saber que às 2 horas da tarde o sol começa a se despedir bem devagar e não dá para pegar aquele bronze mais intenso, e neste horário já há sombra em algumas praias com extensão de areia mais estreita. Assim, para curtir toda a beleza da região vale, portanto, acordar antes de sua hora de costume e chegar bem cedinho à orla.

Para quem está interessado nas Piscinas Naturais, outra dica interessante, além de acordar cedo, é consultar a Tábua de Marés, para ficar por dentro dos horários de maré baixa, quando surgem as piscinas, já que os passeios dependem da maré para acontecer.

guarda-sol-vermelho-praia-ponta-verde-maceio-al-3584

Estando tudo pronto, não perca mais tempo. Vamos às praias.

Praia de Pajuçara

Pajuçara é um dos pontos favoritos dos turistas que visitam Maceió. Situa-se a 3 quilômetros do centro da cidade. Curtir o marzão azul de águas cristalinas e tranquilas, passear na orla, brincar com os pequenos na areia e mergulhar, são algumas coisas que você pode aproveitar nesta bela praia.

praia-pajuçara-maceio-alagoas-4612

Uma das mais famosas atrações daqui são as Piscinas Naturais de Pajuçara. Para visitá-las é preciso tomar uma das jangadas que ficam à disposição à beira-mar. As piscinas ficam bem próximas, a uma distância de 3 quilômetros da orla de Pajuçara. Em apenas 15 minutos de travessia você encontra o lugar e poderá aproveitar completamente o seu passeio.

foto-praia-da pajucara-em-alagoas-brasil-3615

As famosas piscinas são semelhantes a imensos aquários, com uma infinidade de corais, peixes e outras espécies do mar. O local se tornou um grande atrativo marinho entre turistas de todas as idades. É também o melhor trecho para mergulhar para aqueles que gostam de praticar o esporte, ou querem iniciar-se nesse tipo de aventura. Com um snorkel a atividade fica ainda mais legal. Se você não tem o seu, encontrará facilmente pessoas alugando pela orla.

foto-mergulho-piscina-natural-de-pajucara-alagoas-GF

Você pode apenas banhar-se nas águas mornas da piscina natural e nadar junto às espécies marinhas sem preocupação, pois a água só chega até a altura do peito. Para quem está viajando com crianças, isso é valioso demais!

Além disso, um interessante serviço é oferecido pelas jangadas–bar. Elas oferecem bebidas e pratos regionais à base de camarão e lagosta, em bandejas flutuantes, com muita praticidade para você curtir muito as piscinas de Pajuçara.

foto-peixinhos-es-piscina-natural-de-pajucara-alagoas-GF

E Maceió tem um diferencial incrível! A acessibilidade também já chegou até aqui. Algumas jangadas estão estruturadas para transportar com segurança pessoas com necessidades motoras especiais. A adaptação é parte das ações do projeto “Jangada Acessível”, posto em prática desde 2010. É modelo para o resto do Brasil, mas somente em Pajuçara que funciona de fato.

piscinas-naturais-pajuçara-maceio-alagoas-4836

Porém, para usufruir deste pedacinho de paraíso que são as piscinas naturais é necessário esperar a maré baixa, pois só assim elas se formam com a barreira de corais. Consultar a Tábua de Marés antes de viajar é super importante. Isso evita que você chegue em Pajuçara e, pela maré alta, não possa aproveitar as piscinas.

Ainda na Praia de Pajuçara, você não precisará se preocupar com acomodações, pois há excelente infraestrutura turística. Em toda a cidade são encontrados bares e restaurantes, além das inúmeras barracas distribuídas pela orla.

foto-praia-da pajucara-em-alagoas-brasil-3627

Querendo comprar alguma lembrancinha antes de ir embora? Então dê uma chegada na Feira de Artesanato de Pajuçara. Toda a riqueza do artesanato da região é encontrada aqui.

feira-artesanato-pajucara-maceio-al-4233Esculturas de barro, artefatos em madeira, couro, cerâmica, palha e a tradicional renda – feita pelas rendeiras da cidade – estão à venda nessa Feira. É tanta coisa que você vai se encantar. O passeio é imperdível, inclusive pelos ótimos preços, o que é ideal para aquele viajante que está com o orçamento mais restrito. E para encerrar seu dia com chave de ouro em Pajuçara você poderá curtir, lá mesmo no local da feira, um forró bem animado que vai até o anoitecer.  Eta! Que isso aqui tá muito bom, isso aqui tá bom demais

Então anime-se. E anota aí, porque a Praia de Pajuçara é do tipo ‘tem que vir’.

Mas, quem disse que acabou? Tem mais coisa boa para contar sobre as praias de Maceió. Ao lado de Pajuçara fica Ponta Verde.

Ponta Verde

Esta praia é como um belo cartão-postal de Maceió. O mar azul esverdeado é margeado por coqueiros e combinam-se com os trechos de areia fofinha, formando o cenário da região.

foto-praia-de-ponta-verde-em-alagoas-brasil-3337

Na maré baixa surgem as piscinas naturais para complementar ainda mais a linda vista. Sua orla é tranquila é encantadora. Belos momentos você pode passar aqui, apenas curtindo o dia de sol. É uma das praias urbanas mais belas da cidade e que possui muito boa infraestrutura.

foto-praia-de-ponta-verde-em-alagoas-brasil-3264

Aqui você encontra várias barracas, entre duas mais famosas e populares: a Lopana e a Kanoa. Elas fazem a alegria do pessoal que querem paquerar, bater um papo com os amigos e confraternizar. A turma do happy hour não perde tempo e lota os lugares que acabam ficando super animados. Portanto, chegue cedo para curtir bem.

Em Ponta Verde ainda há um complexo gastronômico, composto por uma choperia, uma churrascaria e uma cantina, que dão conta de todas as preferências.

Ponta Verde não possui hotéis a beira mar, apenas prédios residenciais. Então se você quer ficar nessa região da praia, precisa buscar pelos imóveis por temporada, bem populares por aqui. Os hotéis que ficam mais perto da orla estão de 5 a 10 minutos de caminhada e você pode fazer o percurso tranquilamente a pé.

foto-praia-de-ponta-verde-em-alagoas-brasil-3550

A orla de Ponta Verde é urbanizada, com calçadão, pista de caminhada, ciclovia, equipamentos de ginástica, brinquedos para as crianças, além de bancos e descansos, ótima para se exercitar com um belo visual. Aos domingos, uma parte da avenida mais próxima à praia é bloqueada e as famílias são presenteadas com uma área de lazer.

foto-praia-de-ponta-verde-em-alagoas-brasil-3458

Ponta Verde é outra praia de Maceió servindo de modelo para o Brasil, favorecendo o bem-estar do turista e dos moradores.

Praia de Jatiúca

Do outro lado de Ponta Verde fica a mais tranquila dentre as praias centrais. Trata-se de Jatiúca. Recém urbanizada e muito bem estruturada. O destino possui barracas e restaurantes prontos a atender aos turistas, para todos os gostos e bolsos.

predios-praia-jatiuca-maceio-al-5272

Vale a pena visitar Jatiúca e aproveitar os seus atrativos. Pode por exemplo, curtir as brincadeiras e passeios na areia, pois há um espaço maior para tal, e deixar os pequenos brincar à vontade na beira-mar, que tem águas calmas. O mar abre-se convidativamente, mas o melhor local para um gostoso banho é em frente aos hotéis. A orla não é protegida por corais e a praia sofre a ação dos ventos litorâneos, isto provoca boas ondas em alto mar, tornando o local excelente para surfistas.

pessoas-praia-jatiuca-maceio-al-5258

Mas, não vá embora ainda, resta conhecer dois pontos gastronômicos tradicionais de Jatiúca. O Boteco do Recife, onde a boa é curtir o happy hour, e o Restaurante Bodega, onde a comida sertaneja faz sucesso. Outro local que não dá para perder são as tapiocarias, que servem estas delícias tradicionais do Nordeste. As tapioqueiras daqui são consideradas as melhores do estado. Que tal comprovar?

Praia de Cruz das Almas

A Praia de Cruz das Almas é aquele destino certo para quem vai sabendo o que encontrará no local. Se você quer uma praia de Maceió para passar o dia na barraca e dar aquele mergulho de vez em quando, essa talvez não seja a mais indicada. É uma praia de ondas um tanto bravias e por isto é uma das preferidas dos surfistas. Os mergulhos aqui não são recomendados, devido à imensa quantidade de recifes perigosos.

De qualquer forma vale a pena o passeio. Dá para apreciar os surfistas e ver a grandiosidade da paisagem. É um bom programa para o final de tarde e você ainda pode participar de rodas de música e luais, que sempre acontecem por aqui. A certeza de encontrar gente bonita, divertida e disposta a curtir bons momentos é grande.

Praia de Pontal da Barra

Para quem gosta de comprar e ver belezas naturais tem que conhecer Pontal da Barra. Banho aqui não é possível, devido à proximidade do polo petroquímico, o que torna o mar não balneável. Por outro lado, em termos de beleza, a praia é nota 10.

Pontal da Barra também vale para quem gosta de compras. Neste caso, é aqui mesmo que tem que parar! É lá que está o Núcleo de Artesanato Pontal da Barra, da famosa Rua das Rendeiras, onde as artesãs criam e vendem seus belos rendados, bem próximo à Lagoa Mundaú.

confeccao-artesanal-maceio-al-6393

Antes de sair de Pontal da Barra, que tal curtir um passeio de escuna pela Lagoa Mundaú? O passeio, que dura 4 horas, é belo e desbrava cenários naturais que se estendem por 600 quilômetros de superfície. Parada na Prainha para mergulho e alimentação e tour pelas ilhas para observar os manguezais, a vegetação de restinga, os crustáceos e lindas praias isoladas. Vale a pena!

Você está conferindo os motivos para incluir Aracaju na sua lista de viagens. Se está gostando das dicas da cidade, compartilhe no seu Facebook, ou tuíte, e convide os amigos!

Compartilhe no FacebookCompartilhe no Twitter

E então? Viu só quantas praias belas? Assim é o litoral de Maceió. Independente de onde se localizam as praias, se urbanas ao norte ou ao sul do litoral, todas são privilegiadas por grande beleza natural.

Mas, ainda nos resta contar sobre algumas bem legais que exercem sobre nós impressionante fascínio e que estão nas redondezas de Maceió. Confira.

Maceió – As praias da Redondeza

Quem está em Maceió pode dar aquela fugidinha até algumas praias que ficam pertinho da capital. Algumas você consegue ir e voltar no mesmo dia, economizando bastante com hospedagem, já que os transportes são fácil, constantes e baratos. Dentre essas praias da redondeza que você deve colocar em seu roteiro estão:

Praia de Riacho Doce

Uma praia bastante interessante e que tem história para contar é a de Riacho Doce. Ela fica apenas a 16 km de Maceió e foi palco de seriado da TV Globo em 1990, que levou o mesmo nome do lugar. Quer dizer que virou star e aí todo mundo quer ver, pisar em suas areias, banhar-se em suas águas e, claro, fazer aquele registro para deixar de recordação.

A prainha linda criou fama e na alta temporada fica cheia. Seu entorno é cheio de casas de veraneio, o que é uma grande vantagem para quem deseja passar mais tempo por aqui. O mar possui ondas boas para windsurfe e surf. Quando passa a alta temporada vem o sossego: a praia fica mais vazia e mais tranquila, ideal para quem busca paz e descanso.

Praia da Sereia

Bem pertinho de Riacho Doce, andando mais 1 quilômetro, encontramos a Praia da Sereia. Um mar calminho, águas serenas e cristalinas, parece mesmo uma sereia querendo seduzir. É como uma piscina imensa de águas naturais.

A Praia da Sereia está apenas a 17 km de Maceió, o que a deixa completamente atrativa para quem vem apenas para a capital. Também é possível encontrar transporte fácil e com preços praticamente de um ônibus urbano.

Seu nome é devido a uma grande estátua de sereia que fica sobre os recifes e virou cartão-postal da região. Mas, o legal daqui é que logo na rodovia AL 101, pouco antes de chegar à praia, tem um mirante com vista maravilhosa da região. Vale muito a pena incluir esta praia em seu roteiro e registrar o passeio a partir desse ponto. Uma dica é curtir a Praia da Sereia durante o dia e chegar no mirante já no final da tarde, quando o sol vai se despedindo. É um lindo espetáculo.

Praia de Jacarecica

Com sua faixa de areia muito adequada para caminhadas, Jacarecica também faz parte da lista de praias nas redondezas de Maceió que você precisa conhecer. Nela também surgem as piscinas naturais quando baixa a maré, sendo a diversão dos turistas mirins.

foto-praia-de-jacarecica-em-alagoas-brasil-3585

É uma praia perfeita para famílias em férias e para àqueles que gostam de dar um bom mergulho. Passar o dia aqui com amigos é tudo de bom. Jacarecica fica apenas a 9 km do centro de Maceió e a acessibilidade é muito simples e fácil.

Praia de Guaxuma

Localizada a 10 km da cidade, Guaxuma é outra praia que você pode curtir saindo rapidinho de Maceió. Ela é cercada de quiosques, proporcionando um dia agradável com petiscos e bebidas.

mesas-praia-guaxuma-maceio-al-3205

As diversas casas de veraneio no entorno fazem com que Guaxuma seja muito movimentada na alta temporada, mas tranquila no inverno, ainda com sol e temperaturas de verão.

faixa-grande-areia-praia-guaxuma-maceio-al-3212

Em alguns pontos da orla, há divertidos passeios para as crianças, que podem andar de pônei ou a cavalo, enquanto os adultos podem jogar uma partida de futebol de areia ou vôlei na larga faixa de areia. Já o mar de Guaxuma convida para um banho relax e refrescante. Quem resiste?

foto-praia-de-guaxuma-em-alagoas-brasil-3603

Praia da Garça Torta

Se você quiser deslumbrar-se com a natureza quase intocada, vá até a Praia da Garça Torta. Ela está a 13 km de Maceió e será onde você desfrutará de exuberante beleza natural. A praia é meio deserta e há bem pouca infraestrutura, ideal para os que preferem caminhar na orla com todo sossego.

Praia do Francês

A Praia do Francês é uma das praias dos arredores de Maceió mais procurada. Fica situada na cidade de Marechal Deodoro, distante 20 km da capital. No verão está sempre lotada, sendo muito movimentada e cheia de barracas à beira-mar, oferecendo ótima infraestrutura.

foto-praia-do-frances-em-alagoas-brasil-3775

A Praia do Francês é quase que um cartão-postal de Alagoas. Ganhou muita fama entre os turistas por sua natureza bonita e excelente estrutura. Além das barracas, possui comércio acessível variado e até pousadas. Tudo próximo à orla, podendo-se curtir o dia com total tranquilidade.

A praia se divide em duas partes. Em uma delas há uma enseada e na outra parte é o mar aberto. Na parte da enseada é só alegria. O divertimento fica por conta das piscinas naturais, onde as opções são variadas: nadar, mergulhar, passear de banana-boat, aproveitar os passeios de lancha ou jet-ski.  E para quem adora altura há até também os passeios panorâmicos de ultra-leve sobre a praia. Já na outra parte, o mar é aberto, onde os surfistas tomam conta, com ótimas ondas.

foto-praia-do-gunga-em-alagoas-brasil-3130

Uma boa pedida é o passeio de barco até o Saco de Pedra, onde se encontram mais piscinas naturais. Nesse local as barracas são mais rústicas e há maior paz e a tranquilidade. Para quem está em busca de um pedacinho da costa para descansar, sem grandes movimentos, vai se apaixonar por aqui.

foto-praia-do-frances-em-alagoas-brasil-3781

Há ainda uma faixa de recifes que é área ambiental protegida, então, neste ponto, você pode apreciar a paisagem passeando pela orla de quadriciclos.

guarda-sol-praia-frances-alagoas

A Praia do Francês é indicada também para turistas que gostam de baladinhas e paquera. Que tal achar um novo amor por lá?

Praia do Gunga

A Praia do Gunga faz parte de um município vizinho chamado Barra de São Miguel. Fica a 38 km do centro de Maceió, sendo a segunda mais conhecida do Estado – entre aquelas praias que ficam próximas da capital, atrás apenas da Praia do Francês. É para vir e ficar o dia inteiro curtindo, pois você encontra com muita facilidade ônibus e vans fazendo o trajeto de diversos pontos da capital.

casal-praia-gunga-alagoas

Águas límpidas, belos coqueirais e piscinas naturais na maré baixa. Tem bares, barracas, ótima infraestrutura turística. Maravilha, não acha?!

foto-praia-do-gunga-em-alagoas-brasil-3090

Um ponto forte é o mirante do Gunga, de onde se tem a mais bela vista da região. Você não vai perder a oportunidade de ver de cima um paraíso, né? Aproveite para visitar esse ponto já no final do dia, pois o pôr do sol deste lugar é incrível.

Jequiá da Praia – Dunas de Marapé

Na cidade de Jequiá da Praia, que fica a 68 km de Maceió, está um interessante lugar que merece ser visitado. O local é uma pequena cidade do litoral Sul de Alagoas onde encontra-se a Praia Barra do Jequiá também chamada de Duas Barras.

Essa é uma praia de grande extensão e cercada de mata nativa. Suas areias finas e douradas vão de encontro a um mar cristalino e tranquilo. Aqui acontece o encontro do Rio Jequiá com o mar e deste encontro resulta a lagoa do Jequiá, a maior lagoa do Estado de Alagoas. É justamente na lagoa que tudo acontece. São praticados esportes náuticos, pesca, mergulho livre e muito mais.

O surpreendente, porém, não é apenas a beleza do lugar. Atravessando o Rio Jequiá você consegue chegar às Dunas de Marapé, onde além da visão encantadora, há a opção do passeio de bugue pelo morros de areia branca e fina. O trajeto fica ainda mais belo devido a paisagem da região, pois essa é uma área de preservação ambiental belíssima.

O local é o Complexo Turístico Dunas de Marapé. Você encontra aqui toda uma infraestrutura montada para atender com eficiência aos turistas: restaurantes, barracas, lojas, bebidas e até mesmo uma pousada. Vale muito a pena vir conhecer e passar aqui um dia. Antes de vir, certifique-se de que o Complexo estará em funcionamento neste dia. Apesar de turístico, ele não abre diariamente, mas os transportes que trazem turistas até aqui sempre sabem quando o lugar está ou não funcionando.

Piscinas Naturais de Paripueira

Quem está em Maceió não pode perder a oportunidade de fazer este passeio. Além da visita às piscinas naturais de Pajuçara que são de facílimo acesso, visite também as de Paripueira, que ficam a 33 km de Maceió. Chegar até elas é é muito simples também.

menina-mergulhando-piscinas-naturais-paripueira-maceio

As Piscinas Naturais de Paripueira marcam o começo da imensa faixa de recifes que vai até Pernambuco, a segunda maior do mundo, atrás apenas da Barreira de Corais da Austrália. Lá, você pode vivenciar de perto o fascínio da vida marinha, mergulhando nas águas claras e mornas junto a diversificadas espécies do mar. Já imaginou corais e peixes ao alcance das mãos? Você terá essa oportunidade aqui!

corais-piscinas-naturais-paripueira-maceio-alagoas

Agências locais dão o suporte completo para o passeio, que dura em torno de 1 hora e meia. A maioria segue o esquema bate-e-volta de Maceió, onde você sai de manhã logo cedo, aproveita o dia nas piscinas da região e volta para a capital no final da tarde. Eles também fornecem o equipamento necessário para mergulho e snorkel, além de orientadores. O passeio é imperdível. Mas, fique atento e cuide para preservar o habitat que está visitando. A preservação ambiental aqui é item primordial.

pessoas-piscinas-naturais-paripueira-maceio-alagoas

Principais pontos turísticos de Maceió

Apesar de ter toda aquela atenção voltada para as praias da capital – o que é mais que justificável devido toda a beleza que você encontrará -, Maceió também guarda um pedacinho da história do Brasil que precisa ser conhecida. Se você também gosta de aproveitar as suas férias para aprender mais sobre nossos colonizadores ou conhecer a história do lugar que visita, precisa ver de perto alguns monumentos históricos daqui.

Na lista abaixo estão alguns daqueles que fazem parte da lista “passagem obrigatória”. Confira.

Centro Histórico de Maceió

O Centro Histórico é um dos pontos mais interessantes de Maceió. São igrejas, museus, pontos comerciais e casas de cultura que guardam entre suas paredes a história do lugar. Você pode ver de perto toda a antiga estrutura da cidade e ver como viviam os primeiros habitantes da região.

centro-historico-maceio-al-6111

No casario se observa a presença de detalhes portugueses, góticos, neoclássicos e barrocos. Para conhecer um pouco mais sobre a riqueza da cultura de Maceió, faça uma visita e aprecie o rico e belo patrimônio histórico da capital. Também pode-se apreciar casas com sobrados seculares e museus que recriam a história do povo nordestino.

Uma das igrejas que está no Centro Histórico de Maceió e não deve ficar de fora da sua visita é a do Bom Jesus dos Martírios. Sua fachada é feita de azulejos portugueses e em seu interior a presença do estilo art-nouveau é percebido. Há também a de Nossa Senhora do Livramento e a Catedral Metropolitana, que dá para dar aquela passadinha.

igreja-centro-historico-maceio-al-6083

Museus da cidade

Os Museus também são muito interessantes em Maceió e um passeio agradável para quem ama história e arte. O Museu de Arte Sacra Pierre Chalita abriga quadros de Tarsila Amaral, além de muitos outros quadros de pintores brasileiros e locais, mobiliários, esculturas e imagens sacras do século 17 e 18. Fica na Praça Manoel Duarte, número 77, em Pajuçara.

museu-pierre-chalita-centro-historico-maceio-al-6078

Já o Museu Théo Brandão encanta com a história da cultura popular alagoana. Seu acervo é composto por obras culturais e artísticas da região. Os visitantes se encantam com um pouco da história do Nordeste por meio de fotos, imagens, ilustrações, gravuras, cordel, artesanato. O museu fica na Avenida da Paz.

museu-theo-brandao-centro-historico-maceio-al-6116

Palácio Marechal Floriano Peixoto

Um dos locais históricos que deve ser apreciado é o Palácio Marechal Floriano Peixoto. Esse palácio foi sede do governo de Alagoas por muitos anos e depois foi transformado em museu. Aqui estão expostas ricas coleções de cristais, pratarias, móveis em madeira e couro de épocas anteriores.

assembleia-legislativa-estadual-centro-historico-maceio-al-6125

No palácio também se encontra Memoriais de duas ilustres figuras alagoanas: do poeta Ledo Ivo e de Aurélio Buarque de Holanda. O museu fica no Centro da cidade, na Praça Marechal Floriano Peixoto, 517.

O Bairro do Jaraguá

Visitar Maceió sem ver Jaraguá é algo que não dá para acontecer. Caminhe pelo bairro e vá curtindo cada coisa devagar. Comece pelo sebo Livro Lido e apaixone-se pelos títulos. São mais de 20 mil livros, gibis, CDs, entre outros materiais impressos para você conhecer e ler um pouco.

Pare em algum bar para um café tradicional. Chegue até o prédio da Associação Comercial de Maceió em arquitetura neoclássica e fascinante. O prédio é de 1928 e abriga o Museu do Comércio. Vá também até a Avenida Paz visite o Theo Brandão.  Visite ainda o Museu do Poeta Jorge Lima. Em Jaraguá está também o Porto de Maceió.

associacao-comercial-centro-historico-maceio-al-6101

O bairro é histórico, então, aprecie a arquitetura dos galpões antigos de açúcar, visite atelier de pinturas, conheça livrarias e cafeterias. O mercado público também merece uma visita, aproveite para provar a gastronomia local, uma delícia!

Rua das Rendeiras – Artesanato local em Maceió

Na Rua das Rendeiras é onde está concentrado o artesanato de Maceió, mais precisamente no Núcleo de Artesanato de Pontal da Barra. Aqui as famosas artesãs nordestinas comercializam seus trabalhos de renda e outros artefatos para quem quer levar um pedacinho de Alagoas para presentear amigos e familiares queridos, ou até mesmo para enfeitar suas próprias casas.

confeccao-artesanal-maceio-al-6315

Os trabalhos são feitos à mão e o resultado é surpreendente. São peças de vestuário e peças de banho, mesa e cama, carinhosamente rendados à mão com criatividade e capricho. Não dá para ir embora sem ver e levar, mesmo a mais simples lembrança. O Núcleo de Artesanato de Pontal da Barra fica às margens da Lagoa Mundaú.

No local, há também lojas de artesanato que comercializam lembranças de Alagoas, como peças em cerâmica, metal, barro, couro, madeira e tecido. Tudo um encanto só!

Vida Noturna de Maceió

Nem só de sol e mar vive Maceió. A vida noturna da capital alagoana é repleta de movimento. E quando se fala em vida noturna, o esquema é um pouco diferente de outras regiões A noite começa mesmo na orla, quando termina o período de praia. Então não é preciso nem voltar para o hotel, fazer aquela big produção para curtir uma baladinha. Dá para ficar tranquilo e simples sem grandes preocupações.

Pós praia, o divertimento segue nas barracas da orla e nos bares próximos. Muitos vão estendendo seu atendimento noite a dentro. O dia se vai, mas o pessoal fica por ali. Um pagode aqui, uma bebida ali. O negócio é animar a noite.

Outro ponto forte da noite em Maceió são os calçadões de Pajuçara, Ponta Verde e Jatiúca. Super movimentados. Para quem gosta de diversificar, há ótimos bares nos bairros de Stella Maris e Jaguará.

Em Ponta Verde, as barracas Lopana e Kanoa Beach estão entre as mais populares. Elas agradam muito com música ao vivo, ambiente informal e bons drinks. A barraca Lopana possui varia a programação diariamente.

Maikai é uma casa noturna, localizada em Jatiúca, muito popular em Maceió. Ela é dividida em dois ambientes: Choperia e show bar. Por isto, consegue atender a múltiplos gostos. Quem quer dançar vai de Maikai, assim como quem quer apenas bebericar um chopinho gelado tranquilamente. A casa é referência em entretenimento e diversão na Região Nordeste. Além do Maikai, há vários bares pela região, entre os melhores estão o Boteco Praia e o Armazém Guimarães.

E tem Pub em Maceió! O La kombi’s Pub’s é boa pedida para quem quer curtir a noite. Ele oferece música ao vivo e shows em estilos variados. É um local de lazer e relax onde você pode bater um bom papo com os amigos, relaxar, divertir-se com Rugby, sinuca e transmissão de esportes. Além disso, pode também usufruir de cervejas importadas.  Os Pubs têm sua origem na Inglaterra. Chamados de os Public Houses, esses são bares onde a vida social acontece. O La Kombi’s fica situado em Jatiúca. A casa possui dois andares e faz homenagem a São Jorge, por ser o santo padroeiro da Inglaterra e porque ele é protetor de muitos brasileiros.

Já o Armazém Guimarães e Maria Antonieta são locais para quem sai à noite e quer saborear uma deliciosa refeição. O Armazém Guimarães oferece ótimas pizzas, enquanto que o Maria Antonieta tem ambiente refinado e cardápio de massas e outras receitas italianas de alto nível gastronômico, com diversificada cartela de vinhos.

Mas, caso queira um jantar à base de frutos do mar e comidas típicas, Japiúca é também indicado. No bairro há excelentes restaurantes que além dos sabores da região, inovam com a gastronomia francesa, japonesa e peruana.

O Bar do Lampião é também uma boa pedida para ouvir música ao vivo, curtir um forró e ter uma noite bem legal. É aqui que servem um gostoso caldinho de sururu.

Quando ir – Festas típicas de Maceió

As festas típicas daqui são muitas. Algumas são denominadas folguedos. São festas de caráter religioso ou histórico que se expressam através de puras manifestações populares. Elas tê o objetivo de ressaltar a fé ou fatos históricos marcantes para o povo. Entre as mais tradicionais manifestações encontram-se:

Guerreiro ou Auto dos Guerreiros

O Auto dos Guerreiros recorda a visita dos 3 Reis Magos ao menino Jesus recém-nascido. É um folguedo de Natal dramático, profano-religioso. É comemorado de 24 de dezembro até 6 de janeiro. Neste período, as casas são percorridas e de porta em porta é anunciada a vinda de Deus menino e os Magos são homenageados. O grupo é formado por cantores e dançarinos de 25 a 35 figurantes. O traje é feito com objetivo de simular igrejas, palácios, guarda-peitos diademas e coroas e mantos.

Pastoril

É um folguedo alagoano bem popular. Uma dramatização do Presépio de forma fragmentada, ou seja, sem falas ou diálogos. Composto de canções e danças de épocas e formas variadas.

Bumba meu boi

Dança popular que tem o boi como figura principal. Em Alagoas a dança é parecida com um teatro de revistas. Apresenta desfiles de animais ao som de cantos entoados pelo grupo de cantores do grupo que acompanha a figura do boi.

Reisado

Manifestação popular de origem portuguesa. Tem um caráter mais profano religioso. São músicos reunidos em grupos, cantores e dançarinos, que vão anunciar a chegada de Jesus e homenagear os 3 Reis Magos. O grupo bate de porta em porta para dar a boa notícia. O reisado acontece no período de 24 de dezembro a 6 de janeiro. Na dança há entremeios onde o dançarino dança, brinca e simula a morte e a ressurreição.

Além dessas principais, outras festas típicas de Maceió podem entrar para a lista como a Festa das Baianas, a Festa de Reis, a Festa de Nossa Senhora dos Prazeres e Bom Jesus dos Navegantes, a festa de Nossa Senhora da Conceição e Iemanjá, a Festa de Santa Luzia, os festejos de Natal e a Festa da Cavalhada.

Festival Maceió Verão

Verão no Nordeste é algo sem igual. É tradição comemorar cada época do ano, mas esta em especial recebe muitas festas. Uma que está se tornando típica em Maceió é a que abre a alta temporada: o Festival Maceió Verão, que acontece durante 4 finais de semana de janeiro e movimenta a cidade. São shows sob um cenário magnífico: o pôr do Sol da orla de Pajuçara.

O Festival Maceió Verão já faz parte do calendário cultural oficial de eventos da cidade. O evento incentiva o turismo e agrada também à população local. Além disso, é mais um excelente atrativo para a região em janeiro. A Prefeitura é responsável pela festa, mas conta com diversas colaborações e parcerias para assegurar segurança, atendimento médico, sanitários, limpeza, entre outras estruturas.

Réveillon em Maceió

Maceió é conhecida como capital do Réveillon do Nordeste. Passar o último dia do ano aqui e ver os primeiros raios de Sol do novo ano na cidade é tudo de bom. Na orla marítima ocorre a concentração para ver o show de fogos de artifício que anunciam um novo ano. Logo após começam os shows da virada, que entram madrugada a dentro para comemorar o ano novo.

Períodos do ano em Maceió

Depois de conhecer tantos atrativos fica até difícil falar quando ir para Maceió, porque a cidade oferecerá benefícios para os turistas durante o ano inteiro. Dependendo do seu estilo de viagem, pode ser que uma época seja mais favorecida que outra. Nos meses de janeiro e fevereiro, por exemplo, é quando o verão ainda ferve no Nordeste. Nesse período as praias estão sempre lotadas de gente, o que é uma oportunidade maravilhosa para quem viaja sozinho e quer fazer novas amizades. Em compensação, os valores dos serviços aumentam consideravelmente.

De março até junho Maceió fica bem mais tranquila. É um período de baixa estação e dá para curtir com mais sossego. Porém, quem busca muita festa e agitação pode não encontrar. A noite nessa época funciona como em qualquer outra cidade, sem shows e eventos em especial. Junho por aqui, assim como no Nordeste inteiro, muda de clima com a chegada dos festejos de São João. A cidade se enfeita e recebe os melhores shows de forró durante o mês inteiro. Muitas feiras e festivais de quadrilha acontecem.

festas-apresentacoes-tipicas-maceio-al-4364

Julho, agosto, setembro e outubro é a melhor época para visitar Maceió se você quer tranquilidade e preços baixos. Chove um pouco, mas nada que chegue a atrapalhar passeios ou aquela praia. Em novembro a cidade volta a se preparar para o verão e a agitação começa novamente.

E aí, nos conte quando pretende ir para Maceió! Você com certeza irá se apaixonar pela cidade!

Por Guia Viagens Brasil Texto: Fotos:  04 de janeiro de 2016

Receba dicas de viagem


Insira seu email para receber artigos exclusivos e dicas de passeios imperdíveis!





Gostou? Divulgue este artigo para seus amigos!

Deixe o seu comentário

DICAS RECENTES DO BLOG

GUIAS DE VIAGENS GRÁTIS - BAIXE AGORA O SEU!

Loja
Encontre os melhores ebooks de dicas de viagem pelo Brasil

Procurando dicas de viagens pelo Brasil?
Cadastre seu email e receba dicas exclusivas:

Editorial - Contato - Anuncie Grátis - Área de Anunciantes - Seja um colaborador

© Copyright 2013 - 2017 - Guia Viagens Brasil - Mapa do Site