Viajar Barato para MACEIÓ

Publicidade

Viajar barato para Maceió não é mais um sonho tão distante. Colocar a cidade em suas andanças é um ato possível e você pode fazê-lo sem gastar muito. Conhecida por muitos nomes que revelam suas belezas, Maceió já teve codinomes como “Paraíso das Águas”, “Cidade sorriso”, ”Cidade restinga” e hoje merecidamente é conhecida como “Caribe Brasileiro”.

Praia de Ipioca, pertinho de Maceió, o 'Caribe Brasileiro', em AL. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Praia de Ipioca, pertinho de Maceió, o ‘Caribe Brasileiro’, em AL.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

A cidade é a capital do estado de Alagoas e está localizada no “meio” do Nordeste brasileiro. Banhada por mar que varia entre verde e azul turquesa, encanta e inspira. É atração imperdível por suas belas praias enfeitadas por majestosos coqueirais. Sem falar das piscinas naturais repletas de peixes. E tem muito mais para ver e conhecer, sem gastar quase nada.

Maceió, bela e encantadora, constitui passeio que não pode faltar em seu itinerário de viagens. Só vindo aqui para ver e sentir o que cantou o poeta Luiz Gonzaga Ai que dó viver longe de Maceió. Você verá que é sério o que afirma a canção!

Chega de papo e vamos às dicas de passeios!

O que visitar na cidade?

Catedral Metropolitana de Maceió

Fazendo um tour pelo centro da cidade você encontra a Catedral Metropolitana de Maceió logo no início. De grande riqueza cultural, a Catedral possui muitos encantos. O destaque vai para os altares lindíssimos e a imagem de Nossa Senhora dos Prazeres.

Museu Théo Brandão de Antropologia e Folclore

Excelente pedida para conhecer um pouco mais sobre a cultura nordestina, principalmente se você não é dessa região, é visitar o Museu Théo Brandão de Antropologia e Folclore, no Centro Histórico de Maceió.

Museu Théo Brandão de Antropologia e Folclore, no Centro Histórico de Maceió, AL. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Museu Théo Brandão de Antropologia e Folclore, no Centro Histórico de Maceió, AL.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

É cobrada apenas uma taxa simbólica pela visita, que varia de acordo com a época do ano. Vale a pena também conhecer e levar consigo as mais belas impressões do povo alagoano. O acervo inclui obras de artistas da região, dados sobre danças típicas, eventos como antigos carnavais e peças de artesanato.

Museu de Arte Sacra Pierre Chalita

A visita constitui diversão e cultura gastando pouco. Este museu guarda a coleção do pintor Pierre Chalita, onde se sobressai a arte sacra. O acervo é composto de pinturas, objetos de decoração, gravuras e esculturas.

Palácio Marechal Floriano Peixoto

Este palácio fica localizado no centro da cidade e é um passeio de cunho histórico e cultural bastante interessante.

Palácio Marechal Floriano Peixoto, no Centro Histórico de Maceió, AL. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Palácio Marechal Floriano Peixoto, no Centro Histórico de Maceió, AL.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Conhecido como Palácio do Governo, é de visitação franca. O prédio é uma das grandes representações da arquitetura histórica do lugar. Por ocasião da visita você tem oportunidade de conhecer a história do palácio e se encantar com móveis de época, quadros e objetos. O museu possui memoriais homenageando Lêdo Ivo e Aurélio Buarque de Hollanda personalidades da terra alagoana.

Igreja Nossa Senhora do Livramento

Esta igreja, no Centro de Maceió é uma representante da arquitetura neoclássica. Possui interessantes quadros antigos, inclusive uma pintura muito bela da Imaculada Conceição. A visita vale pela arquitetura e pelo contexto religioso e cultural que o lugar apresenta. É um lugar que transmite paz e tranquilidade para qualquer turista.

Galeria de Arte Karandash

Esta galeria expõe interessante acervo. Com obras tanto da arte popular quanto da contemporânea, a galeria fica localizada no centro da cidade, podendo ser visitada juntamente com outros passeios pelo bairro. Seu acervo é constituído por esculturas, pinturas, vídeos com documentários e gravuras diversas.

Passeios legais sem pagar nada

Vale a pena só de estar em Maceió! A cidade inspira e te faz sonhar ao mesmo tempo. Para isso basta aproveitar a estadia e sair para passear na avenida beira-mar. Curtir a paisagem, aproveitar o ar marinho, ver o pôr do sol… E que tal pedalar ou praticar algum bom esporte na areia das lindas praias urbanas? É lazer que tranquiliza, relaxa e te faz ficar mais pertinho dos familiares. Aos domingos a avenida beira-mar na praia Pajuçara fica fechada para possibilitar estes pequenos prazeres a turistas e aos moradores.

Orla de Ponta Verde, tranquilidade de lazer aos domingos, em Maceió, AL. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Orla de Ponta Verde, tranquilidade de lazer aos domingos, em Maceió, AL.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Uma outra opção para você e sua família curtirem esta terrinha sem gastar nem um tostão é aproveitar o “Lazer na Praça do Centenário”. Aqui você passa por momentos de alegria e descontração. Tem espaço para esportes, piqueniques e outras atividades de lazer.

Mais uma atividade boa e barata é o passeio de bicicleta pela ciclovia que vai desde a praia do Pontal até Jatiúca. Para isto você aluga uma bicicleta que estão disponíveis em pontos específicos da via. O veículo alternativo vai te possibilitar conhecer um pouco mais da cidade.

Passeio de bicicleta na orla das praias urbanas de Maceió, AL. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Passeio de bicicleta na orla das praias urbanas de Maceió, AL.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Passeios por mar ou pelo ar

Você pode também se aventurar por Maceió através de atividades de ecoturismo e outras que envolva um contato maior com a natureza. Existem empresas especializadas para proporcionar estes passeios com toda segurança. E algumas opções são bem acessíveis.

Passeio pela Foz do Rio São Francisco

Percorrer o Velho Chico, visualizar ilhas, mangues e vegetação costeira não custa muito e é imperdível. De Maceió há várias empresas que oferecem o tour bate-e-volta. Para economizar, você pode dividir a viagem com mais pessoas. O aluguel de um carro é ótima forma de chegar até Piaçabuçu, a 142 km da capital alagoana, de onde saem os passeios de barco. Moradores oferecem o tour em embarcações que pode reunir até 4 pessoas. Neste trajeto, há parada perto do local onde ocorre o encontro das águas do rio com o mar, do lado alagoano. Desta forma, dá para fazer o passeio sem ficar sem dinheiro.

Passeio de barco pela Foz do Rio São Francisco, em Alagoas. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Passeio de barco pela Foz do Rio São Francisco, em Alagoas.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

O passeio à Foz do São Francisco também pode ser feito em lancha rápida. Um pouco mais caro que de barco, mas ainda acessível. Este passeio inclui ida à Ilha do Farol, do lado sergipano.

Farol na Foz do Rio São Francisco, na divisa entre Sergipe e Alagoas. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Farol na Foz do Rio São Francisco, na divisa entre Sergipe e Alagoas.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Voo Panorâmico de Paraquedas – Parasail

Para quem curte altas e radicais aventuras. Há o vôo de Parasail. O vôo sobre a terra é mais em conta. Sobre o mar é bem mais caro. No preço do vôo estão incluídos os equipamentos necessários para a aventura. A duração da atividade é de 8 minutos e leva a contemplar do céu a beleza de parte de Maceió.

Você está conferindo dicas para viajar barato para Maceió. Se está gostando, que tal compartilhar no seu Facebook, ou tuíte, e convidar os amigos para esta super viagem?

Compartilhe no FacebookCompartilhe no Twitter

Melhor época para vir a Maceió

É certo que fora do Verão – período de alta temporada – fica tudo mais barato. Mas, é possível economizar também mesmo indo nas melhores épocas. A boa notícia é que aqui faz calor na maior parte do ano. Com exceção, é claro, do inverno, quando chove com frequência, mas ainda assim o sol dá o ar de sua graça todos os dias, permitindo curtir os passeios.

Muita gente opta por visitar Maceió fora do verão, pela tranquilidade, já que a cidade não está lotada e você pode economizar bem, pois os custos de passeios também estão bem reduzidos. A vantagem de ir no verão é que você encontrará águas mais límpidas e muita animação por conta do grande movimento.

Praia urbana de Ponta Verde, Maceió, AL. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Praia urbana de Ponta Verde, Maceió, AL.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Para viajar barato e ainda aproveitar a região, sem pegar períodos chuvosos, a recomendação é deixar de fora os meses de abril a junho. Aproveite todo o resto do ano.

Uma dica muito boa é fazer a viagem no mês de outubro e novembro. Meses quentes, sem muitas chuvas e ainda na baixa temporada.

Maceió – À mercê da maré

Outra dica mais importante até que do que escolher a temporada é optar por semana de maré baixa. Tem coisa por aqui que só acontece na maré baixa, como por exemplo, aproveitar as piscinas naturais. Além disso as praias, na maré baixa, são muito mais magníficas.

Como saber se a maré vai estar alta ou baixa?

Ah! Aí é fácil! Basta consultar, no site da Marinha (www.marinha.mil.br/chm/tabuas-de-mare) a Tábua da Maré. A indicação mais próxima de zero é a que equivale a maré mais baixa. Quanto mais alto estiver o número, mais alta estará a maré e menos condições haverá de ocorrerem determinados passeios. Portanto, vindo na maré baixa, você aproveitará melhor o seu dinheiro.

Praias de Maceió -Diversão gratuita e maravilhosa

As praias de Maceió são maravilhas da natureza, sendo, portanto, ponto alto da viagem. Simplesmente não dá para ir e ignorá-las, até porque aproveitar um dia de praia não custa nada! O mar de Maceió é tão lindo que é comparado às águas esverdeadas do Caribe. Os cenários são encantadores. 

As praias mais populares e de fácil acesso estão localizadas na área urbana. Quer mais facilidade?

Praia de Pajuçara

Esta é a mais popular de Maceió. Águas calmas e com paisagem linda, cercada de coqueiros.

Praia de Pajuçara, de onde saem as jangadas até as piscinas naturais, em Maceió, AL. <br /> Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Praia de Pajuçara, de onde saem as jangadas até as piscinas naturais, em Maceió, AL.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Daqui saem as jangadas para levar quem deseja visitar as piscinas naturais de mesmo nome, Pajuçara, em um passeio de 15 minutinhos até o alto mar, sempre na maré baixa, que ocorre, geralmente pela manhã. É possível negociar com o jangadeiro o valor do passeio. Pechinche, divida a jangada com mais turistas e faça um passeio delicioso.

Passeio de jangada até as Piscinas Naturais de Pajuçara, em Maceió, AL. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Passeio de jangada até as Piscinas Naturais de Pajuçara, em Maceió, AL.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Praia Ponta Verde

Ponta Verde possui uma orla rodeada por coqueiros e bem urbanizada. Possui também uma excelente estrutura para atendimento ao turista. Pela região é fácil encontrar bons restaurantes, para todos os gostos e bolsos. Também é fácil se hospedar, pois a hotelaria próxima oferece bons preços. A dica daqui é não ir embora sem ver o pôr do sol.

Praia de Ponta Verde, com ótima infraestrutura turística, em Maceió, AL. <br /> Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Praia de Ponta Verde, com ótima infraestrutura turística, em Maceió, AL.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Praia de Jatiúca

Jatiúca é praia de ondas fortes. Muito popular. Possui em sua orla barraquinhas e quiosques com toda a infraestrutura de qualidade para atendimento ao turista. Aqui você se diverte, sem gastar quase nada. A não ser com alimentação, que não é cara próximo a praia.

A urbana Praia de Jatiúca, em Maceió, AL. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

A urbana Praia de Jatiúca, em Maceió, AL.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

A praia não costuma ficar lotada. Ideal para quem gosta de curtir a natureza sem muito tumulto. Você pode passear de jangada e observar os peixinhos nadando na água cristalina. Apesar da beleza natural das praias, não se deixe iludir. É preciso consultar os relatórios de balneabilidade, no site do Instituto do Meio Ambiente de Alagoas (IMA). Há períodos em que o mar não está nem para peixe. Fique atento.

Piscinas Naturais – Paripueira

Para quem pode investir mais um pouquinho nos passeios, a dica é visitar as piscinas de Paripueira, a 28 km de Maceió. Você pode ir até lá de ônibus e depois pegar o catamarã.

Snorkeling nas Piscinas Naturais de Paripueira, próximo a Maceió, AL. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Snorkeling nas Piscinas Naturais de Paripueira, próximo a Maceió, AL.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

As piscinas naturais são formadas somente quando a maré está baixa. As águas límpidas deixam à vista uma imensidão de peixes coloridos. No local há jangadas-restaurantes com deliciosos pratos à base de frutos do mar e peixes. As caipirinhas de frutas típicas também são ótimas. As piscinas ficam a mais ou menos 3 km da praia de Paripueira.

Praia de Paripueira, em Maceió, AL. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Praia de Paripueira, em Maceió, AL.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Para curtir a noite em Maceió

O bairro Stella Maris é ótima pedida para quem quer curtir a noite sem gastar todo o dinheiro da viagem. Cheia de barzinhos convidativos.  Enquanto isso, em Jatiúca, bares da orla fazem a festa com forrós e shows ao vivo. Outra boa pedida para a noite em Jatiúca é curtir um pagode, samba ou axé.

Festas noturnas ao som do forró em Maceió, AL. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Festas noturnas ao som do forró em Maceió, AL.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Na festa noturna entram também barracas de praia. A Kanoa e Lopana, em Ponta Verde, são um atrativo e tanto, para os jovens, já que oferecem bandas e DJs. O valor é mais caro, mas, se você é baladeiro, este é seu point. O Maikai é outra opção, composto de choperia e show-bar. O local é referência em entretenimento. Para tomar um chopp geladinho, caso não queira gastar muito ou para curtir um show, você escolhe.

Arredores de Maceió

Sem precisar ir tão longe da capital, você encontra alguns pontos ótimos para passeio.

Praia do Gunga

A Praia do Gunga fica fora da zona urbana de Maceió. Localizada ao Sul da capital, possui uma beleza natural sem igual, cercada por coqueirais e longa faixa de plantação nativa. O local é bem movimentado. Vale a pena ver por sua incrível beleza. Se você tiver mais tempo na região e quiser curtir um local diferente, Gunga é sensacional.

Casal na bela Praia do Gunga, em Alagoas. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Casal na bela Praia do Gunga, em Alagoas.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Praia do Francês

Também nos arredores de Maceió, a Praia do Francês está localizada a 33 km da cidade, no Município de Marechal Deodoro. Esta praia é muito procurada e está sempre cheia.

Orla da movimentada Praia do Francês, em Alagoas. <br /> Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Orla da movimentada Praia do Francês, em Alagoas.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

O lado direito, onde o mar tem ondas mais agitadas é o preferido dos surfistas. O lado esquerdo é o canto da agitação, com gente para todo lado se divertindo, aproveitando o mar e apreciando os recifes de coral que formam pequenas piscinas próximos a praia.

Se não der para voltar para Maceió no mesmo dia, você pode ficar por ali. O local possui ótima infraestrutura. E para gastar menos você pode procurar uma pousada de boa qualidade.

Maragogi

Estando em Maceió, vale a pena dar um pulo em Maragogi. Apreciar as piscinas naturais e conhecer São Miguel dos Milagres. Maragogi fica a 125 km da capital alagoana. O bate-e-volta é cansativo, mas vale a pena. Praias muito belas e pouco movimentadas.

Praia de Maragogi, em Alagoas. <br /> Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Praia de Maragogi, em Alagoas.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Na verdade o que atrai mais turistas ao local são as piscinas naturais. As Galés, constituídas por corais, são as principais.

Galés, as Piscinas Naturais de Maragogi, em Alagoas. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Galés, as Piscinas Naturais de Maragogi, em Alagoas.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Já São Miguel dos Milagres é um povoado do litoral que fica a 91 km de Maceió. Leva em torno de 1 hora e 15 minutos de carro para chegar. O aconchego do local é incrível! Vale a pena o passeio pelas lindas praias e piscinas naturais do local. Porém, o vilarejo é rústico e tem pouca infraestrutura. Possui algumas pousadas na praia do Toque que dão conta do recado. Hospedagem e alimentação.

Onde ficar sem gastar muito em Maceió

Hospedagem em Maceió não é difícil. Você pode fazer boas opções a preços econômicos. Alguns locais popularmente conhecidos com boa hospedagem e preços razoáveis são os hotéis próximos às praias Pajuçara, Ponta Verde e Jatiúca. Além de possuírem bons preços, são bem recomendados por turistas que se hospedaram.

Mas, caso queira algo ainda melhor em preço, faça opção pelas pousadas. São muitas e você descansa sem gastar demais. O centro da cidade possui muitas delas. Fica fácil optar pela melhor. Para isto conte com a facilidade da internet. Atualmente, você não precisa arriscar com hospedagem, pois os muitos sites que disponibilizam informações sobre estadias são bem assertivos. Além disso, todos contam com as avaliações de hóspedes anteriores, super válidas.

Onde comer

Existem bons restaurantes em Maceió onde você pode comer bem sem atropelar o orçamento da viagem. Os mais populares e indicados, você encontra em Jatiuca e Pajuçara. Nesta região você tem a oportunidade de degustar da culinária regional e os saborosos pratos do Nordeste.

Mas as opções não param por aí. Para comer bem e barato, você pode optar pelos bares e restaurantes a beira-mar, nesta mesma região. Com preço acessível e comida muito bem preparada. O cardápio é variado incluindo carne de sol, escondidinhos, sorvetes regionais e bebidas. Você vai se surpreender com a qualidade dos pratos e os preços bem legais.

Portanto, viajar barato para Maceió é perfeitamente viável! Você não pode perder a oportunidade de conhecer um dos melhores locais deste Brasil e melhor, gastando pouco e curtindo à beça!! Você já conhecia a cidade? Tem alguma dica barata para outros leitores? Deixe seu cometário.

Por Guia Viagens Brasil Texto: Fotos:  06 de outubro de 2015

Receba dicas de viagem


Insira seu email para receber artigos exclusivos e dicas de passeios imperdíveis!





Gostou? Divulgue este artigo para seus amigos!

DICAS RECENTES DO BLOG

Procurando dicas de viagens pelo Brasil?
Cadastre seu email e receba dicas exclusivas:

Editorial - Contato - Anuncie Grátis - Área de Anunciantes - Seja um colaborador

© Copyright 2013 - 2018 - Guia Viagens Brasil - Mapa do Site