FIM DE SEMANA perfeito em SANTOS E SÃO VICENTE

A dupla linda do litoral paulista, Santos e São Vicente, vão lhe conquistar! E para curtir ao máximo o final de semana por lá, leia todas nossas dicas a seguir.

21 destinos BATE E VOLTA de São Paulo para sair da rotina

O litoral norte paulista reserva várias cidades excelentes para curtir um final de semana, ou quem sabe aquele feriado prolongado. Por isso mesmo, moradores de São Paulo capital e do interior adoram a região, e muitos frequentam sempre que podem e possuem até mesmo casas ou apartamentos de veraneio por lá. E a dupla formada por Santos e São Vicente é uma das favoritas por conta da proximidade e facilidade de acesso, além da infraestrutura de primeira por serem grandes centros urbanos.

E realmente a região da Baixada Santista é perfeita para quem não tem muito tempo: dá mesmo para aproveitar um fim de semana e curtir bastante as praias e atrações locais. Em Santos e São Vicente o que não falta é opção para dar um mergulho e vida noturna para relaxar depois de um dia de sol.

Foto calçadão Praia de Santos, SP.

Final de tarde em Santos é caminhando no calçadão, com a orla urbanizada com jardins, ciclovia e o belo mar ao ladinho.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Então confira tudo que você precisa saber para passar um tempinho nas “capitais” do litoral norte.

Dia 1 – Sexta-feira

Santos fica a cerca de 70 km de São Paulo capital, em pouco mais de uma hora de estrada através da SP 160 ou da BR 050. Ou seja, é completamente acessível em uma sexta-feira após o fim do expediente.

Chegando na cidade litorânea já à noite, o melhor a fazer é explorar a cena boêmia ou gastronômica santista, de acordo com as preferências de quem está viajando. Na verdade, já dá para passear pelo calçadão e os jardins da orla, ambiente muito agradável e cheio de quiosques modernos e que seguem animados mesmo após o sol se pôr.

Conheça Santos em imagens 360 graus clicando aqui!

E por ali ficam alguns bairros com muita oferta de bares e restaurantes, principalmente o Gonzaga. As cozinhas são variadas, e há opções para todos os gostos. Além de tudo, é por ali que se concentram algumas das melhores alternativas de hospedagem, além de três shoppings.

Embaré e Ponta da Praia são outros points com boas pedidas para comer e beber e perto da orla. É só escolher o que mais te agrada e pode ter certeza que Santos não vai decepcionar quando se trata de comes e bebes e de vida noturna.

Dia 2 – Sábado

A melhor pedida para começar bem o sábado é fazer o tradicional passeio de escuna pela baía de Santos.

O tour sai da Ponta da Praia, da Ponte Edgar Perdigão, e permite ver por outro ângulo todos os bairros da orla, suas praias e ainda as ilhas próximas.

Existem duas opções de roteiro: o principal tem uma hora e meia de duração, sai de hora em hora e vai até o porto. Ele passa por locais como a Fortaleza da Barra, a Praia do Góes e a Ilha das Palmas. Há outro que funciona apenas no verão e vai até o Guarujá, com quase quatro horas no total. Ambos contam com parada para mergulho para se refrescar no mar santista.

Conheça todas as Praias de Santos aqui

A tarde pode ser voltada para uma visita ao Centro Histórico da cidade, muito interessante sempre. O bairro agora foi revitalizado e se tornou uma grande atração para passear, seja caminhando ou nos charmosos bondes.

O Bondinho da Linha Turística é uma boa pedida, já que tem guia e valor acessível, saindo da Praça Mauá, da Estação do Valongo que faz parte da primeira ferrovia paulista. O trajeto leva 40 minutos e visita cerca de 40 pontos turísticos como os armazéns antigos, a linda arquitetura do Conjunto do Carmo, o Teatro Coliseu, a Igreja de Nossa Senhora do Rosário e a Casa da Frontaria Azulejada.O percurso de 5km é muito bonito e você realmente faz uma viagem no tempo. O horário de funcionamento é das 11 às 17h.

Foto bondinho em Santos, SP.

O charmoso bondinho ainda marca os tempos antigos de Santos, deixando um clima saudosista na cidade.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Enquanto estiver no centro, aproveite também para tomar um cafezinho, grande tradição de Santos. E pode esticar para aproveitar de noite os muitos bares e restaurantes da região, que sempre enchem nos finais de semana.

Confira mais dicas de Santos aqui!

Outra opção para aproveitar o dia e visitar o máximo possível da cidade é a Linha Conheça Santos. Ela é formada por micro ônibus turísticos que saem da Praça da Bandeira, no bairro do Gonzaga, de hora em hora, de 9h a 17h. E funciona no esquema de embarque e desembarque nas atrações que quiser parar um pouco mais, pegando o próximo veículo que passar para ir embora. Passa por cartões-postais como o estádio da Vila Belmiro, o Orquidário, o Monte Serrat, o Porto, a Pinacoteca e o Aquário Municipal.

Ainda há a versão Conheça Santos Morros, que leva aos morros de Nova Cintra e de São Bento. E a Conheça Santos Noroeste, que vai a outras partes da cidade, incluindo o Jardim Botânico.

Há também que adore circular nas praias de Santos. A do Gonzaga é a mais badalada, com muitos barzinhos e comércio aos arredores.

Você está conferindo os motivos para incluir Aracaju na sua lista de viagens. Se está gostando das dicas, compartilhe no seu Facebook, ou tuíte, e convide os amigos!

Compartilhe no FacebookCompartilhe no Twitter

Já a Praia do José Menino é a preferida dos surfistas. Quem gosta de conhecer o artesanato local, vai à Praia do Boqueirão passear na feirinha. Já a Praia do Embaré é repleta de bares e quiosques e uma opção mais tranquila à movimentada Praia do Gonzaga.

A Praia de Aparecida é bastante frequentada pelos moradores e sua família, pois possui muitas opções de brincadeiras para quem viaja com crianças. E, por fim, a Ponta da Praia é o ponto de saída de vários tour de barco pelo litoral, além de ser ponto de observação do grandioso e movimentado Porto de Santos.

Foto prédios na orla Praia de Santos, SP.

Rodeada de prédios, a Praia de Santos é destino certo de muitos turistas em São Paulo.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Dia 3 – Domingo

O último dia do nosso roteiro, mas ainda dá para aproveitar bastante!

De manhã, um pulinho na vizinha São Vicente pode ser muito agradável. Ela é uma das cidades mais antigas do Brasil, fundada em 1532 pelos portugueses. Por isso, já sabe que irá viajar pela história visitando vários pontos turísticos.

Inicialmente vá a Vila de São Vicente, onde as casas ainda são típicas construídas no estilo de 1500/1600. Depois do tour, ainda dá para conhecer lugares como a Ponte Pênsil (cartão-postal da cidade), a Ilha Porchat, a Praia de Itararé e o Parque Ecológico do Voturuá.

E é tudo bem pertinho de Santos, a menos de 10 km da Praia do Gonzaga, por exemplo. Ou seja, não há desculpa para não visitar a cidade-irmã de Santos e descobrir o que ela tem de melhor.

Veja mais fotos de São Vicente aqui!

Foto ponte pênsil o cartão-postal de São Vicente, SP.

Ponte Pênsil, o cartão-postal da cidade de São Vicente, uma das mais antigas do Brasil, em SP.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

De volta para Santos, depois do almoço que tal ir até o Parque Estadual Marinho da Laje? Ele é um dos principais pontos de mergulho da região e abriga uma incrível biodiversidade marinha e fica a 45 km da costa, com visibilidade de até 30 metros de profundidade.

Corais, anêmonas, tartarugas e, é claro, incontáveis peixinhos coloridos podem ser observados. E com sorte dá para ver as raias mantas gigante, já que a região faz parte da rota migratória desses animais incríveis! Há até um naufrágio artificial para se ter ideia de como a natureza toma conta de um navio que afundou.

É preciso contratar o passeio em agências de turismo, que também alugam equipamento de mergulho para aproveitar ao máximo a experiência.

8 motivos para você conhecer o Litoral Norte de São Paulo

Outra opção para a tarde de domingo, e se tiver sorte de cair no dia certo e for fã de futebol, nada melhor que assistir um jogo do Santos na tradicionalíssima Vila Belmiro! Conhecer um dos estádios mais gloriosos do Brasil é imperdível, e definitivamente vale a pena para quem gosta do esporte.

Se não curtiu as opções acima, não tem problema! A cidade ainda oferece muitas atrações para fechar a viagem, como o Parque Municipal Roberto Mário Santini, que fica na plataforma do emissário submarino municipal e é excelente para caminhar e relaxar; o Museu do Café, no antigo prédio da Bolsa do Café; o Monte Serrat, com o melhor mirante da região; o Museu Pelé, para saber tudo sobre o Rei do Futebol Brasileiro; o Orquidário, ambiente interessante para levar as crianças; o Deck do Pescador, com seu lindo pôr do sol; ou mesmo apenas pedalar pelas ciclovias santistas e curtir a atmosfera desse lugar incrível!

***
Infelizmente nosso roteiro chegou ao fim e é hora de voltar para casa… mas pode ter certeza que vai voltar renovado por tudo que uma escapada de final de semana em Santos e São Vicente pode fazer para a mente!

Por Guia Viagens Brasil Texto: Thaisy Sluszz Fotos:  Ricardo Junior 05 de dezembro de 2018