10 PASSEIOS BARATOS ou de graça para fazer em SÃO PAULO

Publicidade

A cidade de São Paulo, com toda sua imensidão e cultura, é uma das melhores opções para viajar barato, aproveitar ao máximo alguns dias de folga e voltar renovado para casa. Ou então, para os próprios paulistanos, há ótimas opções para curtir sem sair de lá.

E pode acreditar: não faltam passeios baratos em São Paulo.

Há muito o que fazer na maior cidade do Brasil para quem pretende viajar sem gastar muito.

Desde atrações culturais e históricas, até alternativas de lazer que não comprometem o bolso. Por essas e outras, definitivamente vale a pena considerar a capital paulista na sua lista de viagens do próximo feriadão.

Então confira os melhores passeios em São Paulo, para curtir sem abrir o bolso ou quase de graça!

Parque do Ibirapuera

Não há dúvidas de que o grande cartão-postal da cidade é o Ibirapuera.

É o parque mais visitado de toda a América Latina, inspirado no Central Park de Nova York, e oferece muitas atrações aos paulistanos e turistas.

O Ibirapuera é um dos melhores passeios turísticos a se fazer em São Paulo – e de graça!

Seja apenas passeando ou pedalando, correndo, fazendo um piquenique… não faltam opções de lazer. E existem alguns museus, e até o Planetário municipal, dentro dele.

Para completar, o local é perfeito para levar os filhos, como já falamos nesse outro post aqui sobre viajar com crianças em Sampa; não dá para ir até lá e deixar de conhecer!

O parque também oferece programação diferenciada em alguns períodos. Vale procurar por shows, apresentações, exposições, ou outras atividades culturais que possam estar sendo oferecidas no seu período de viagem para São Paulo.

Foto Lago do Parque do Ibirapuera, SP.

Lago do Parque do Ibirapuera, a área verde mais querida de São Paulo, SP.
Foto Banco de Imagens / www.guiaviagensbrasil.com

Museus e Centros Culturais

E por falar em museus, há uma infinidade de atrativos culturais em São Paulo. São inúmeros espaços do tipo na cidade e vale a pena conhecer o máximo que puder.

Dentro do Ibirapuera, por exemplo, há o MAM, o Museu Afro Brasil, e a Fundação Bienal, além do vizinho Museu de Arte Contemporânea da USP – a maioria deles bem baratinhos ou com ao menos um dia gratuito.

O MASP, o CCBB, o Itaú Cultural e o Centro Cultural da FIESP são outras atrações interessantíssimas no mesmo estilo.

Já a Pinacoteca possui um acervo riquíssimo, enquanto o Museu do Futebol é perfeito para os amantes do esporte e fica no histórico Estádio do Pacaembu.

Para quem viaja com crianças há ainda o divertido Museu do Catavento, com muitas atividades interativas, brinquedos e curiosidades sensacionais!

Veja o GUIA COMPLETO de SÃO PAULO

Dois outros locais também são obrigatórios na sua viagem por São Paulo: o Museu da Língua Portuguesa – interativo, onde você vai conhecer muito do nosso idioma -, e o Museu do Ipiranga – com muita história do Brasil. Porém, ambos estão fechados para visitação devido a obras. O primeiro, devido a um incêndio, tem previsão de reinaguração para o segundo semestre de 2019. O do Ipiranga não tem data prevista de reabertura, mas o Parque da Independência no entorno do prédio está em funcionamento, diariamente das 5h às 20h. Vale a pena passar lá!

Foto avião no Museu do Catavento, SP.

Avião em exposição no divertido Museu do Catavento, ótima opção de passeio com as crianças em São Paulo, SP.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Rua 25 de Março

Quando se pensa em opções para o que fazer em São Paulo, um dos lugares mais lembrados é a famosa Rua 25 de Março.

Embora ela seja o paraíso das compras na cidade, o turista costuma desembolsar bem menos que em outros lugares – afinal, ela é conhecida pelos preços baixos. E, de toda forma, apenas passear por ela não custa nada.

Clique aqui e conheça SÃO PAULO em 360 graus com imagens incríveis!

No caminho, pode ter certeza que vai se divertir com a incrível variedade de coisas para vender por lá e se surpreender com muitas delas.

É um programa incrível caminhar pela 25 de Março e ver como realmente vive o maior centro urbano do Brasil na sua essência. Para quem vai em final de semana, fica melhor ainda aos sábados pela manhã.

Foto Rua 25 de Março, SP.

O grande centro de compras no coração de São Paulo, a Rua 25 de Março tem muito o que ver!
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Mercado Municipal

Outro lugar de compras bastante conhecido pelos paulistanos e procurado pelos turistas é o Mercado Municipal, ou Mercadão.

Ele fica na Cantareira e funciona todos os dias – fechando mais cedo aos domingos. E, o melhor, também não se gasta muito.

É claro que não faltam opções de quitutes sendo vendidos, mas a maioria oferece degustação, então só de provinhas é possível se esbaldar e sair satisfeito antes de decidir o que realmente quer comprar.

Mas, cá entre nós, não dá pra sair de lá sem provar o tradicional sanduíche de mortadela, tomar um chopp ou comer alguns pasteizinhos. São comidas de todos os tipos, e certamente é uma experiência gastronômica divertidíssima em Sampa.

Foto Sanduiche de Mortadela, SP.

Indo ao Mercado Municipal você precisa provar o tradicional Sanduíche de Mortadela: delicioso!
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Vila Madalena e Beco do Batman

Você certamente já viu alguma postagem em redes sociais nos incríveis grafites do Beco do Batman. Todo turista que visita São Paulo tira fotos por ali, e com toda razão.

O Beco do Batman é o local mais famoso, hoje, do simpático bairro de Vila Madalena – e um dos melhores passeios de graça em São Paulo que você pode fazer.

Veja dicas para curtir a noite de São Paulo

A arte urbana cheia de estilo está espalhada nos muros locais, com muitas das melhores concentradas nesse cantinho chamado Beco do Batman. Então, não há porque deixar de visitar o bairro e conhecer todo o seu charme, que também conta com muitos barzinhos despojados que agitam a vida noturna da cidade.

Foto Barzinho em Vida Madalena.

Os barzinhos da Vila Madalena agitam a vida noturna de São Paulo.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Você está conferindo 10 PASSEIOS BARATOS ou de graça para fazer em SÃO PAULO. Se está gostando das dicas, compartilhe no seu Facebook, ou tuíte, e convide os amigos!

Compartilhe no FacebookCompartilhe no Twitter

Jardim Botânico

O Ibirapuera pode ser o parque mais famoso de São Paulo, mas não quer dizer que seja o único que merece uma passadinha.

O Jardim Botânico da cidade é exuberante, e passear por seus jardins, bosques e lagos cheios de encanto é um programa que nunca desagradou ninguém.

O local ainda conta com muita Mata Atlântica nativa preservada, com a possibilidade de conhecer a nascente do Rio Ipiranga (isso mesmo! Aquele do hino nacional e onde Dom Pedro I declarou Independência!).

O Jardim Botânico é uma excelente pedida para contato intenso com a natureza bem no meio de uma área urbana gigantesca. E que tal fazer um piquenique de tarde por lá?

Parque da Água Branca

Outro dos parques menos badalados de São Paulo, mas que são incríveis, é o Parque da Água Branca – próximo ao metrô da Barra Funda.

Lá é possível chegar pertinho de vários animais, que ficam soltos no ambiente, principalmente aves como patos, gansos e pavões. É uma locação completamente rústica em meio à cidade.

Vai viajar com CRIANÇAS? Veja mais dicas de São Paulo

Além de fugir um pouco da correria urbana de Sampa, ainda há uma gama de atrações para a família inteira: lagos, playgrounds, exposições, feiras, biblioteca e atividades esportivas. É uma bela pedida para ter aquele clima de campo e se divertir.

Instituto Tomie Ohtake

Um dos prédios mais marcantes da arquitetura de São Paulo, o Instituto Tomie Ohtake fica na Vila Madalena e é alvo de muitos turistas interessados principalmente em fotografar suas curvas incríveis e se admirar com o formato do edifício.

Ao entrar nele, de graça, é possível tomar um bom café ou mesmo almoçar num dos restaurantes. Tudo, é claro, depois de ver alguma de suas exposições – está sempre mudando e não faltam novidades, então vale a pena voltar se já foi alguma vez.

Foto Instituto Tomie Ohtake, SP.

Instituto Tomie Ohtake com suas curvas e arquitetura moderna, em São Paulo.
Foto Banco de Imagens / www.guiaviagensbrasil.com

Liberdade

O renomado bairro de imigrantes japoneses é um dos maiores patrimônios de São Paulo. E andar por ele não custa nada.

Para quem pretende curtir um fim de semana ou feriado na cidade, conhecer o local é um belo programa: suas lojinhas cheias de charme e restaurantes deliciosos não passam batidos por ninguém.

Aos sábados, tudo fica ainda mais animado com os muitos karaokês da região.

Lá ainda há o Museu Histórico da Imigração Japonesa no Brasil e a Feira da Liberdade aos sábados e domingos. Outra opção é visitar um dos templos budistas.

Avenida Paulista, Oscar Freire e Rua Augusta

Três das ruas mais famosas de São Paulo ficam próximas umas das outras e podem ser visitadas no mesmo dia. Partindo da Avenida Paulista, a Rua Augusta fica a 1 km de distância, enquanto a Rua Oscar Freire está a cerca de 2 km.

A Paulista, grande coração de Sampa, merece ser percorrida por inteiro para sentir a cultura da cidade – você pode alugar uma bike e ir pela ciclovia.

Confira mais dicas de Turismo na Avenida Paulista

A Augusta é mais alternativa, meio hippie e cheia de bares como bom centro de boemia que é.

E a Oscar Freire é a mais luxuosa, com lojas de marca a restaurantes sofisticados. E cada uma com seu charme próprio que conquista os paulistanos há décadas.

***
Viu só como é possível curtir São Paulo em passeios baratos ou de graça?

Sabe algum outro lugar sensacional e baratinho pra ir na cidade? Deixe seu comentário!

Por Guia Viagens Brasil Texto: Fotos:  01 de Maio de 2018

Receba dicas de viagem


Insira seu email para receber artigos exclusivos e dicas de passeios imperdíveis!





Gostou? Divulgue este artigo para seus amigos!

DICAS RECENTES DO BLOG

Procurando dicas de viagens pelo Brasil?
Cadastre seu email e receba dicas exclusivas:

Editorial - Contato - Anuncie Grátis - Área de Anunciantes - Seja um colaborador

© Copyright 2013 - 2018 - Guia Viagens Brasil - Mapa do Site