Dicas para Planejar uma Viagem

Publicidade

Translator / Tradutor

A gente fala o tempo todo da importância de planejar sua viagem com antecedência, não apenas para conseguir valores mais baixos de passagens, mas para poder aproveitar o lugar ao máximo, afinal, feriadões e férias não são todo dia!

accessories-84528_1280

Mas, como iniciar o planejamento? O que fazer primeiro: passagens, hospedagem ou passeios? Para te ajudar na próxima trip, aqui vão algumas dicas com um passo a passo bem simples. Acompanhe!

1) Escolhendo o Destino

Primeiro de tudo, logicamente, é escolher seu destino. Parece simples, mas isto depende de uma quantidade grande de fatores, que envolvem desde seu estilo de viagem (mochilão, resort, pacote turístico…), o número de pessoas que viajam com você (família com filhos, apenas a pessoa amada, os pais…), época que você estará viajando, tempo disponível para viagem (30 dias ou apenas o final de semana) e, claro, o orçamento disponível.

Estilo de Viagem

Para quem viaja sozinho e no estilo mochilão é mais simples decidir tudo, afinal, as decisões dependem única e exclusivamente de você e, geralmente, os hostels estão disponíveis e você acaba conseguindo uma carona para alguns pontos turísticos. Mas, viajar com filhos já precisa maior atenção, bem como se for em casal ou com os amigos.

O estilo de viagem irá definir de forma genérica para onde você irá. Os ecoturistas não vão gostar de passar as férias todas em um grande centro urbano, da mesma maneira que os praianos não curtem muito ficar no campo. Ir para Bonito ou para a Amazônia requer gostar de natureza e aventuras, então não é o passeio ideal para quem ama cafés charmosos e bons vinhos, por exemplo.

Se quer fazer uma viagem cultural, veja as datas e horários de funcionamento dos museus e institutos de seu interesse, assim como alguns parques, zoológicos e aquários que fecham para manutenção.

Assim, a primeira coisa é decidir o estilo da sua viagem, eliminando alguns possíveis destinos.

Período disponível para Viagem

Outro ponto fundamental é ter em mente as distâncias que podem ser percorridas de acordo com o período disponível para viagem. Se o tempo é de 30 dias, as férias inteirinhas, dá para viajar longe e curtir os passeios mais remotos. Já se você dispõe apenas de 4 dias (um feriadão todo), é preciso pensar no deslocamento (que leva quase um dia todo) e também em passeios que não gastem tempo de deslocamento sem de fato você estar aproveitando o local.

day-planner-828611_1280

O período da viagem vai influenciar no destino escolhido e nos passeios possíveis. Então, se seu sonho é conhecer Natal e realizar 5 passeios de um dia inteiro, obviamente você não conseguirá fazer isto em um único feriadão, certo!? Pense em realizar seu sonho quando tiver disponível 7 dias, ou tomar a difícil decisão de cortar alguns passeios.

Época da Viagem

Muita gente não leva em conta a época que estará viajando, mas é um ponto importante para aproveitar o destino ao máximo. Por exemplo, quem quer visitar os Lençóis Maranhenses e ver as lagoas no seu auge, precisa planejar a viagem de maio a agosto. Já se o destino é o Pantanal, o melhor para curtir às águas de novembro a abril.

As praias do nordeste ficam lindas o ano todo, mas as piscinas naturais só se formam nas marés baixas, por isto é importante conferir a tábua das marés antes de pensar neste passeio se você só tiver 3 dias disponíveis.

O sul do Brasil é repleto de atrações no inverno, mas as temperaturas ficam realmente congelantes para quem não está acostumado. Por isso, é preciso pensar em roupas adequadas e também nos passeios que se deseja realizar, mesmo com frio.

Além da questão climática, há a alta e baixa temporada que refletem diretamente nos preços de hotéis, passagens, alimentação e passeio. Se a grana encurtou, que tal tentar tirar férias na baixa temporada? Economia é garantida.

Número de Pessoas Viajando com Você

Viajar com os amigos e com a família é uma delícia, inegavelmente. Planejar uma trip com toda galera é uma atividade um pouco mais difícil, visto que terá que ordenar as agendas de todos e também coordenar os passeios, hotel e passagens.

Quando o grupo for grande, é importante combinar certinho com todos as passagens e hotel com antecedência, para que todos consigam comprar e reservar – se não for uma única pessoa a realizar todas as compras e agendamentos. Durante a viagem também é bom regular os horários de saída e chegada de cada passeio para não perder tempo esperando um colega mais distraído.

jovens

Decidir o destino em grupo também requer mais paciência se não for um consenso. Peça para todos pesquisarem e mostrarem os locais desejados para conhecer. Troquem ideias e decidam pelos passeios que agradem a todos. Os portais, como o Guia Viagens Brasil, são ótimos lugares para ver fotos, vídeos, dicas e relatos de viagens de outras pessoas que compartilharam suas experiências. Assim vocês já vão sabendo o que esperam vocês.

Você está conferindo Dicas para planejar uma Viagem. Se está gostando do passo a passo, compartilhe no seu Facebook, ou tuíte, e convide os amigos!

Compartilhe no FacebookCompartilhe no Twitter

Orçamento

Chegou a hora de contar o dinheiro e ver quanto você tem disponível para investir na viagem. Se a grana estiver curta, aí sim é ainda mais importante planejar a viagem com antecedência, pensar na baixa temporada e procurar os melhores preços.

Fernando de Noronha, por exemplo, é um paraíso desejado por muitos, mas, infelizmente, a viagem até lá é mais cara que ir para Maragogi, outro pedaço delicioso de nossas praias.

Quando calcular o orçamento, faça uma reserva. É recomendado que você tenha, pelo menos, o valor de uma diária e de uma passagem de volta guardado – em dinheiro ou no cartão de crédito, por exemplo. Isto é preciso para algum caso de emergência, como precisar retornar antes por algum imprevisto. Muitos também contratam um Seguro Viagem antes de sair de casa, que dá maior tranquilidade para os mais cautelosos. O seguro, geralmente, cobre atendimento médico, hospedagem e remoção em caso de acidentes (que, infelizmente, podem acontecer).

Faça uma lista

Para controlar o orçamento faça uma lista. Anote os lugares que deseja visitar, incluindo passeios, restaurantes, museus, shoppings e outros locais de interesse. Calcule uma média de gastos para cada item e some. Isto ajudará você a não se perder no orçamento total estimado. Não esqueça de incluir as passagens, hospedagens e também o meio de transporte local (táxi, ônibus, metrô, etc).

Quando o assunto é baratear a viagem, fazer a organização de tudo, reservas e compras de passagens pode economizar (e muito!), visto que algumas agências locais precisam embutir preços de taxas e impostos. Entretanto, fique de olho nos pacotes de viagens! Estes podem render ótimas férias com preços atrativos, principalmente se você está pensando em ficar em um resort em feriadões – que geralmente fazem pacotes com tudo incluso (all inclusive), para toda a família. Vale a pena pesquisar.

student-849825_1280

Pesquisas

Falando em pesquisar, aí está o item mais importante do planejamento! Pesquisar dicas, informações, roteiros, passagens, hotéis, translados, restaurantes, entre tantos outros atrativos é fundamental. O Guia Viagens Brasil é um site com muitas informações, inclusive de hotéis (super recomendados) para cada destino. Use e abuse destas informações.

Comprando Passagens Aéreas

Nas passagens também é fundamental pesquisar. Procure em vários sites que comparam valores de tarifas das diferentes companhias aéreas os dias que você pode viajar. Quanto mais flexível for sua data, maiores as chances de conseguir uma tarifa promocional.

plane-1043635_1280

Se você conseguiu um preço baixo de tarifa na pesquisa, reserve logo! Quanto mais você demora para reservar, mais o avião enche e menos classes tarifárias ficam disponíveis, encarecendo o valor. Você pode reservar por 24 horas em algumas cias aéreas antes de confirmar e pagar sua passagem, o que facilita se você encontrar a tarifa, mas estiver sem os meios de pagamento a mão.

Fique atento também às promoções das cias aéreas, elas são comuns nos finais de semana e, muitas vezes, dá para viajar nos feriadões. É recomendável ainda entrar em contato com um agente de viagens, eles conseguem descontos exclusivos através de parcerias com as companhias aéreas. Ou seja, vale a pena pesquisar muito antes de fechar sua compra!

Cuidados no Embarque

Leia atentamente as restrições da sua reserva de passagem e as bagagens que podem ser levadas. Geralmente, é uma mala de até 23 kg no bagageiro (roupas, calçados e outros itens) e uma até 5 kg na mão (dentro do avião), onde você deverá levar documentos, dinheiro, equipamentos eletrônicos, joias, enfim, tudo que é de valor para você e imprescindível na sua viagem. Evite surpresas e taxas extras por excesso de peso nas bagagens!

Não esqueça de verificar os documentos necessários para embarque. No Brasil basta apresentar o RG ou a Carteira de Motorista para voar, ou seja, um documento com foto. As crianças precisam da certidão de nascimento e, se estiverem desacompanhadas dos pais, também de um documento expedido por um juiz permitindo a viagem. Fique atento a estes detalhes!

Cuidados médicos também são importantes. Não esqueça dos medicamentos de uso diário, que devem ser levados com você no avião. Se você for para Amazônia, procure se vacinar contra febre amarela, comum na região.

Chegue no aeroporto com, no mínimo, 1 hora de antecedência, e na rodoviária com 30 minutos, tudo para não perder todo planejamento!

Reservando a Hospedagem

É recomendado que a hospedagem seja reservada no mesmo dia que as passagens aéreas, principalmente se você for viajar em alta temporada ou feriadões, para não correr o risco de ficar sem lugar no destino.

No início parece complicado escolher a hospedagem mais adequada a sua viagem, porém pense em como você irá usufruir das comodidades do hotel e vá selecionando as opções:

1. Você viajará com toda família e quer curtir as instalações do hotel, como piscinas, restaurantes e saunas? Se a resposta for sim, pense em resorts e hotéis mais estruturados, bem como pousadas que oferecem pensão completa.

2. Você viajará em casal e não vai usufruir muito as instalações do hotel, como piscinas e restaurante? Se sim, pense em hotéis e pousadas mais econômicos, redes padronizadas também valem neste caso.

3. Você viajará sozinho ou com amigos no estilo mochilão? Se este é o seu estilo, os hostels são ótimas opções, além de econômicos você consegue fazer amizades e rola até companhia para os passeios.

4. Você prefere fazer tudo você mesmo, sem luxo e na maior economia? Então, pense em camping! Utilizar a barraca pode deixar sua viagem bem barata e você ainda pode curtir muito seus vizinhos e a natureza!

Ao mesmo tempo, faça um mapa do local e das atrações que você quer ver. Onde elas se concentram? A região de concentração é a melhor para você procurar uma hospedagem, evitando gastar muito tempo (e dinheiro) em deslocamentos. Muitas vezes, há disponível um hotel mais próximo das atrações escolhidas, porém é um pouco mais caro. Avalie se a diferença de valor não compensa pelo custo de deslocamento e o tempo perdido, principalmente em grandes cidades. Você paga um pouco mais caro no hotel, porém economiza em táxis, por exemplo.

Para reservar a melhor opção de hospedagem, existem sites na internet que comparam os diferentes hotéis, pousadas, hostels, etc, mostrando valores, localização, tipos de quartos disponíveis e todas as comodidades que os estabelecimentos oferecem. Diretamente do site do Guia Viagens Brasil, em Hotéis e Pousadas, por exemplo, você pode consultar as melhores opções de hospedagem do destino escolhido. Basta incluir o nome do local e os dias que você está planejando ficar. Além disso, peça indicações para amigos, parentes e viajantes que já foram para o local escolhido, além de ver todas as recomendações disponíveis por destino aqui no Guia Viagens Brasil.

Para quem irá realizar passeios em outras cidades, como sair de Aracaju para visitar o Cânion do Xingó, por exemplo, confira com a agência do passeio se ela passa sem custos extras na região do seu hotel se este ficar fora do circuito turístico. Importante para não pagar a mais pelo serviço.

Resumindo

a) Planeje sua viagem com antecedência para tentar obter melhores preços e curtir todas as atrações do seu destino;

b) Procure destinos que têm a ver com o seu estilo de viagem e também com opções de atividades para todos que viajam com você;

c) Verifique bem o período que você tem disponível para viajar e as melhores épocas para curtir o destino escolhido;

d) Baixa temporada é uma boa alternativa para viajar, pois os preços costumam ser mais baixos;

e) Pesquisar sobre as atrações desejadas é fundamental, principalmente se elas fecharem em alguns dias da semana, como museus e zoológicos;

f) Verifique os passeios que você quer fazer e os agende nos dias disponíveis, formatando uma agenda que aborde todos os escolhidos;

g) Pesquise muito passagens aéreas, compare as companhias e tente flexibilizar suas datas para obter os melhores preços. Fique atento às promoções de final de semana;

h) Faça as reservas das viagens e hotéis ao mesmo tempo, e não separadamente evitando desencontros das datas;

i) Confira sempre o dia e horário da passagem e todos os documentos que você deve apresentar no aeroporto ou rodoviária, além dos itens que você pode levar na bagagem de mão e na mala a ser despachada.

j) Chegue com antecedência ao embarque e boa viagem!

Curtiu nossas dicas para planejar sua viagem? Tem algum item que esquecemos? Deixe seu comentário!

Por Guia Viagens Brasil Texto: Fotos:  18 de janeiro de 2016

Receba dicas de viagem


Insira seu email para receber artigos exclusivos e dicas de passeios imperdíveis!





Gostou? Divulgue este artigo para seus amigos!

Deixe o seu comentário

DICAS RECENTES DO BLOG

GUIAS DE VIAGENS GRÁTIS - BAIXE AGORA O SEU!

Loja
Encontre os melhores ebooks de dicas de viagem pelo Brasil

Procurando dicas de viagens pelo Brasil?
Cadastre seu email e receba dicas exclusivas:

Editorial - Contato - Anuncie Grátis - Área de Anunciantes - Seja um colaborador

© Copyright 2013 - 2017 - Guia Viagens Brasil - Mapa do Site