Roteiro para fim de semana em Belo Horizonte

Publicidade

Translator / Tradutor

Em três dias é possível conhecer o melhor da capital mineira e seus pontos turísticos

Belo Horizonte é uma cidade imensa com seus 2,5 milhões de habitantes e, por isso, muitos viajantes costumam achar que passar apenas um fim de semana é muito pouco. O tempo pode ser curto, mas é possível aproveitar bastante a capital mineira em apenas três dias, curtindo toda a cultura e gastronomia que atraem turistas de todo o Brasil e do mundo para lá.

E para quem vai curtir apenas um pouquinho da famosa BH, não faltam opções de lazer, entretenimento, história e muita comida e bebida – tudo destacado pelo GuiaViagensBrasil.com em um roteiro para quem visita a cidade. Mesmo chegando na noite de uma sexta-feira, por exemplo, e saindo ao fim do domingo dá para fazer bastante coisa e conhecer o melhor que a capital de Minas Gerais tem a oferecer. Vamos ao roteiro!

 

Dia 1: Gastronomia e Boemia na Sexta à Noite

Por ser um dos municípios mais importantes do Brasil, Belo Horizonte recebe uma infinidade de voos de todos os cantos, permitindo aos turistas de qualquer lugar chegar tranquilamente na noite de sexta após o trabalho – o acesso rodoviário também é bastante fácil. Como o tempo é curto e o dia já está chegando ao fim, o ideal é aproveitar para conhecer a gastronomia local.

Não faltam opções de bares, botecos e restaurantes para aproveitar o melhor da culinária mineira, sempre acompanhada por uma cachacinha ou cerveja da melhor qualidade… quer programa melhor?

Repleto de alternativas, os bairros Santa Tereza e Savassi são os mais conhecidos redutos boêmios e polos gastronômicos locais. Mas, não deixe de explorar o restante das vizinhanças de onde estiver hospedado, já que não faltam barzinhos atraentes em BH.

 

Dia 2: Sábado Cultural no Centro

Com o sabadão inteiro pela frente, a gama de possibilidades para aproveitar BH cresce muito. E o melhor a fazer é conhecer bem o centro da cidade, toda sua história e as atrações culturais para todos os gostos. Um passeio completo pela região deve incluir:

  • Mercado Central: reúne mais de 400 comerciantes vendendo queijos, cachaças, verduras, frutas, flores; além, é claro, de muita comida e bebida para matar a fome e a sede durante a caminhada.
  • Circuito Liberdade: a famosa Praça da Liberdade, que já é por si só um cartão-postal de BH, conta agora com diversos museus e centros culturais em casarões históricos do século 19; então aproveite as exposições permanentes e temporárias, todas gratuitas.
  • Praça do Papa: a Praça Israel Pinheiro ficou assim conhecida por ter encantado o Papa João Paulo II na sua vista à capital mineira; não deixe de visitar o belo ponto turístico durante o passeio que permite um visual lindo de BH.

 

Se você quiser ter uma prévia de todos esses pontos turísticos e se sentir um pouquinho neles, o GuiaViagensBrasil.com tem imagens em 360 graus sensacionais! Veja aqui.

A noite de sábado pode ser destinada a curtir a cultura boêmia de Belo Horizonte, que originou o já popular festival Comida di Buteco que ultrapassou os limites mineiros e agora toma conta de todo o país. Uma boa pedida é ir para a Savassi, passando de bar em bar e experimentando a imensa variedade de petiscos mineiros, bebendo um choppinho e ouvindo músicas de todos os tipos para fechar o dia.

 

Dia 3: Domingo é Dia de Pampulha

Fechando a viagem para BH, que tal conhecer o Complexo Arquitetônico da Pampulha? Desenvolvido por ninguém menos que Oscar Niemeyer, sob encomenda do então prefeito Juscelino Kubitschek, o local apresenta edifícios à beira da lagoa artificial que dá nome ao espaço, ainda embelezado por jardins projetados por Burle Marx.

Além de toda a beleza dos jardins e da Lagoa da Pampulha, o conjunto abriga atrações como o Museu de Arte da Pampulha (antigo Cassino da Pampulha), a Igreja de São Francisco de Assis (que possui um lindo painel de azulejos de Cândido Portinari), a Casa do Baile (hoje um centro de referência em arquitetura, urbanismo e design) e o Iate Tênis Clube, entre outros edifícios que abrigam eventos culturais de vários portes.

Com tudo que oferece ao público, o Completo da Pampulha foi designado como Patrimônio Mundial pela UNESCO e, por essas e outras, não há melhor maneira de encerrar a viagem de fim de semana para BH do que passando o dia em um lugar desses, não é? Relaxe e aproveite!

 

Para saber mais sobre Belo Horizonte e outros atrativos de Minas Gerais, acesse: http://www.guiaviagensbrasil.com/mg/belo-horizonte/.

 

Por Guia Viagens Brasil Texto: Fotos:  22 de junho de 2017

Receba dicas de viagem


Insira seu email para receber artigos exclusivos e dicas de passeios imperdíveis!





Gostou? Divulgue este artigo para seus amigos!

Deixe o seu comentário

DICAS RECENTES DO BLOG

GUIAS DE VIAGENS GRÁTIS - BAIXE AGORA O SEU!

Loja
Encontre os melhores ebooks de dicas de viagem pelo Brasil

Procurando dicas de viagens pelo Brasil?
Cadastre seu email e receba dicas exclusivas:

Editorial - Contato - Anuncie Grátis - Área de Anunciantes - Seja um colaborador

© Copyright 2013 - 2017 - Guia Viagens Brasil - Mapa do Site