PRAIA DE MARAGOGI: o que saber antes de ir, fotos e o que fazer

Publicidade

O Caribe Brasileiro: esse é o apelido que recebeu Maragogi, destino litorâneo mais badalado do Alagoas hoje. Tudo por conta de sua beleza incomparável, considerada uma das praias mais bonitas de todo o mundo. E com a combinação clássica do Nordeste Brasileiro, e também da região caribenha: piscinas naturais, mar cristalino, muitos coqueiros, areia branquinha e paz sem fim. O lugar ideal para passar algumas das melhores férias da sua vida.

Foto de turista mergulhando nas Galés de Maragogi, AL.

Turista mergulhando nas Galés de Maragogi, piscinas naturais paradisíacas, em Alagoas.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Com apenas 30 mil habitantes permanentes, Maragogi fica praticamente a meio caminho entre Maceió, capital do estado, e Recife, em Pernambuco, na chamada Costa dos Corais alagoana. Por isso, costuma receber muitos visitantes em viagens de um dia, naquele bate e volta, vindos das duas cidades. Além, é claro, dos turistas que decidem passar um pouco mais de tempo nesse verdadeiro paraíso do Nordeste.

Entenda por que Maragogi é chamada de Caribe Brasileiro

As piscinas naturais, ou Galés, são os maiores atrativos de Maragogi. Todo mundo que chega lá corre para conhecer os arrecifes formados por corais, com uma infinidade de peixes extremamente coloridos, gerando fotos incríveis e memórias que vão durar para sempre. De resto, a pequena vila oferece a tradicional culinária nordestina, algumas praias desertas e muito sossego. Ou seja, é a viagem perfeita para ir com a família, em casal ou apenas relaxar.

Como chegar a Maragogi

Por ficar bem entre Maceió e Recife, acessar Maragogi é bastante fácil e comum através de uma das duas capitais – que recebem voos constantes de todos os cantos do Brasil. Existem opções para chegar até lá de carro, ônibus ou transfer de ambas, então é só escolher o que prefere e se preparar para a viagem.

Maceió fica a 125 km de distância, cerca de duas horas de estrada. Para quem pode, alugar um carro no Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares é a melhor alternativa, dirigindo através das rodovias estaduais AL 101 e AL 105 – mas cuidado, há pouca sinalização e a estrada não é lá muito boa, evite fazer o trajeto de noite. Já de Recife, a partir do Aeroporto Internacional de Guararapes/Gilberto Freyre são 135 km pela PE 060, em melhores condições, geralmente feitos em duas horas e meia.

Para aqueles que preferem ir de ônibus, é a empresa Real Alagoas que realiza o percurso entre Maceió e Recife passando por Maragogi. Na capital alagoana, é preciso ir até o Terminal Rodoviário da cidade, que fica a 25 km do aeroporto. Já na capital pernambucana a viação sai do próprio aeroporto. Ainda há a possibilidade de negociar com táxis ou ubers para levá-los até lá, com preços negociáveis – ideal para grupos de três ou quatro pessoas.

Um outro meio bastante usado é através de traslados organizados por agências de turismo, que vendem o passeio até Maragogi de ambas as capitais. Basta procurar na cidade em que estiver, com os hotéis e pousadas costumando saber informar sobre.

Reserve aqui seu hotel ou pousada em Maragogi

Maragogi tem 22 km de praias, e sua rede de hospedagem se espalha pela orla em geral. Não faltam alternativas para todas as tribos e todos os bolsos: são campings rústicos, pousadas charmosas, hotéis confortáveis e até resorts luxuosos por lá. Como o litoral da cidade é bem grande, compensa prezar por uma opção que esteja mais próxima do centro, onde se concentram o comércio e os principais restaurantes. Do contrário será uma boa estar de carro para se locomover.

Quando ir

O momento de escolher a data da viagem é sempre importantíssimo. A depender do local, diversos fatores precisam ser levados em consideração para essa decisão. Em Maragogi faz sol e calor o ano inteiro, mas o verão costuma ser a melhor opção justamente pelo tempo mais claro que deixa as piscinas naturais ainda mais cristalinas e exuberantes. Mas, é claro, por ser alta temporada a cidade fica mais cheia e mais cara.

Veja também dicas para curtir MACEIÓ com Crianças!

Entre abril e agosto se dá o período de chuvas na região, embora não chova tanto assim. Mas, se houver ou tiver havido precipitações recentes é provável que a água fique mais turva e perca um pouco da beleza que todos esperam encontrar. Em geral, outubro e novembro são os melhores meses: reúnem sol forte, pouca chuva, melhores preços e menos gente. E quem vai em outubro ainda pode aproveitar o incrível Festival da Lagosta para se deliciar com iguarias do crustáceo. Também vale sempre a pena consultar a tábua de marés (veja aqui o site da Marinha www.marinha.mil.br) e viajar em uma semana de maré ,mares mais baixa para curtir ao máximo as piscinas naturais de Maragogi.

O que fazer em Maragogi

Há uma razão pela qual Maragogi é massivamente considerada uma das praias mais bonitas não só do Brasil, como do mundo, e recebeu a alcunha de Caribe Brasileiro. Suas piscinas naturais, chamados por lá de arrecifes ou Galés, estão entre os passeios mais procurados de todo o Nordeste justamente pela beleza incomparável do mar cristalino. E tudo fica ainda mais lindo na maré baixa e com sol forte para deixar suas águas transparentes.

Confira fotos das Galés de Maragogi

Para chegar nas piscinas naturais de Maragogi é preciso contratar esse passeio de barco, e as agências podem ser encontradas no centrinho ou por indicação dos próprios hotéis, pousadas, etc – até mesmo nas barracas da praia existem representantes. Em duas horas, o turista pode conhecer os arrecifes e mergulhar com inúmeros peixes da espécie sargentinho, aquele bem colorido do filme Procurando Nemo, e ainda observar muitos outros na rica vida marinha da região. Nas águas transparentes, o melhor é nadar e usar um snorkel para ver o máximo que der.

Você está conferindo dicas da PRAIA DE MARAGOGI: o que saber antes de ir, fotos e o que fazer. Se está gostando, compartilhe no seu Facebook, ou tuíte, e convide os amigos!

Compartilhe no FacebookCompartilhe no Twitter

Para tirar as famosas fotos com peixinhos coloridos nadando ao redor, existem fotógrafos presentes no local negociando valores com os visitantes. Eles usam uma ração especial para atrair os sargentinhos e ter a certeza de que muitos deles vão marcar presença nas imagens. É aconselhável deixar tudo de mais valioso no barco, pois não há onde apoiar nada nos arrecifes. Não se esqueça que as fotografias serão pagas à parte, sem relação com o que pagou pelo passeio.

Foto de barco nas Galés de Maragogi.

Embarcação aguarda os turistas nas Galés de Maragogi, AL. O passeio pode ser contratado também de Maceió e Recife no estilo bate-volta.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Foto de turista alimentando peixinhos coloridos nas Galés de Maragogi.

Turista alimenta os peixinhos coloridos que nadam pertinho de todos, nas Galés de Maragogi, AL.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Quem procura ainda mais emoção subaquática pode procurar os mergulhos de cilindro em mar aberto. Em áreas mais profundas e distantes de onde ficam os turistas, há maior diversidade de cardumes e a chance de avistar ainda mais a vida marinha de Maragogi. Tudo acompanhado por um instrutor para que mesmo aqueles mais receosos ou iniciantes não tenham problemas. Os fotógrafos também estão por ali para registrar os belos momentos com peixes coloridos – também pago separadamente.

Para fazer esse passeio é necessário passar antes por um mini curso de cerca de 15 minutos para aprender a usar o cilindro e se acostumar com a respiração pela boca. Para os que têm medo, não é preciso se assustar: o mergulho não tem grande profundidade, sendo apenas um pouco mais fundo e distante das piscinas naturais de Maragogi que ficam sempre cheias. O mergulho dura entre quatro e cinco horas e também pode ser contratado da mesma maneira – peça informações na sua hospedagem. O barco costuma oferecer refeições pagas, mas como o preço pode ser um pouco salgado vale a pena levar lanche próprio.

Veja mais dicas de passeio em Maragogi e arredores

Para ambos, é sempre bom consultar a tabela de marés, já que precisam ser na maré baixa. Mas os agentes e barqueiros costumam saber bem quando vale ou não ir até lá. Também é recomendado passar muito protetor por conta da exposição direto ao forte sol alagoano.

Nas praias em si, os bancos de areia formados na maré baixa também dão aquela bela sensação de Caribe e formam uma paisagem muito bonita que pode ser aproveitada para qualquer banhista dar um mergulho e se refrescar sem preocupações. Como são 22 km de litoral em Maragogi, existem algumas opções. As mais recomendadas e imperdíveis são a Praia de Maragogi, pertinho da vila, a Ponta do Mangue, Barra Grande, Xaréu e Antunes – esta última já na divisa com Pernambuco.

Foto da Praia de Maragogi.

A Praia de Maragogi fica pertinho da vila e fácil de chegar para quem está sem carro.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Foto da Praia de Barra Grande

A paradisíaca Praia de Barra Grande com seu mar azul que parece uma imensa piscina! Essa não pode faltar no seu roteiro por Maragogi, AL.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Passeios de bugue são uma ótima pedida para conhecer as praias dos arredores. Neles, o turista pode conhecer diversos pontos de uma só vez, com direito a paradas para mergulho e fotos. Contratado por agências turísticas ou nos próprios hotéis, esse tour pode ser feito para o litoral norte ou o sul – o norte é considerado mais bonito e é onde ficam as três praias citadas acima; no sul ficam outras também belas como Camacho e Boqueirão.

Já para quando bater a canseira e a fome, o centrinho da cidade é o lugar ideal! Bastante pacato e pequeno tem, além das lojinhas e do comércio em geral, vários restaurantes e barzinhos. A gastronomia de Maragogi é baseada em peixes e frutos do mar, e há também os bolos de goma, típicos da região. Experimente esses sabores e relaxe curtindo o visual mais lindo para suas férias!

Então concluímos que não há dúvidas: todo mundo que visita esse paraíso chamado Maragogi sai de lá querendo mais. Malas prontas? Maragogi te espera!

Por Guia Viagens Brasil Texto: Fotos:  04 de Março de 2018

Receba dicas de viagem


Insira seu email para receber artigos exclusivos e dicas de passeios imperdíveis!





Gostou? Divulgue este artigo para seus amigos!

DICAS RECENTES DO BLOG

Procurando dicas de viagens pelo Brasil?
Cadastre seu email e receba dicas exclusivas:

Editorial - Contato - Anuncie Grátis - Área de Anunciantes - Seja um colaborador

© Copyright 2013 - 2018 - Guia Viagens Brasil - Mapa do Site