CONDE: As praias mais bonitas do litoral paraibano

Publicidade

Menos de 25 km separam João Pessoa da cidade de Conde, ao sul, que reúne em um pequeno espaço litorâneo as mais belas praias da Paraíba. A região ficou mundialmente conhecida por ser a primeira a permitir, em 1989, a prática do naturismo oficialmente na Praia da Tambaba.

Nadar, surfar, mergulhar, praticar o naturismo ou simplesmente relaxar em meio a um cenário de falésias, coqueiros, mata nativa, areias claras e águas cristalinas. Você vai querer explorar todas as praias de Conde e de seu distrito, Jacumã.

A junção das águas doces do Rio Gramame com as águas salgadas do mar, na divisa com João Pessoa, forma a primeira praia de Conde, Barra do Gramame. A pequena vila de pescadores sem infraestrutura turística possui uma bela paisagem com barquinhos de pesca ao mar e apenas dois quiosques que servem pouca variedade de bebidas e petiscos, como o famoso (e saboroso) caranguejo-uçá, típico da região.

Seguindo ao sul chega-se a Praia do Amor, com mar de águas tranquilas e verdes, larga faixa de areia e alguns bares e restaurantes na orla. O local é famoso pela Pedra Furada, um buraco em forma de túnel em uma rocha vulcânica com 2 metros de diâmetro, que, segundo a lenda, o casal que passar juntos por dentro do buraco terá felicidade eterna. Não custa tentar!

O Distrito de Jacumã é a parte mais urbanizada do litoral de Conde, contando com várias pousadas, alguns hotéis, comércio variado, bares e restaurantes. Quem quiser mais tranquilidade e preços mais acessíveis que a capital, Jacumã é uma boa opção. Na praia de Jacumã há corais que foram, na maré baixa, piscinas naturais muito procuradas pelos banhistas e também para observar os peixinhos e os crustáceos que vivem por ali. As falésias emolduram a paisagem, entremeada com belos coqueirais.

Juntinho a Jacumã está Carapibus, que concentra a maioria das pousadas do litoral sul paraibano e, por isso, muito agitada. Assim como Jacumã, a faixa de recifes formam imensas piscinas naturais ideais para banhos.

Praia de Carapibus, emoldurada por falésias e mata litorânea, em Conde, Paraíba. Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Praia de Carapibus, emoldurada por falésias e mata litorânea, em Conde, Paraíba.
Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Após Carapibus, a Praia de Tabatinga é o cenário perfeito para dias de descanso. O acesso é por uma escada ‘esculpida’ nas falésias e estas dão privacidade aos visitantes. Os recifes pertinho da orla formam os chamados ‘maceiós’, que são lagoas formadas pela água do mar e deixam o cenário incrível. Tabatinga possui poucas pousadas e abriga o famoso Bar do Artista, que oferece espreguiçadeiras para seus clientes e até uma banheira de ofurô. Relax total!

Praia de Tabatinga, em Conde, Paraíba. Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Praia de Tabatinga, em Conde, Paraíba.
Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

A próxima parada é a Praia de Coqueirinho, de difícil acesso (por estrada de terra), mas uma das mais lindas e procuradas da região. A praia fica em uma enseada, por isso as águas são super calmas e mais quentes. Coqueirinho tem este nome devido a uma fila de coqueiros na orla. É conhecida por suas falésias, caniôns e por uma fonte de água doce, logo na chegada da praia. Não há infraestrutura de hospedagem, nem de barracas. Alguns quiosques do lado esquerdo da praia vendem porções e bebidinhas e agitam o final de semana com música ao vivo.

A movimentada Praia do Coqueirinho, em Conde, Paraíba. Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

A movimentada Praia do Coqueirinho, em Conde, Paraíba.
Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

O cânion do Coqueirinho é outra atração local, uma formação rochosa colorida, feita pela ação das águas nas falésias. No local está o Restaurante Canyon do Coqueirinho, único por ali, e por isso com preços acima da média regional.

Antes de ir para próxima praia, ainda pertinho do Coqueirinho, é possível ir ao Mirante Dedo de Deus, que proporciona uma vista caribenha do local. Infelizmente, há muitos assaltos na região, então não vá sozinho e veja se há policiamento no local (geralmente há policiais no alto do mirante).

E após Coqueirinho, está a famosa Tambaba, que na verdade é dividida em 2: a ‘parte vestida’ e a parte naturista. Do Mirante é possível avistar apenas a primeira parte da praia. Para acessar os 500 metros de praia dedicados exclusivamente ao naturismo, é preciso passar por um portal onde você é avisado dos regulamentos e funcionamento do local por um representante da associação que administra a praia. Em seguida há um lugar para você se despir e aproveitar a natureza na maior liberdade. A parte naturista é formada por falésias e mata nativa, que proporcionam ótima privacidade. No local há um bar e também policiamento para ninguém ser importunado.

A parte 'vestida' da Praia de Tambaba, vista do mirante local, em Conde, Paraíba. Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

A parte ‘vestida’ da Praia de Tambaba, vista do mirante local, em Conde, Paraíba.
Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

E no final de Conde, ao lado de Tambaba, está a Praia Barra do Graú e Bela, isolada e mais deserta, é ótima para curtir a natureza e tomar banhos relaxantes na lagoa formada pelo Rio Graú, pertinho da orla.

Por Guia Viagens Brasil Texto: Fotos:  23 de Janeiro de 2015

Receba dicas de viagem


Insira seu email para receber artigos exclusivos e dicas de passeios imperdíveis!





Gostou? Divulgue este artigo para seus amigos!

DICAS RECENTES DO BLOG

Procurando dicas de viagens pelo Brasil?
Cadastre seu email e receba dicas exclusivas:

Editorial - Contato - Anuncie Grátis - Área de Anunciantes - Seja um colaborador

© Copyright 2013 - 2018 - Guia Viagens Brasil - Mapa do Site