Ilhéus

Publicidade

Translator / Tradutor

Ilhéus, situada a 405 km de Salvador é referência histórica pelas construções erguidas no século 20 por barões nos tempos de riqueza do cacau, produção que permanece em vigor até hoje nas fazendas de cacau. Essas construções constituem hoje em dia um rico Centro Histórico com sobrados que se tornaram Prefeitura, um antigo bordel que virou restaurante e espaço cultural, um bar tradicional, igrejas e até a casa de Jorge Amado. A cidade ainda é berço do escritor que é referência nacional e que viveu por anos em Ilhéus na infância em uma casa construída pelo seu pai. Hoje, a antiga casa tornou-se centro que abriga Instituto Histórico, Academia de Letras e Fundação Cultural. Todas as construções foram preservadas em seu estilo neoclássico original.

Ao visitar Ilhéus percebe-se o quanto Amado foi verídico em suas narrações. As ruas de Ilhéus parecem as mesmas desde 1920, com ruelas pacatas, cenários permeados pela mata Atlântica e as belíssimas praias. O romance de “Gabriela Cravo e Canela” fica ainda mais evidente ao passear pelo centro e se deparar com o Bar Vesúvio, que na história do escritor pertence ao Nacib, um turco que se relaciona com Gabriela. Assim também é o antigo bordel Bataclan, em que, no livro de Jorge Amado, os barões frequentavam quase que diariamente para aliviar suas tensões. Estes lugares tentam resgatar a memória das obras do escritor em apresentações teatrais durante a semana.

As dezenas de praias extensas de Ilhéus, nos 84 km de costa, reúnem belezas selvagens e paradisíacas ao norte e mais urbanização ao sul, com cabanas e opções de diversão nas barracas e áreas para prática de esportes nas quadras, ciclovias e calçadões. O circuito natureza também inclui ao turista a oportunidade de visitação das fazendas de cacau que ainda existem com acompanhamento da plantação, colheita e pós-colheita. O circuito de fazendas que abrange outras cidades vizinhas também permite uma vivência cultural em meio às aldeias indígenas com apresentações de dança folclórica, possibilidade de realizar trilhas na mata Atlântica nativa e mergulho em cachoeiras.

A gastronomia presente na Praia do Pontal, no distrito de Olivença e mais ao centro reúnem restaurantes com comida regional que têm como carro-chefe as moquecas, bobós e frutos do mar. Algumas barracas também servem o elogiado acarajé baiano. Em algumas lojinhas artesanais também encontram-se os deliciosos chocolates artesanais nas mais variadas formas e sabores. Restaurantes italianos, franceses e churrascarias também se destacam dentre as opções democráticas de Ilhéus. Um som ao vivo ao anoitecer pode ser apreciado nos bares e barracas de praia.

Gostou? Divulgue este artigo para seus amigos!

Cadastre-se

Procurando dicas de viagens
pelo Brasil?
Cadastre seu email e
receba dicas exclusivas:

Editorial - Contato - Anuncie Grátis - Área de Anunciantes - Seja um colaborador

© Copyright 2013 - 2017 - Guia Viagens Brasil - Mapa do Site