Joinville

Publicidade

Translator / Tradutor

O Príncipe de Joinville recebeu algumas terras da região de Santa Catarina como parte do dote de seu casamento com a Princesa Francisca Carolina, irmã de D. Pedro II. Assim surgia a cidade de Joinville, chamada até hoje de Cidade dos Príncipes.

Joinville, na região Nordeste Catarinense, foi colonizada por alemães, suíços e noruegueses, que trouxeram seus costumes e tradições que ainda hoje estão presentes na cidade, com as construções em estilo enxaimel, os jardins floridos e a gastronomia com cafés coloniais.

Joinville é atualmente a cidade mais moderna e populosa de Santa Catarina, tendo destaque no Estado pelo turismo de eventos, pois oferece uma das melhores estruturas do sul do Brasil para realização de feiras e congressos internacionais, além de show e apresentações artísticas e culturais. O Centreventos Cau Hansen é o maior espaço da cidade, com 25 mil m², onde as arenas multiuso tem capacidade para 10 mil pessoas. O Complexo Expoville e o Megacentro Wittich Freitag são outros dois espaços projetados para receber grandes eventos, o que deixa a cidade com capacidade de receber mais de 40 mil visitantes simultaneamente.

Apesar de moderna e inovadora, Joinville ainda preserva a herança e os costumes dos imigrantes. Um resgate histórico está exposto no Museu Nacional de Imigração e Colonização, com acervo de móveis e objetos do século XIX e no Museu da Bicicleta, com mais de 16 mil peças.

E do Velho Mundo também veio o maior orgulho de Joinville, a Escola de Balé Teatro Bolshoi, a única fora da Rússia. Bolshoi é a mais respeitada instituição de balé no mundo e no Brasil conta com um corpo de 300 alunos, de várias regiões do País. Sem dúvida, um orgulho nacional.

Não é a toa que Joinville recebeu a honra de sediar a Escola Bolshoi. Há mais de 25 anos a cidade promove o Festival Internacional de Dança, o maior do mundo. São 11 dias de julho que a cidade se encanta com bailarinos de diversos países, que vem para cidade se apresentar e participar de oficinas de dança. Época incrível para ir a Joinville.

Outro belo momento de passar por Joinville é na ocasião da Festa das Flores, em novembro, quando a cidade expõe diversas plantas ornamentais que enfeitam e colorem o centro. Além disso, há apresentações artísticas e culturais.
Para quem gosta de fugir do agito urbano, os bairros da Estrada Bonita e do Piraí oferecem opções de turismo rural, com cachoeiras, alambiques, trilhas por entre a Mata Atlântica, além, é claro, das delícias coloniais, como cucas, biscoitos e embutidos.

Em Joinville não deixe de aproveitar tantas atrações.

Gostou? Divulgue este artigo para seus amigos!

Cadastre-se

Procurando dicas de viagens
pelo Brasil?
Cadastre seu email e
receba dicas exclusivas:

Editorial - Contato - Anuncie Grátis - Área de Anunciantes - Seja um colaborador

© Copyright 2013 - 2017 - Guia Viagens Brasil - Mapa do Site