Belém

Publicidade

Translator / Tradutor

A capital do Pará viu sua melhor fase no século 19 quando vivia-se o Ciclo da Borracha, momento em que foram construídos os mais belos e históricos edifícios. Naquela época a borracha garantia o sustento das famílias e hoje, Belém se mantém de pé com a comercialização dos mais variados produtos para o exterior. A cultura de séculos atrás permanece viva em cada morador, a música que se ouvia outrora é a mesma escutada hoje e espalhada aos quatro ventos. O ritmo do carimbo é repassado de geração em geração às crianças para que a tradição não seja esquecida. Berço do tecnobrega, Belém reúne pessoas muito animadas e de bem com a vida.

O que falar então da gastronomia local? Restaurantes estrelados por grandes guias e que se tornaram referência no país e outros que mal se ouvem falar, que permanecem escondidos, mas que resguardam delícias típicas que não se encontram em qualquer lugar. Dos botecos e casas mais simples aos restaurantes mais aclamados uma coisa é certa: sabor não falta. A explosão de temperos surpreende até mesmo quem está acostumado a comidas exóticas, pois nenhuma culinária se compara à paraense. Dentre os pratos mais tradicionais destaque para o tacacá, porém, também podem ser encontradas esfihas de pato com jambu e tucupi e os doces de cupuaçu e a saborosa castanha do Pará. O Mercado Ver-o-Peso além de possuir os ingredientes para o preparo de pratos típicos ainda surpreende com ervas medicinais que prometem curar até impotência sexual. Dá pra acreditar?

Belém realmente é rica em todos os seus segmentos. A beleza artística e arquitetônica, além de toda história que as paredes revelam podem ser admiradas em locais como o Theatro da Paz (inspirada numa casa de ópera de Milão na Itália), Casa das Onze Janelas (antiga residência de um senhor de engenho com obras de artistas renomados como Tarsila do Amaral, Lasar Segall, Alfredo Volpi), a igreja Basílica do Nazaré datada de 1700, a Catedral da Sé (barroca e neoclássica ao mesmo tempo) e muito mais.

Alguns passeios ao ar livre também completam o roteiro como: passeio de barco pelo Rio Guamá e Rio Acará, Parque Zoobotânico que é um verdadeiro centro de pesquisas pela sua riqueza de fauna e flora, Mangal das Garças que reúne um borboletário e muitas garças e guarás soltas pelo parque, Bosque Rodrigues Alves que abriga mais de duas mil espécies de flores da Amazônia, dentre outros que são encontrados no meio do caminho.

Por último, mas não menos importante estão o Espaço São José Liberto que já foi presídio, olaria, convento e hospital e hoje é um centro de artesanato e joias, Forte do Presépio que é tido como um dos marcos de fundação da cidade, Museus de Arte Sacra, Museu de Arte de Belém, Museu do Círio e outros atrativos históricos e artísticos. De fato, o turista que chegar à Belém se sentirá em casa com a receptividade do povo e as belezas disponíveis para visitação.

Conheça também a incrível Ilha do Marajó.

Gostou? Divulgue este artigo para seus amigos!

Cadastre-se

Procurando dicas de viagens
pelo Brasil?
Cadastre seu email e
receba dicas exclusivas:

Editorial - Contato - Anuncie Grátis - Área de Anunciantes - Seja um colaborador

© Copyright 2013 - 2017 - Guia Viagens Brasil - Mapa do Site