Um tour pelo Circuito das Águas Paulista

Publicidade

Translator / Tradutor

O estado de São Paulo guarda belezas incríveis para turistas que chegam para visitá-lo. De certa forma tímido, o turismo da região nem sempre é tão exaltado como acontece no Nordeste, por exemplo, mas não deixa a desejar. Com atrativos naturais, você encontrará cantinhos mais que especiais para curtir durante suas férias e voltar muitas outras vezes, porque se apaixonou completamente. Entre essas opções disponíveis, citamos o Circuito das Águas Paulista.

swimming-pool-765312_1280

Esse circuito engloba nove cidades do estado, todas dentro da região conhecida como Estradas e Bandeiras, na Serra da Mantiqueira e com uma fauna e flora de encantar. Conheça mais sobre esse trajeto e veja porque ele deve entrar no seu roteiro de férias.

O Circuito das Águas Paulista

Águas de Lindóia, Amparo, Holambra, Jaguariúna, Lindóia, Monte Alegre do Sul, Pedreira, Serra Negra e Socorro. Exatamente nessa ordem você tem o início, o meio e o fim do Circuito das Águas Paulistas. Em todas as nove cidades que abrangem este percurso, o turista poderá conhecer fazendas, cavalgar, praticar esportes, visitar alambiques, apreciar o delicioso café caipira do interior paulista, visitar museus e, claro, nadar, banhar-se, ou simplesmente relaxar nas estâncias hidrominerais e climáticas únicas.

As águas da região são puras e com propriedades medicinais, pois brotam diretamente da terra e guardam os sais minerais que equilibram ainda mais o organismo. Por isto, muitos turistas vão a região para tratamentos de saúde e também como um spa bem relax.

As Águas Paulista tornou-se um dos circuitos mais bem estruturados do Brasil, tanto em hotéis, restaurantes, organização das agências que realizam passeios e dos estabelecimentos.

Para quem ama esportes, o Circuito oferece mais de 20 atividades em água, terra ou ar e muitas delas são adaptadas para pessoas portadoras de necessidades especiais, ou seja, é diversão para toda família!

A cada município que você passar, atrativos turísticos incríveis serão encontrados e todos com histórias para contar e opções para todas as idades. Além destes, eventos temporários acontecem durante o ano inteiro nas cidades, exaltando principalmente a cultura da região, por isto é bom ficar de olho na programação. Veja a seguir as principais atrações.

Principais Pontos Turísticos

Em todo o percurso você encontrará pontos turísticos para visitação. Estes são parada obrigatória e lhe farão entender melhor a história e cultura local. Já no início do Circuito das Águas Paulistas, em Águas de Lindóia, você encontrará o Sítio Monte Alegre. Este é o sítio mais conhecido da região e os donos abriram para visitação, onde aos finais de semana dá para tomar o típico café da roça e experimentar receitinhas bem regionais.

Após essa visitação, passe também no Balneário Municipal, ainda na mesma cidade, para curtir um dia inteiro de aventura. São toboáguas, banheiras de hidromassagem, aulas de ginástica, banhos de imersão, sauna, banho de argila e muito mais. Dá para aproveitar o dia inteiro aqui antes de seguir para o próximo destino.

Em Amparo você terá um circuito próprio com dez fazendas importantes para a formação histórica e política da cidade, além de trilhas que fazem parte da Reserva Mundão das Trilhas. Para ver de perto um pouco do artesanato local, não deixe de visitar a Casa do Artesanato, que conta com peças recentes e também datadas do século XIX, todas em um prédio dessa mesma época. É uma exposição permanente.

Na cidade de Holambra, você irá encontrar muitos cantinhos especiais. Conhecida nacionalmente como a Cidade das Flores, logo quando você chegar perceberá o porquê do título, são vários jardins floridos e também floriculturas e fazendas produtoras de plantas ornamentais. Logo na chegada um imenso moinho dá as boas vindas aos turistas. O moinho é parte das construções em estilo holandês, típicas dos colonizados da cidade. Eles também influenciaram a culinária local. Então, não deixe também de dar aquela paradinha em alguns restaurantes para experimentar as delícias holandesas e provar o sorvete de rosas (feito de pétalas de rosas mesmo!).

moinho

Seguindo, você pode parar no Naga Cable Park, em Jaguariúna. Este foi o primeiro parque de esqui aquático da América Latina. Aqui também dá para praticar Wake board, onde desliza na água com uma prancha do tipo snowboard, puxado por uma lancha. Ainda na cidade, visite os ranchos locais e faça o passeio de Maria Fumaça para conhecer toda a região.

Wakeboarder

Em Lindóia você tem o Rio do Peixe, lugar para descanso para alguns e ponto de partida para aventura de outros. Estando aqui, dê uma passada na Ilha dos Amores e nas Cachoeiras do Feixe, Costas e Frade.

Em Monte Alegre do Sul a aventura pelas trilhas e cachoeiras continua. Pratique rafting no rio Camanducaia, faça um passeio de quadriciclo por toda a região e visite as cachoeiras do Mostarda e Falcão, as duas mais famosas do município. Em Pedreira, você também encontra muitas trilhas para fazer, além do Acqua Ride, um incrível parque da região.

rafting-661716_1280

Você está conferindo informações sobre o Circuito das Águas Paulista. Se está gostando das dicas, compartilhe no seu Facebook, ou tuíte, e convide os amigos!

Compartilhe no FacebookCompartilhe no Twitter

Chegando em Serra Negra, alugue um jipe para conhecer a região. Dá para fazer trilhas, visitar cafezais, locais de produção de vinhos e queijos, além de desbravar morros do município. Esse percurso dá para fazer em um dia inteiro, caso haja disponibilidade. Aqui você também encontra um Cristo Redentor e a Disneylândia dos Robôs. O primeiro é uma estátua, réplica da que existe no Rio de Janeiro. O segundo é um verdadeiro templo de sucata com todo tipo de metal que você pode imaginar, bem casa do Professor Pardal.

Na última cidade do Circuito, Socorro, há o Parque dos Sonhos, com tirolesa e locais para praticar arvorismo. Para quem gosta de se aventurar é o lugar perfeito. Não deixe de ir ao Parque Ecológico do Monjolinho, onde você encontra pontos de rafting e outros esportes mais radicais.

Durante todo o circuito, você encontrará inúmeras opções de fontes e balneários, locais ideais para relaxar e curtir com a família inteira!

Quando ir

O melhor do Circuito das Águas Paulista é que dá para fazê-lo durante todos os meses do ano. No período de férias, a circulação de pessoas aumenta, o que faz com que atividades sejam mais tumultuadas em alguns pontos. Durante o inverno, devido as fortes chuvas na região, passeios mais voltados para aventura, como trilhas, arvorismo, rafting, entre outros, podem ser suspensos.

Estrutura Hoteleira e Alimentação

Em qualquer uma das nove cidades que você ficar, encontrará ótimas opções de hotéis e pousadas. Também não é preciso se preocupar com restaurantes, pois os municípios são muito bem estruturados quanto a isso. Vale a dica de experimentar um pouco da culinária local, principalmente os produtos coloniais produzidos nas fazendas da região. Aproveite!

Você ainda pode conhecer mais do Circuito das Águas Paulista no site oficial da atração.

Gostou da dica? Então que tal programar-se hoje mesmo para conhecer esses destinos?

Por Guia Viagens Brasil Texto: Fotos:  25 de janeiro de 2016

Receba dicas de viagem


Insira seu email para receber artigos exclusivos e dicas de passeios imperdíveis!





Gostou? Divulgue este artigo para seus amigos!

Deixe o seu comentário

DICAS RECENTES DO BLOG

GUIAS DE VIAGENS GRÁTIS - BAIXE AGORA O SEU!

Loja
Encontre os melhores ebooks de dicas de viagem pelo Brasil

Procurando dicas de viagens pelo Brasil?
Cadastre seu email e receba dicas exclusivas:

Editorial - Contato - Anuncie Grátis - Área de Anunciantes - Seja um colaborador

© Copyright 2013 - 2017 - Guia Viagens Brasil - Mapa do Site