Roteiro de 3, 5 e 7 dias por Maceió e arredores

Publicidade

Translator / Tradutor

Se perguntarmos qual a primeira coisa que você lembra quando falamos em Alagoas, qual será a resposta? Provavelmente “as praias”, acertamos? O litoral do estado é conhecido no mundo inteiro como o “Caribe brasileiro” e o título não veio sem merecimento. De fato, as praias e Maceió e outras cidades são espetaculares.

mar-esverdeado-praia-ponta-verde-maceio-al-3588

Justamente pela beleza do lugar, que acaba deixando uma dúvida sobre o que visitar ou não, que criamos um roteiro de 3, 5 e 7 dias por Maceió e arredores. Você conseguirá conhecer os principais cantinhos da cidade e do estado, sem ter problema com falta de tempo. Então esqueça aquela chance de voltar para casa deixando para trás passeios porque não conseguiu fazer. Organizando corretamente você terá férias incríveis por aqui. Confira.

Roteiro de 3 dias em Maceió e arredores

Nos três primeiros dias em Maceió, preparamos um roteiro mais focado nas praias da capital e em alguns pontos turísticos importantes para a cultura e história local. Você conhecerá uma parte dos 40 quilômetros de praia, além de centros, museus e da gastronomia nordestina.

Dia 1 – Explorando o litoral de forma estratégica

Para quem tem poucos dias, infelizmente não dá para passar o dia inteiro em uma única praia. Dedicando cerca de 2 horas para cada uma, você conhece muitas e, em uma próxima oportunidade, pode aproveitar ainda mais.

Indicamos que você inclua na sua programação a praia e a lagoa de Paripueira, a Praia de Jatiúca, a praia e a piscina natural de Pajuçara e a praia de Ponta Verde. Todas são paradas obrigatórias para cada um dos turistas que chegam pela cidade.

Duas dicas importantes para esse primeiro dia: na Praia de Jatiúca aproveite para também explorar gastronomicamente o lugar. Aqui é considerado o polo gastronômico da capital, onde é possível encontrar muitos restaurantes de culinária nordestina, nacional e internacional. A outra dica é fazer o passeio de jangada na Praia de Pajuçara. Essa travessia levará você até as lindas piscinas naturais da região, com direito a contemplar a capital alagoana de alto-mar.

Já a Praia de Ponta Verde é point dos turistas de Maceió, com excelente infraestrutura, muitos bares à beira mar, boas opções de restaurantes e a região também concentra grande parte da rede hoteleira, com alternativas econômicas e também luxuosas, vai do estilo e bolso do viajante. A orla urbanizada tem calçadão e também pista de corrida/caminhada e ciclovia, ótima para se exercitar com um belíssimo cenário de mar azulzinho ao lado.

foto-praia-de-ponta-verde-em-alagoas-brasil-3337

Dia 2 – Um passeio pelo Centro Histórico de Maceió

Nesse tour do segundo dia, você praticamente encontrará os prédios mais antigos de Maceió, além de centros culturais importantes para a história da cidade e do Estado. Passe pela Catedral Metropolitana, Igreja de Bom Jesus dos Martírios, Museu Pierre Chalita, Museu da Arte Sacra e Museu Théo Brandão.

museu-theo-brandao-centro-historico-maceio-al-6116

Todos esses prédios citados anteriormente mostrarão para você desde os primeiros anos da cidade, quando o Centro Histórico ainda era a “Ladeira do Urubu”, até as riquezas culturais mais modernas, guardadas em museus. Indicamos você começar uma caminhada pelo Palácio Floriano Peixoto e traçar uma rota, finalizando na Assembleia Legislativa. Esse último ponto deve ser admirado no final do dia, quando as luzes já estarão acessas.

assembleia-legislativa-estadual-centro-historico-maceio-al-6125

Dia 3 – Um roteiro gastronômico e boêmio pela cidade

No terceiro dia, indicamos um tour pelos principais bares, restaurantes e bairros que se destacam pela culinária e vida boêmia na cidade. Para hoje, é importante que você aproveite os pratos típicos de dia e a boemia já à noite.

O restaurante Carne de Sol do Picui tem o quadradinho de tapioca com queijo coalho mais tradicional da cidade. Indicamos também o Akuaba, um restaurante que só serve pratos “afro-baianos”. As ostras depuradas de Coruripe é o carro-chefe do lugar, experimente! O SUR é um restaurante, talvez, único em todo o Nordeste. Dois amigos alagoanos resolveram abrir um restaurante que reinventa toda a culinária nordestina em receitas surrealistas. O cachorro-quente de lagoa é a nossa dica para essa parada. O Alphazema pega carnes típicas do Nordeste e serve com saladas sofisticadas. Você poderá degustar carne de carneiro, carne de sol, entre outras.

Depois desse tour gastronômico você pode voltar para o hotel e descansar um pouco para logo a noite. Indicamos que, logo após o pôr do sol você siga até o bairro de Jaraguá para conhecer os bares da região. Esse é o point boêmio de Maceió. Aqui também é possível encontrar alguns casarões antigos, o que faz o destino ter ainda mais charme. Centros de artesanatos e algumas lojas de produtos locais também ficam abertas. É perfeito para quem deseja comprar aqueles presentinhos para amigos e familiares.

confeccao-artesanal-maceio-al-6359

Outra opção é tirar a tarde para passear de barco pelas águas da Lagoa Mundaú, que proporciona belos cenários tranquilos. Às suas margens está a famosa Rua das Rendeiras, onde as artesãs locais criam e vendem seus belos rendados, tradicionais do nordeste. Vale a pena conferir.

Roteiro de 5 dias em Maceió

Com mais dois dias de férias, vamos sair um pouco da capital e conhecer mais do litoral das cidades próximas. Vamos, dessa vez, passear por três cidades do litoral que ficam muito próximas da capital: Marechal Deodoro, Gunga e Barra de São Miguel.

Dia 4 – Marechal Deodoro e a famosa Praia do Francês

São apenas 30 quilômetros que separam Maceió de Marechal Deodoro. O acesso para lá é muito simples devido a famosa Praia do Francês. Essa é um dos cartões-postais do estado e, justamente por esse motivo, é uma das mais badaladas também. Por ficar muito perto da capital, você com certeza encontrará muitos turistas independentemente da época do ano que visitar o destino.

guarda-sol-praia-frances-alagoas

As águas da Praia do Francês são geralmente bem tranquilas, sempre mornas e, na maré baixa, você ainda encontrará diversas piscinas naturais. Um imenso coqueiral cerca a maior parte dessa praia, o que é bem comum em quase todo o litoral alagoano. O cenário é realmente lindo e faz jus ao sucesso do lugar.

Veja clicando aqui imagens em 360 graus da Praia do Francês.

Você pode aproveitar a Praia do Francês durante todo o dia e, após o almoço em algumas dessas barracas muito bem estruturadas, é possível passear pela cidade. Marechal Deodoro foi a primeira capital de Alagoas e, portanto, guarda um acervo histórico muito bonito e importante para o estado. Em 2006 a cidade foi nomeada um Patrimônio Histórico Nacional e você pode explorar bastante essas pequenas e lindas ruas.

foto-marechal-deodoro-em-alagoas-6176

Conheça o Museu de Arte Sacra, a Igreja de Santa Maria Madalena, o Convento de São Francisco, entre outros prédios. Outro atrativo que não você não pode deixar passar em Marechal Deodoro são as rendeiras locais. Elas realizam trabalhos de cestaria e bordados praticamente únicos. As peças fabricadas aqui são exportadas para diversas partes do mundo. Você pode conhecer e ainda levar diversos presentes para casa.

Você está conferindo sugestão de roteiro de 3, 5 e 7 dias por Maceió e arredores. Se está gostando das dicas, compartilhe no seu Facebook, ou tuíte, e convide os amigos!

Compartilhe no FacebookCompartilhe no Twitter

Dia 5 – Seguindo para a Praia do Gunga e a Barra de São Miguel

Cerca de 10 quilômetros de distância da cidade de Marechal Deodoro você encontra a Praia do Gunga, que também é bastante famosa entre turistas que chegam pela capital alagoana. Podemos dizer que é um dos melhores lugares para se hospedar enquanto você estiver de férias por Alagoas. Aqui estão os hotéis mais populares e alguns resorts luxuosos do estado.

foto-praia-do-gunga-em-alagoas-brasil-3090

A pesca, o mergulho e outros esportes náuticos também ganham destaque por aqui. Se você gosta de velejar também há essa opção, apesar de a maioria dos velejadores preferirem os ventos da Praia do Francês.

Você pode dividir o seu passeio chegando pela manhã na Praia do Gunga e permanecendo por aqui até a hora do almoço. Depois indicamos que você siga para a Barra de São Miguel, mas faça uma parada na pequena cidade de Penedo. Bucólica, ela fica às margens do Rio São Francisco e, como opção extra de passeio, é possível pegar uma barca para rodear toda a foz do Velho Chico e conhecer essa região.

penedo-alagoas-2443

Por fim, chegue no início da tarde na Barra de São Miguel, um dos balneários mais cobiçados por turistas que estão em Alagoas. Aqui geralmente partem barcas para a Praia do Gunga e as pessoas conhecem primeiramente esse destino. Contudo, indicamos você fazer exatamente o contrário. O motivo? O pôr do sol visto desse ponto é encantador.

Você pode curtir bastante as piscinas naturais da Barra de São Miguel, mas essas só aparecem na maré baixa. Em outros períodos, o mar é sempre agitado, o que se torna muito atrativo para surfistas. Dependendo da época do ano que você visitará o balneário, é possível encontrar alguns dos grandes campeonatos de surf que acontecem aqui.

lancha-praia-barra-sao-miguel-alagoas

Indicamos que você faça um passeio de barco até a Lagoa do Roteiro. Esse trajeto é feito em alto-mar e passa por pequenas ilhas que ficam entre a Barra de São Miguel e a Praia do Gunga. O passeio pode ser feito tanto partindo do primeiro ponto desse dia como do segundo. Vale muito a pena!

Roteiro de 7 dia por Maceió e arredores

Nos dois últimos dias por Maceió, queremos indicar um passeio mais diferente. Aproveite para conhecer os destinos mais paradisíacos do estado e entender o porquê o litoral desse estado é frequentemente chamado de “Caribe Brasileiro”. Sairemos, então, do litoral Sul do estado e exploraremos o litoral Norte, passando por São Miguel dos Milagres e toda a Costa dos Corais.

Dia 6 – A esquecida e inesquecível São Miguel dos Milagres

A pequena vila de pescadores de São Miguel dos Milagres passa quase que despercebida pela maioria dos turistas. Contudo, quem descobre a cidade se apaixona completamente. As praias que cercam esse litoral são todas selvagens, com um cenário completamente rústico e perfeito para quem busca tranquilidade para suas férias.

foto-praia-do-toque-sao-miguel-dos-milagres-em-alagoas-6585

Dá para explorar São Miguel dos Milagres por muitos dias, mas como nosso tempo por aqui é um pouco reduzido, nós indicaremos os principais passeios. Os coqueirais da cidade destacam-se como o principal cartão-postal local. Dá para passear horas por eles, portanto, é nossa primeira dica para esse sexto dia de viagem. Tire alguns minutos pela manhã para conhecer e, claro, tirar algumas fotos para levar esse lindo cenário para casa como lembrança.

Após a sua pequena caminhada, a dica de passeio logo de manhã é pegar uma das jangadas locais e fazer um tour, que geralmente acontece por duas ou três horas, passando por algumas pontas de praia e piscinas naturais. Essas se formam na maré baixa e são perfeitas para um bom mergulho.

Outra dica de passeio para se fazer neste dia é um mergulho com snorkel, onde você nadará com diversos cardumes de peixes coloridos que são preservados neste litoral. As águas muito limpas e transparentes também favorecem essa atividade. É importante lembrar que, não é de qualquer ponto de São Miguel dos Milagres que você consegue praticar o mergulho. Somente nas áreas onde há recifes, onde também o mar é mais tranquilo, você consegue observar os peixes. Se você não tiver equipamentos também não precisa se preocupar. Diversos profissionais estão sempre dispostos a ajudar os turistas e também alugam equipamento.

No período da tarde, indicamos que você circule por algumas praias de São Miguel dos Milagres. Comece o passeio pela Praia de São Miguel dos Milagres, a principal da região, onde é possível encontrar mais cardumes, mas esses são apenas para observação.

foto-praia-sao-miguel-dos-milagres-em-alagoas-6993

Você pode seguir até a Praia do Patacho, onde você encontra o Porto das Pedras, um pequeno vilarejo totalmente rústico. Você quase não encontrará casas por aqui, o que dá ainda mais beleza ao lugar.

praia-patacho-porto-das-pedras-alagoas-7559

Outra praia que é praticamente deseja é a Praia do Toque, que chama a atenção dos turistas pelas suas areias muito brancas. Na Praia do Porto da Rua você encontra um pouco mais de movimento, mas é devido os barcos coloridos que enfeitam a costa e são utilizados também para passeio.

Siga, depois, para a Praia de Tatuamunha. Aqui indicamos a observação dos peixes-boi e o encontro do rio com o mar, que também proporciona ótimos banhos. Para terminar o dia, indicamos o por do sol visto da Praia da Barra do Camaragibe.

foto-projeto-peixe-boi-porto-das-pedras-em-alagoas-6771

Dia 7 – O paraíso nordestino de Maragogi

Um dia inteiro em Maragogi não é o suficiente para conhecer essa praia, mas dá para explorar bastante. Essa parte do litoral alagoano é muito conhecida no país e figura como uma das praias mais bonitas do mundo. Ao todo, a Praia da Maragogi tem 22 quilômetros, portanto, indicamos que você acorde bem cedo para conseguir fazer o máximo de passeios que é possível para um dia em Maragogi.

foto-praia-de-maragogi-em-alagoas-7617

Indicamos, como a sua primeira atividade do dia, tirar cerca de duas horas para mergulhar nas galés de Maragogi. Essas são as maiores piscinas naturais do estado e ficam a cerca de 6 quilômetros da costa. Para chegar até as galés você precisa pegar um catamarã, que sai de diversos pontos da praia de Maragogi e fazem essa travessia.

foto-pisicna-natural-em-maragogi-alagoas-7909

Após o passeio até as galés, ainda no período da manhã, você pode escolher entre uma das piscinas naturais mais populares de Maragogi para dar aquele mergulho e ficar até a hora do almoço. Opte por Barra Grande, Taoca ou Barreira de Peroba para visitar. Todas as três opções são tranquilas, mas há um certo fluxo de turistas, principalmente nos períodos de alta estação. Aqui também é possível praticar mergulho com snorkel.

foto-pisicna-natural-em-maragogi-alagoas-7753

No período da tarde a nossa dica é a Trilha do Visgueiro. Mesmo que você não tenha o hábito de fazer caminhadas, conseguirá cumprir a trilha tranquilamente. Ela é toda guiada e passa por trechos de Mata Atlântica que há na região.

Você passa por cachoeiras, mirantes e ainda observa a fauna e flora local. A trilha é plana e dura cerca de duas horas. No final da caminhada é possível terminar o dia na praia com aquele mergulho refrescante.

A trilha só pode ser feita com guias locais, mesmo que você conheça a região. Também é necessário agendar o passeio em alguma agência de turismo ou através do telefone (82) 3296 2087, que é da central de guias de Maragogi.

Dica extra

Apesar de existir a praia principal de Maragogi, você encontrar outras muitas nas redondezas. Nesta viagem ou em uma próxima, você pode aproveitar também esse litoral vizinho. Tanto para o Norte como para o Sul há lindas opções e, algumas, um pouco menos movimentadas e com custos mais baixos do que Maragogi.

Indicamos então as praias de Burgalhau, Barreiras do Boqueirão, Ponta do Mangue e Japaratinga. Todas têm lindas falésias e dunas que podem ser exploradas em passeios especiais. O mar dessas praias também é bastante cristalino e as águas sempre tranquilas. Vale a pena conhecer todas.

foto-praia-de-japaratinga-em-maragogi-alagoas-7652

Quando ir

Em qualquer mês do ano é possível visitar Maceió e aproveitar todas as atrações deste guia, além de muitas outras. No verão, porém, as águas ficam mais claras, o sol é mais presente e você encontra muitos turistas pela região. Os preços de pousadas e resorts, principalmente, quando são reservados em cima da hora também são bem elevados. Para os turistas que querem, porém, fugir de preços altos e praias lotadas devem evitar esse período.

Entre os meses de abril e julho as chuvas são mais presentes em todo o Nordeste. O sol sempre aparece nesse período, mas sem tantos raios, o que facilita aquele bronzeado bem típico do litoral nordestino. De acordo com muitos guias locais, a melhor época para visitar Alagoas é em outubro, quando há sol, preços baixos e a quantidade de turistas é bastante moderada.

Seja em qual época for, você irá adorar Alagoas e ficará com gostinho de quero mais, pois as atrações são infinitas, com praias paradisíacas, muitas piscinas naturais e paisagens de cinema!

***
Que tal? Gostou das nossas dicas? Agora é só planejar o roteiro e partir para viagem!

Por Guia Viagens Brasil Texto: Fotos:  30 de dezembro de 2016

Receba dicas de viagem


Insira seu email para receber artigos exclusivos e dicas de passeios imperdíveis!





Gostou? Divulgue este artigo para seus amigos!

Deixe o seu comentário

DICAS RECENTES DO BLOG

Procurando dicas de viagens pelo Brasil?
Cadastre seu email e receba dicas exclusivas:

Editorial - Contato - Anuncie Grátis - Área de Anunciantes - Seja um colaborador

© Copyright 2013 - 2017 - Guia Viagens Brasil - Mapa do Site