Roteiro de 20 dias pela Costa Litorânea do Nordeste

Publicidade

Translator / Tradutor

O litoral do Nordeste é considerado um dos mais bonitos do mundo inteiro. São praias paradisíacas e, muitas vezes, desconhecidas dos turistas. Você provavelmente já ouviu falar de Porto de Galinhas, Praia da Pipa, Jericoacoara, entre outras que estão sempre estampando matérias de turismo mundo afora. O sol por aqui brilha o ano inteiro e nada melhor do que aproveitar esses mais de 3 mil quilômetros de mares maravilhosos.

Aqui no blog sempre postamos guias completos sobre um destino ou roteiros de 3, 5 e 7 dias por lugares que consideramos os melhores para todas as épocas do ano. Dessa vez queremos fazer diferente. Montamos um pequeno guia e roteiro de 20 dias pela costa litorânea do Nordeste. Se você tirou um mês inteiro de férias, poderá ir do sul da Bahia até o Maranhão em uma viagem incrível.

Gostou da ideia? Então confere nossas dicas e comece desde já os preparativos para sua próxima viagem!

Dia 1 – Porto Seguro (Bahia)

É um pouco difícil passar apenas um dia em Porto Seguro, mas é daqui que partimos para os nossos próximos vinte dias pela costa nordestina. Porto Seguro, no Sul da Bahia, foi onde toda a história do Brasil começou. O marco do descobrimento do nosso país está aqui e você tem um dia inteiro para explorá-lo.

museu-descobrimento-porto-seguro-ba-6135

Toda essa região rende facilmente uma semana de viagem, por isso, escolhemos os melhores pontos para você visitar neste dia. No período da manhã dedique um passeio pelo centro histórico. Algumas construções antigas e muito importantes desde a época da colonização são encontradas aqui.

foto-centro-historico-em-porto-seguro-bahia-6365

Saindo desse ponto, siga até a praia de Taperapuã. Aqui há muitas barracas com música ao vivo, principalmente durante o verão. Se você já viu vídeos de aulas na praia de Porto Seguro, provavelmente foi aqui. No final do dia, a Passarela do Descobrimento é o melhor point para aproveitar.

foto-praia-de-mundai-em-porto-seguro-bahia-6764

Dia 2 – Praia do Forte (Bahia)

Localizada no município de Mata de São João, a Praia do Forte é a nossa segunda parada destes 20 dias. Saindo de Porto Seguro, a forma mais rápida de chegar até aqui é pegando um voo até Salvador e fazendo o restante do percurso de ônibus ou carro. Considerada a praia mais badalada da Bahia, você encontrará sempre muitas festas e resorts movimentados por aqui.

piscinas-naturais-papa-gente-praia-do-forte-ba

Ainda assim, a Praia do Forte não é um lugar para badalações apenas. As praias que cercam essa região são muito bonitas. Aqui você também encontra resquícios históricos, como Castelo D’Avila. Você também encontra o Projeto Tamar, perfeito para aprender mais sobre o ecossistema local e sobre a preservação das tartarugas marinhas.

Clique aqui e faça um tour virtual em 360 graus pela Praia do Forte.

Na Praia do Forte ainda há uma aldeia hippie e um centro de artesanato que são graciosos. Vale a pena circular por esses dois lugares por alguns minutos e aproveitar a paisagem. No restante do dia, curtir a praia é o que há de melhor.

foto-castelo-davila-na praia-do-forte-bahia-brasil-2023

Dia 3 – Costa do Sauipe (Bahia)

O complexo hoteleiro da Costa do Sauipe tornou-se uma atração turística muito popular entre turistas que estão na Bahia. As praias, quase todas privativas, são um encanto e cheia de belezas naturais. Toda a região é muito bem preservada e guarda diversas opções de passeios para os visitantes.

coqueiros-praia-costa-do-sauipe-ba

Ao chegar por aqui, não deixe de conferir o Eco Parque. Uma imensa reserva de Mata Atlântica com trilhas, pequenas cachoeiras, lagoas e algumas opções de passeio. Se você está viajando com criança, os pedalinhos serão com certeza uma atração a parte. No Eco Parque da Costa do Sauipe você também encontra algumas trilhas de tempo médio e curto para explorar mais a região.

Dia 4 – Mangue Seco (Bahia)

Se não fosse a novela Tieta do Agreste, exibida pela primeira vez nos anos 80/90 pela Rede Globo, talvez Mangue Seco passasse despercebida de muitos turistas. Localizada na Linha Verde, bem na divisa da Bahia com Sergipe, essa praia está entre as mais belas do Brasil. É um destino agradável principalmente para quem gosta de litorais desérticos e bem rústicos.

imagem-blog-passeio-de-bugue-pelas-duas-de-mangue-seco-bahia

O passeio de bugue é o que predomina por aqui. Toda a praia é praticamente formada por dunas e, caso você não tenha um veículo com tração nas quatro rodas, será um pouco complicado conhecer tudo. Explore a região do Rio Real, onde é possível encontrar muitas piscinas naturais para um mergulho relaxante!

foto-praia-de-mangue-seco-bahia-1203

5 – Praia do Mosqueiro (Sergipe)

Uma paradinha na capital sergipana é sempre agradável. Diferente do nosso Roteiro de 3, 5 e 7 dias por Aracaju, onde indicamos diversos pontos da cidade para se conhecer, dessa vez iremos apenas em uma praia pequena e bem charmosa da cidade: a Praia do Mosqueiro.

Também chamada de Orlinha do Pôr do Sol, aqui é gostoso de passar o tempo independentemente da hora que se resolve chegar. Pela manhã dá para aproveitar o espaço para curtir as águas tranquilas desse mar, pegar uma lancha até a Croa do Goré ou praticar stand up paddle por toda a região. Para quem chegar aqui a tarde, entenderá bem o porquê do segundo nome da praia. Aqui tem o pôr do sol mais belo de toda a Aracaju e você com certeza irá concordar com a gente depois de conferi-lo. A noite, muitas barraquinhas de comida e artesanato movimentam essa pequena orla.

Dia 6 – Barra de São Miguel (Alagoas)

O balneário da Barra de São Miguel é um dos mais procurados por turistas e moradores de Maceió. O motivo? Os resorts luxuosos e completos que você encontrará por aqui. Cheia de piscinas naturais, essa praia não deixa nada a desejar aos Caribes espalhados pelo mundo. São apenas 30 quilômetros que dividem a Barra de São Miguel de Maceió, o que é uma segunda alternativa para quem deseja economizar um pouco mais com sua estadia.

foto-praia-da-barra-de-sao-miguel-em-alagoas-brasil-3170

Daqui também saem embarcações pequenas em direção a Praia do Gunga, uma das mais conhecidas e frequentadas do estado. Barra de São Miguel é bem completa e conta com uma infinidade de passeios para sua visita.

Clique aqui e faça um tour virtual em 360 graus por Barra de São Miguel.

Você pode explorar a região de bugue, fazer algumas das trilhas locais ou desfrutar a culinária nas barracas e quiosques espalhados por toda a praia.

Dia 7 – Praia de Maragogi (Alagoas)

A Praia de Maragogi é uma das mais bonitas do Brasil. Paradisíaca, possui uma beleza natural ímpar. Dificilmente você chegará aqui e não se admirará com toda a paisagem. O mar é sempre tranquilo e convidativo para banho. As águas cristalinas permitem que você pratique mergulho em quase todos os pontos de Maragogi.

foto-pisicna-natural-em-maragogi-alagoas-7909

As piscinas naturais também chamam a atenção de quem chega por aqui. Algumas ficam a cerca de 6 quilômetros da costa, sendo acessíveis apenas através de pequenas barcas. Cada passeio é único em Maragogi. Também há outras pequenas praias na região como a Praia de Antunes, a Praia de Peroba e a Praia de São Bento.

foto-praia-de-maragogi-em-alagoas-7617

Dia 8 – São José da Coroa Grande (Pernambuco)

São José da Coroa Grande fica no extremo Sul de Pernambuco, exatamente na divisa com o estado de Alagoas. É uma praia que foi destaque em muitos sites e revistas de turismo, mas ainda é pouco explorada, para a sorte dos turistas que gostam de destinos paradisíacos e desertos.

A praia fica em uma região chamada Costa Dourada, escondida, sendo o paraíso para os surfistas que a descobre. A cidade é, na verdade uma pequena vila de pescadores que se desenvolveu. Dessa forma, é possível explorar toda a região através de trilhas, que levarão você por mangues, pequenas comunidades e pontas de praias incríveis.

Você está conferindo uma sugestão de roteiro de 20 dias pela Costa Litorânea do Nordeste. Se está gostando das dicas, compartilhe no seu Facebook, ou tuíte, e convide os amigos!

Compartilhe no FacebookCompartilhe no Twitter

Dia 9 – Tamandaré (Pernambuco)

A pequena Tamandaré é uma das praias mais visitadas por turistas em Pernambuco. Bucólica, guarda muita história e cultura. A Igreja de São Benedito é uma das atrações desse destino, onde você precisa fazer uma parada e conhecer. Ela fica isolada e só é possível chegar através de uma travessia de barco ou caminhada pela areia quando a maré estiver seca.

foto-praia-dos-carneiros-em-tamandare-pernambuco-6996

Os coqueirais de Tamandaré são o cartão-postal daqui. Nada melhor do que sentar embaixo de uma dessas imensas árvores, aproveitar a sobra e saborear aquela água de coco refrescante. O mar da Praia de Carneiros é sempre tranquilo. Vale a pena praticar mergulho e observar a fauna e a flora marítima daqui, que é bastante rica.

coqueiros-igreja-sao-benedito-tamandaré-pe

Dia 10 – Porto de Galinhas (Pernambuco)

As piscinas naturais de Porto de Galinha são conhecidas e o motivo para muitos visitantes chegarem por aqui. Com um mar sempre tranquilo e com águas cristalinas, toda a região permite mergulhos incríveis. Há passeios por algumas dessas galés com direito a observação da fauna local. Já imaginou poder mergulhar com peixinhos coloridos? Aqui é possível!

foto-piscina-natural-em-porto-de-galinhas-pernambuco-6527

Além do mar, Porto de Galinha também guarda áreas preservadas, algumas construções históricas. O passeio de buggy permitirá conhecer cada ponto turístico, com paradas estratégicas! Não deixe de conferir o Projeto Hippocampus, que foca na preservação de vida dos cavalos marinhos.

imagem-blog-cavalos-marinhos-no-passeio-pelo-rio-maracaipr-em-porto-de-galinhas-pernambuco

Dia 11 – Cabo de Santo Agostinho (Pernambuco)

Cabo de Santo Agostinho é um município pernambucano próximo a Porto de Galinhas. Aqui há algumas das praias mais bonitas do estado e onde você pode fazer paradas estratégicas para aproveitar o seu dia. Calhetas, Praia do Paiva, Itapuama, Pedra do Xaréu, Gaibu e muitas outras.

Todas as praias de Cabo de Santo Agostinho possuem atrativos naturais incríveis. Você pode optar por fazer trilhas, mergulho, passeios pelas dunas locais ou conhecer um pouco mais da forma rústica que os pescadores da região ainda vivem. A estrutura de todo o município é bem completa e você encontra quiosques em todas as praias, servindo o melhor da culinária litorânea para os turistas.

Dia 12 – Praia da Barra de Mamanguape

Mamanguape é um dos rios mais importantes de toda a Paraíba. Neste ponto você pode observar o encontro do rio com o mar, resultando naquele espetáculo para os turistas que passam pela região. A Praia da Barra de Mamanguape é considerada a mais bela de todo o Estado e essa sua parada com certeza confirmará as estatísticas.

Foto do Projeto Peixe Boi - Porto de Pedras

Aqui também há um centro de observação de Peixes-boi, onde o Projeto Peixe-Boi Marinho trabalha na preservação da vida desse animal. Por aqui o estilo de vida é bem simples e rústico ainda. Isso dá um toque mais que especial ao destino. Se você gosta de praias desérticas, essa parada será uma das melhores desses 20 dias de viagem. O mar é sempre tranquilo! Aproveite para dar mergulhos refrescantes!

Dia 13 – Baía Formosa (Rio Grande do Norte)

A Praia da Baía Formosa é uma das mais belas do Rio Grande do Norte. As suas falésias permitem trilhas por toda a praia, uma boa dica para aqueles turistas mais aventureiros. Aqui também é um dos pontos de surfe mais movimentados do estado. Se você pratica o esporte, nada melhor do que dar aquela treinada nas ondas da Baía Formosa.

foto-praia-da-baia-formosa-no-rio-grande-do-norte-brasil-9176

E não é somente o surfe que se destaca por aqui. Diversos outros esportes náuticos como windsurfe e kitesurfe também são amplamente praticados pela região. É comum ver campeonatos e, quem sabe você não tem a sorte de conferir uma dessas competições de pertinho?

Veja imagens em 360 graus de Baía Formosa.

O mar, por sua vez, é bastante agitado, mantendo os banhistas um pouco longe. Em alguns pontos, quando a maré está baixa, ainda é possível encontrar piscinas naturais, o que é a melhor opção para quem tem receio de entrar em mar com ondas mais fortes.

Dia 14 – Praia da Pipa (Rio Grande do Norte)

A Praia da Pipa é, com certeza, a praia mais conhecida de todo o Rio Grande do Norte. Destino para turistas brasileiros e estrangeiros, esse pequeno pedacinho de costa, localizado no município de Tibau do Sul é a nossa próxima parada. Estamos a quase quinze dias de viagem e esse destino não poderia ficar de fora.

praia-pipa-timbau-do-sul-rn-1867

Badalada, diferente de muitas praias que entraram nossa lista, Pipa é lugar para quem busca animação e muita festa. O réveillon daqui é um dos mais agitados do Nordeste. É aquela praia onde você encontrará muita gente bonita, jovem, barracas sempre lotadas e passeios para se fazer o dia inteiro! Também é um ótimo ponto para conhecer mais da culinária potiguar.

Dia 15 – Canoa Quebrada (Ceará)

Chegamos ao estado do Ceará e a nossa primeira parada é em Canoa Quebrada. A antiga vila hippie é bastante visitada e guarda lindas falésias, que podem ser exploradas em passeios incríveis. Assim como a Praia da Pipa, Canoa Quebrada também é bastante agitada, apesar de a sua estrutura ser completamente rústica. Por aqui não há grandes hotéis e o que predominam são as casas de veraneio.

pessoas-praia-canoa-quebrada-ce

Dê uma circulada pela Rua Broadway, principal via da pequena vila. Aqui você encontrará restaurantes com culinária de diversas nacionalidades, além de bares onde é possível curtir uma boa música ao vivo e fazer muitas amizades. Durante o dia, não deixe de fazer passeios típicos como circular de jangada pelos mares de Canoa Quebrada ou desbravar as dunas locais até o Rio Jaguaribe.

Dia 16 – Jericoacoara (Ceará)

Se em uma ponta você tem a Praia de Canoa Quebrada, na outra é possível encontrar o paraíso escondido de Jericoacoara. Jeri, como os cearenses carinhosamente apelidaram essa praia, foi uma vila de pescadores que se desenvolveu e foi descobertas por turistas do mundo inteiro. O cenário daqui é um dos mais belos que você verá, com muitos atrativos naturais que podem ser explorados facilmente.

turistas-pedra-furada-jericoacoara

Vá até as lagoas do Paraíso e Lagoa Azul, conheça a Pedra Furada e a Árvore da Preguiça. Não deixe de circular pelo centrinho de Jericoacoara e observar as lindas casas rústicas que formam a pequena cidade. A noite, muito forró e frutos do mar é o que embala os turistas que passam as férias por aqui.

redes-balanco-lagoa-do-paraiso-lagoas-de-jijoca

Dia 17 – Barra Grande (Piauí)

A Praia de Barra Grande fica na divisa do Ceará com o Piauí, guardando muita beleza natural para seus visitantes. O maior atrativo daqui é o mar. Com ondas sempre forte, essas águas atraem turistas que praticam esportes marítimos, como kitesurfe, windsurfe e o surfe tradicional. É possível também encontrar alguns pontos de passeio de caiaque. Para quem gosta de aventura, Barra Grande é bastante atrativa.

bela-praia-barra-grande-piaui

Outros passeios, para aqueles turistas mais tranquilos, também são facilmente encontrados por aqui. Há serras e cachoeiras na região que podem ser exploradas em trajetos feitos de buggy ou em trilhas de nível médio e fácil. Daqui também saem diversos passeios para o Delta do Rio Parnaíba e também para o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses. Não há tanta estrutura na Praia da Barra Grande, mas esse destino é bastante completo para suas férias.

Dia 18 – Luís Correia (Piauí)

Apesar de ser o carnaval que movimenta Luís Correia a praia é bastante atrativa para os turistas. Afora o período carnavalesco, por aqui é tudo sempre tranquilo. Praia frequentada sempre por famílias e grupos de amigos, que buscam mais descanso do que balada. As casas de veraneio predominam por toda a Praia de Luís Correia, mas você encontra algumas pousadas e hotéis também. O comércio é bastante completo e com tudo o que você precisa para passar bem as suas férias.

praia-atalaia-luis-correia-pi

O mar é agitado, mas tem suas ondas cortadas pelas imensas pedras que são encontradas em toda a costa. São elas, aliás, que formam o cenário da Praia de Luís Correia. Na maré baixa, muitas piscinas naturais fazem a festa das crianças e daqueles que evitam o mar mais bravo. Ao redor, pequenas praias também podem ser visitadas, como é o caso da Praia do Coqueiro, Praia Peito de Moça e Praia de Itaqui.

vegetacao-praia-macapa-luis-correia-pi

Dia 19 – Atins (Maranhão)

Chegamos ao nosso penúltimo dia de circuito pelas praias do Nordeste e em nosso último estado, o Maranhão. Atins é a porta de entrada para o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses. Pequenino, esse vilarejo guarda algumas lagoas para visitação, como a Lagoa Verde e a Lagoa Tropical, além de outros atrativos turísticos.

lancha-passeio-circuito-atins-barreirinhas-ma

Entre as diversas trilhas que você encontrará em Atins, a que o levará até o Igarapé é indispensável. O braço do rio corta toda a vila de Atins e guarda águas calmas e completamente transparentes. É perfeita para um banho no final da tarde. Você pode ficar por aqui esperando a revoada dos Guarás e o pôr do sol às margens do rio. Fica a dica!

Dia 20 – Ilha de Santana (Maranhão)

Chegamos ao último destino de nossa viagem. Sabemos o quanto o Parque Nacional dos Lençóis Maranhense é foco de turistas que chegam ao Estado, porém, há outros cantinhos que merecem bastante a sua atenção. A Ilha de Santana é um desses lugares. Completamente isolada de tudo, você encontrará lindas praias por todos os lados e um povo sempre acolhedor.

As praias da Ilha de Santana têm o mar sempre calmo, convidativo para banhos. A natureza do lugar também é perfeitamente protegida e conservada pelos próprios moradores. O estilo de vida simples e rústico é o que encanta quem chega por aqui. É uma parada para recarregar as energias.

***
Nossa sugestão de roteiro não está contabilizando o tempo de deslocamento entre um destino e outro. Se estiver viajando de carro, o tempo é menor e o roteiro pode ser feito em 30 dias completinho. Mas, se você precisa de ônibus, aí os horários de cada trecho podem demorar muito mais e o tempo do roteiro completo se estender além dos 40 dias.

Você também pode escolher pequenos roteiros a partir desse e montar sua própria viagem personalizada! Que tal?

Gostou da nossa lista de praias pelo Nordeste? Acha que ficou faltando alguma que você gosta muito? Comente!

Por Guia Viagens Brasil Texto: Fotos:  06 de abril de 2017

Receba dicas de viagem


Insira seu email para receber artigos exclusivos e dicas de passeios imperdíveis!





Gostou? Divulgue este artigo para seus amigos!

Deixe o seu comentário

DICAS RECENTES DO BLOG

GUIAS DE VIAGENS GRÁTIS - BAIXE AGORA O SEU!

Loja
Encontre os melhores ebooks de dicas de viagem pelo Brasil

Procurando dicas de viagens pelo Brasil?
Cadastre seu email e receba dicas exclusivas:

Editorial - Contato - Anuncie Grátis - Área de Anunciantes - Seja um colaborador

© Copyright 2013 - 2017 - Guia Viagens Brasil - Mapa do Site