ROTA ECOLÓGICA: o charme do litoral norte de Alagoas

Publicidade

Translator / Tradutor

Se você está procurando um lugar paradisíaco para descansar, com charmosas pousadas, praias desertas, piscinas naturais de águas mornas e cristalinas, gastronomia de qualidade que além disso tudo é ecologicamente sustentável, encontrou! Essa é a Rota Ecológica de Alagoas.Imagens da Rota Ecológica em Alagoas - Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

A Rota abrange parte do litoral norte alagoano, que vai desde a foz do Rio Camaragibe, em São Miguel dos Milagres até o vilarejo de Japaratinga, ao lado de Maragogi. Situada no centro da Costa dos Corais, o segundo maior banco de arrecifes do mundo, atrás apenas da Grande Barreira de Coral da Austrália, a Rota Ecológica tem muitas atrações pelo seu percurso de quase 30 km.

Praias desertas, ou semi-desertas, com areias claras que contrastam com o verde dos coqueirais e o azul cristalino das águas do mar, principalmente nas piscinas naturais formadas na maré baixa, são os pontos altos do roteiro. Muitas pousadas de charme se instalaram ao longo do percurso, proporcionando ao turista conforto e sofisticação em um lugar de belezas naturais pouco exploradas.

A melhor forma de percorrer a Rota Ecológica é pela praia, de bicicleta, bugue ou ainda caminhando para quem tem mais disposição.

Japaratinga, a 117 km ao norte de Maceió, pode ser o início da jornada. O local mantém o charme rústico e a tranquilidade do vilarejo de pescadores, diferente da sua vizinha Maragogi, agitada pela frequente visita de turistas às Galés, como são chamadas às magníficas piscinas naturais em meio aos corais a 6 km da praia. Veja nosso post: “As Galés de Maragogi: O Caribe em terras tupiniquins”.

A Praia de Japaratinga fica na área urbana da cidade, antes da travessia do Rio Manguaba que preserva a tranquilidade da região, por conta disso, é uma das praias mais movimentadas da Rota Ecológica, o que não diminui sua beleza. Na vila encontra-se a Igreja Nossa Senhora das Candeias, construída pelos holandeses no século XVIII, um patrimônio arquitetônico do local. O belo coqueiral faz o plano de fundo da paisagem de larga faixa de areia branca e fina e mar de águas transparentes levemente agitadas, ponto ótimo para banhos e prática de esportes náuticos.

Japaratinga é a primeira praia da Rota Ecológica (vindo por Maragogi) e ,por ficar próxima a vila, é uma das mais movimentadas. Assim como a maioria das praias da Rota o mar é verde-água e na maré baixa é possível andar 500 metros mar adentro. - Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Japaratinga é a primeira praia da Rota Ecológica (vindo por Maragogi). Assim como a maioria das praias dessa região, o mar é verde-água, as águas são calmas e na maré baixa é possível andar 500 metros mar adentro.
Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Bitingui destaca-se pela igreja colorida e a praia de areia clara e fina. Logo em seguida encontra-se a foz do Rio Manguaba, que divide os municípios de Japaratinga e Porto de Pedras, a travessia é possível somente por balsa ou canoa. Do outro lado, avista-se o imponente Farol de Porto de Pedras, com um mirante no ponto alto do morro, e a vila de Porto de Pedras.

Rio Manguaba é a divisa de Japaratinga e Porto de Pedras, o mirante do farol em Porto de Pedras tem uma bela vista pra região. - Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Rio Manguaba é a divisa de Japaratinga e Porto de Pedras. O mirante do farol em Porto de Pedras tem uma bela vista pra região.
Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Caminhando em direção a Maceió, chega-se na Praia do Patacho e em seguida a Praia da Laje, consideradas as mais bonitas da região, onde pode-se andar mais de 1 km mar adentro para chegar aos recifes de corais. A Praia do Patacho é quase deserta, com areias claras e mar com águas cristalinas, emoldurados por coqueiros compondo um cenário paradisíaco. O local não possui infraestrutura turística, permitindo que o aspecto selvagem fique conservado. Na maré baixa, os corais aparecem formando piscinas naturais, ótimas para relaxar. No período da lua cheia, há um passeio de jangada para apreciar as belezas do local. Imperdível!

A Praia do Patacho é considerada uma das praias mais bonitas do Brasil, a paisagem dessa praia é paradisíaca. -  Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

A Praia do Patacho é considerada uma das praias mais bonitas do Brasil, a paisagem dessa praia é paradisíaca.
Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Logo em seguida fica a praia de Tatuamunha que abriga a foz do Rio Tatuamunha e marca a divisa de Porto de Pedras com São Miguel dos Milagres. O único acesso a praia pela estrada leva somente à foz do Rio, o que deixa o longo trecho de areia praticamente reservado as poucas pousadas dessa praia.

A Praia de Tatuamunha fica em Porto de Pedras e é praticamente deserta, abriga a Foz do Rio Tatuamunha que faz a divisa do município com São Miguel dos Milagres. - Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

A Praia de Tatuamunha fica em Porto de Pedras e é praticamente deserta, abriga a Foz do Rio Tatuamunha que faz a divisa do município com São Miguel dos Milagres. 
Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

É no rio Tatuamunha também que fica a sede do Santuário do Peixe-Boi Marinho, um projeto do Instituto Chico Mendes para preservar esta espécie no seu habitat natural. Da vila saem passeios de jangada pelo Rio Tatuamunha, que levam os visitantes a conhecer e observar o dócil e grandalhão peixe-boi marinho, que está ameaçado de extinção e conta apenas com 500 animais no litoral brasileiro. Leia mais no post: Santuário do Peixe-Boi Marinho: Salvando uma espécie em extinção.

Peixe-Boi se apoiando na jangada que leva os visitantes até o berçário do Peixe-Boi no Rio Tatuamunha em Porto de Pedras. -  Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Peixe-Boi se apoiando na jangada que leva os visitantes até o berçário do Peixe-Boi no Rio Tatuamunha em Porto de Pedras.
Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

O povoado de Porto da Rua é o maior desta região e conta com alguns restaurantes à beira-mar e boas pousadas. Porto da Rua é a primeira praia de São Miguel dos Milagres, uma cidadezinha com muito charme e cores vibrantes, apesar da simplicidade.

O vilarejo de Porto da Rua é o maior da região entre os rios Tatuamunha e Camaragibe. -  Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

O vilarejo de Porto da Rua é o maior da região entre os rios Tatuamunha e Camaragibe.
Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

O percurso segue pela Praia do Toque, que tem pousadas luxuosas, acessíveis apenas por pequenas vielas de chão batido, a areia clara e compactada é ideal para caminhadas e passeios de bicicleta e o mar é propício para mergulhos.

As Piscinas do Toque são um grande aquário, onde peixes coloridos passeiam tranquilamente em meio as águas cristalinas do mar. Assim como nas praias, as piscinas naturais da rota ecológica tem a grande vantagem de estarem quase sempre vazias, é provável que você encontre mais pescadores do que turistas por lá.

As piscinas naturais do Toque são um verdadeiro aquário natural. -  Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

As piscinas naturais do Toque são um verdadeiro aquário natural.
Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Seguindo pela praia, chega-se a Barra do Camaragibe, na Foz do Rio Camaragibe, onde é possível atravessar de barco para a Praia dos Morros, um sinal de que a Rota está chegando ao fim. Diferente das outras, a última praia da Rota Ecológica, tem ondas fortes e belas falésias no canto direito.

Barra de Camaragibe marca o final da Rota Ecológica, onde é possível fazer a travessia para a Praia dos Morros. - Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Barra de Camaragibe marca o final da Rota Ecológica, onde é possível fazer a travessia para a Praia dos Morros. 
Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

A Rota Ecológica de Alagoas é um pedaço raro de paraíso, um refúgio de tranquilidade no litoral norte, ainda pouco explorado, que mantém a beleza rústica e selvagem natural. Destino certo para quem quer curtir sossego e belíssimas paisagens.

 

Por Guia Viagens Brasil Texto: Fotos:  29 de outubro de 2014

Receba dicas de viagem


Insira seu email para receber artigos exclusivos e dicas de passeios imperdíveis!





Gostou? Divulgue este artigo para seus amigos!

Deixe o seu comentário

DICAS RECENTES DO BLOG

GUIAS DE VIAGENS GRÁTIS - BAIXE AGORA O SEU!

Loja
Encontre os melhores ebooks de dicas de viagem pelo Brasil

Procurando dicas de viagens pelo Brasil?
Cadastre seu email e receba dicas exclusivas:

Editorial - Contato - Anuncie Grátis - Área de Anunciantes - Seja um colaborador

© Copyright 2013 - 2017 - Guia Viagens Brasil - Mapa do Site