OS 5 MELHORES LUGARES DO BRASIL PARA MERGULHAR

Publicidade

Translator / Tradutor

De norte ao sul do país, os amantes do mergulho têm opções de locais fantásticos para observar a vida subaquática. São mais de 8 mil km de costa litorânea que fazem do Brasil um dos pontos mais procurados do mundo para se ter uma nova perspectiva do fundo do mar, lugares tão surpreendentes quanto em terra firme.

Foto de tartaruga durante mergulho em Fernando de Noronha. Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Do arquipélago Fernando de Noronha, no litoral de Pernambuco, passando pela Bahia, Espírito Santo, Rio de Janeiro até a Ilha do Arvoredo, em Santa Catarina, são vários pequenos paraísos escondidos embaixo d’água que podem ser desbravados por quem se aventurar no mergulho, cuidando sempre com os equipamentos e de acordo com a experiência pessoal.

 

1- Fernando de Noronha – PE

Fernando de Noronha é um arquipélago distante 543 km do litoral de Pernambuco. Possui 21 ilhas e é considerado um dos melhores lugares do mundo para prática do mergulho, devido, principalmente, a temperatura da água do mar por volta de 28º C e visibilidade subaquática de até 70 metros em alguns pontos. Além das condições técnicas, o local parece um pequeno paraíso debaixo da água, abrigando cerca de 15 variedades de corais e mais de 210 espécies de animais marinhos, inclusive os famosos golfinhos-roteadores. Os mergulhadores mais experientes tem a opção de apreciar a Corveta Ipiranga, a 64 metros de profundidade, uma embarcação naufragada, considerada uma das mais belas e intactas do mundo. Os pontos mais conhecidos de mergulho em Fernando de Noronha são a Caverna da Sapata, a Laje Dois Irmãos, as Pedras Secas, o Buraco do Inferno e das Cabras, e o Cabeço Submarino.

Foto de peixes durante mergulho em Fernando de Noronha. Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Links relacionados

 

2- Ilha do Arvoredo – SC

No litoral de Santa Catarina, a Ilha do Arvoredo é o local mais procurado para mergulho no sul do Brasil. Ela faz parte da Reserva Biológica Marinha do Arvoredo, que possui outras quatro ilhas em 17.600 ha. Ao sul da Reserva, já externamente a sua área, o mergulho recreativo é permitido e vale muito a pena. As águas frias desta região possuem visibilidade variando entre 5 e 21 metros, baixa se comparada a outros locais. Entretanto, a biodiversidade marinha é muito grande, o que faz da Ilha do Arvoredo um refúgio de tartarugas, garoupas, polvos, tainhas, arraias e centenas de outras espécies. Dentre os pontos de mergulho, saindo de Florianópolis ou Bombinhas, há locais de naufrágios, com barcos pequenos e até canhões de antigas embarcações de guerra. Para mergulhar nesta região é preciso ter muita técnica, sendo indicada apenas para mergulhadores experientes.

 

3- Arraial do Cabo – RJ

Na costa fluminense, o Arraial do Cabo é o lugar preferido pelos mergulhadores. Na região, a as águas são profundas e apresentam, constantemente, baixas temperaturas, em torno de 15 ºC. Entretanto, são nestas condições que muitas espécies preferem viver, como é o caso de cavalos-marinhos, tartarugas e arraias. Assim, apesar de precisar de roupa especial de neoprene, o mergulho é considerado um dos mais lindos do Brasil, pois a diversidade subaquática é fantástica. Devido ao relevo do litoral, Arraial do Cabo possui pontos de mergulho refugiados do vento e não muito longe da costa, que são ideais para iniciantes.

Águas cristalinas para mergulho em Arraial do Cabo, RJ. Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Links relacionados

 

4- Abrolhos – BA

Na Bahia, a 75 km da costa a partir da cidade de Caravelas, o Parque Nacional de Abrolhos foi o primeiro parque nacional marinho do Brasil, criado em 1983, para preservar a biodiversidade local. Abrolhos é considerado um dos melhores pontos de mergulho do país, pois possui águas translúcidas, com temperatura em torno de 20ºC e visibilidade de até 30 metros. O arquipélago é habitat de mais de 19 espécies de corais, algumas endêmicas da região, e cerca de 95 tipos de peixes, que coloridos enfeitam o ambiente subaquático baiano. Além disso, há naufrágios que podem ser explorados e, de julho a novembro, a presença de baleiras-jubarte podem tornar o mergulho ainda mais emocionante. Os pontos de mergulho são ideais para iniciantes e experientes, sendo que, por ter o fundo arenoso, os mergulhadores não devem agitar as águas e ter cuidado para ir em dias de menos ventos, para a água não ficar turva.

 

5- Guarapari – ES

Guarapari, no litoral do Espírito Santo, é outro ponto excelente e muito procurado por mergulhadores no Brasil. De acordo com a Sociedade Brasileira de Ictiologia, que se dedica ao estudo dos peixes, Guarapari possui a maior diversidade de peixes de recifes do país, com 220 espécies identificadas. A visibilidade das águas não é muito grande, variando de 8 a 15 metros, mas em dias de mar calmo é possível observar muito bem a fauna local. Os melhores pontos de mergulho da cidade capixaba estão próximos as Três Ilhas, nas Ilhas Rasas e na Ilha Escalvada, além do Parreiral de Fora, Baiuana, Baixa do Dentão e Baixa Olho de Boi. Outro destaque é o navio Victory 8B, que foi afundado de propósito com o objetivo de criar recifes artificiais no ponto.

Praia Bacutia em Guarapari, ES. <br /> Photograph by Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Links relacionados

Por Guia Viagens Brasil Texto: Fotos:  12 de dezembro de 2014

Receba dicas de viagem


Insira seu email para receber artigos exclusivos e dicas de passeios imperdíveis!





Gostou? Divulgue este artigo para seus amigos!

Deixe o seu comentário

DICAS RECENTES DO BLOG

Procurando dicas de viagens pelo Brasil?
Cadastre seu email e receba dicas exclusivas:

Editorial - Contato - Anuncie Grátis - Área de Anunciantes - Seja um colaborador

© Copyright 2013 - 2018 - Guia Viagens Brasil - Mapa do Site