Guia Completo de FORTALEZA

Publicidade

Translator / Tradutor

Fortaleza, Capital Alencarina, Terra do Sol, Cidade de Iracema… são muito nomes para essa linda cidade nordestina, preferida entre milhões de turistas brasileiros e estrangeiros durante o ano inteiro. Berço de Bezerra de Menezes, Antônio Conselheiro, Emiliano Queiroz, Padre Cícero, José Wilker e tantas outras personalidades que marcaram a cultura do nosso país. Capital do humor, das praias e da gente mais engraçada do país. Não é à toa que daqui saem os maiores nomes da comédia brasileira.

Barco abandonado na Praia de Iracema, Fortaleza, CE. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Barco abandonado na Praia de Iracema, Fortaleza, CE.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Quem chega por aqui vem atraído pelo sol que dura o ano inteiro. De janeiro a janeiro é verão no Ceará! Então, porque não escolher essa graça de lugar para passar as suas próximas férias? Há opções de atrações turísticas para todos os gostos, bolsos e idades! Reunimos os principais atrativos turísticos, dicas de lugares incríveis para você visitar e o resultado foi esse guia mais que completo sobre a capital do Ceará! Confira!

Praia todos os dias!

A nossa bela cidade de Fortaleza possui aproximadamente 25 quilômetros de praias urbanas. Suas águas do mar formam um cenário impressionante com todos os seus prédios diferenciados e espalhados por toda a orla. Para acomodar bem todos os turistas que chegam por aqui, a capital do Ceará passou a investir muito na reformulação da sua infraestrutura, principalmente no que diz respeito a praias.

Praias urbanas com ótima infraestrutura, em Fortaleza, CE. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Praias urbanas com ótima infraestrutura, em Fortaleza, CE.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Em todo o litoral, seja ele urbano ou de praias mais distante, você encontra uma ampla opção de modernos hotéis e restaurantes. Além desses, também há as opções de lazer. A Avenida Beira Mar, principal via corta as praias urbanas de Fortaleza, é o ponto de encontro de todos esses atrativos e muitos outros. Entre as praias urbanas, viáveis para banho e visitação, são três que se destacam em Fortaleza: Iracema, Meireles e Praia do Futuro, carinhosamente chamada pelos cearenses de “PI” (Pê-i), “BM” (Bê-eme) e “PF” (Pê-efe).

Iracema

A Praia de Iracema é a mais próxima do centro da cidade. É ideal para quem busca mais tranquilidade e circular pelo calçadão sem muito movimento. Aliás, esse é ponto de referência do bairro. É sempre comum ver pessoas caminhando, correndo ou praticando exercícios ao longo da costa.

Calçadão da Praia de Iracema, em Fortaleza, CE. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Calçadão da Praia de Iracema, em Fortaleza, CE.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Durante o dia, as pessoas vêm para cá em busca da grande diversidade de restaurantes e bares, que servem os melhores pratos e petiscos da culinária cearense e nordestina, destacando-se também, pratos baseados em frutos do mar. No final da tarde, barraquinhas são montadas, oferecendo patins e até mesmo charretes para circular pela avenida inteira. Para esses são cobrados valores simbólicos e por hora.

Ponte dos Ingleses, local ótimo para apreciar o pôr do sol na Praia de Iracema, em Fortaleza, CE. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Ponte dos Ingleses, local ótimo para apreciar o pôr do sol na Praia de Iracema, em Fortaleza, CE.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

O pôr do sol na Praia de Iracema é um dos mais conhecidos e atrativos de Fortaleza. Por volta das 17 horas, as pessoas já chegam à beira mar do bairro para contemplarem o chegar da noite. São três pontos de destaque, de onde você pode observar o sol se pondo na Praia de Iracema: na Ponte Metálica (Ponte dos Ingleses), no Espigão de Iracema e nas Pedras do Aterro. Nesse último ponto, no mês de outubro de 2015, foram instaladas cadeirinhas de plásticos entre os morros de pedra para turistas e moradores aproveitarem ainda mais o pôr do sol, com um pouco de conforto.

Praia de Iracema, ótimo ponto para curtir o final de tarde em Fortaleza, CE. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Praia de Iracema, ótimo ponto para curtir o final de tarde em Fortaleza, CE.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Se você está viajando com a família inteira, não deixe de passar um dia inteiro circulando por aqui! Há muito o que se divertir e com programação voltada para a diversão de turistas de todas as faixas de idade!

Praia do Meireles

Meireles é um dos bairros mais tradicionais de Fortaleza. Foi onde firmaram-se as famílias mais ricas na década de 50, 60 e 70, fazendo com que o local fosse referência de grandes casas e, posteriormente, os prédios de apartamentos mais luxuosos da cidade. As faxadas das casas foram aos poucos sendo substituídas pelos hotéis, flats e condomínios residenciais, mas a beleza da praia permanece até hoje.

A Praia do Meireles é a “praia do meio” de Fortaleza. Assim chamada porque fica entre a Praia de Iracema e a Praia do Futuro. De um lado a calmaria e do outro a agitação e vida noturna da capital. Restou à costa do Meireles, guardar um pouco dos dois bairros vizinhos e mesclar as atrações.

É aqui que você encontrará a famosa Avenida Beira Mar ou “BM” como os cearenses gostam de falar. Ir para a “Bê-eme” é sinônimo de sentar em uma barraca, observar o mar e saborear um camarão delicioso e fresquinho, muitas vezes pescado há poucos minutos, por pescadores da vila que tem bem aqui pertinho.

Podemos dizer que a Avenida Beira Mar, que corta a Praia do Meireles de ponta a ponta, é dividida em três tipos de atrativos. A primeira parte da praia estão as residências, algumas lanchonetes e um calçadão mais aberto para caminhada. Na parte central da praia você encontra a famosa feirinha de artesanato, a “Feirinha da Beira Mar”, com barracas que são montadas a partir das 17 horas e ficam até às 21 horas vendendo produtos apenas de artesão cearenses. Nessa zona você também encontra muitos bares para descansar e comer. Na terceira última parte há praças e pistas para praticar caminhadas, skate, vôlei de praia e outros esportes. Você também encontra um lindo jardim japonês.

O movimento aqui é maior durante as noites. De dia, é possível também tomar banho, mas devido a vila de pescadores que fica no final da orla, o mar tornou-se um pouco sujo com algas e restos de vida marinha que são trazidos pelos barcos e redes. Também é uma praia com bastante pedra, deixando a desejar um pouco para quem deseja dar aquele mergulho.

Praia do Futuro

Entre as praias urbanas de Fortaleza, a Praia do Futuro é a que mais tem movimento de turistas que querem tomar banho e aproveitar o sol da cidade.

Praia do Futuro, a mais movimentada em Fortaleza, CE. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Praia do Futuro, a mais movimentada em Fortaleza, CE.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Na Praia do Futuro você pode dar seu mergulho sem preocupação, mesmo sendo um mar mais forte. O atrativo, contudo, fica por conta das barracas de praia. Ao longo de toda a Avenida Dioguinho, principal e única via da Praia do Futuro, você tem a opção de locais com mais ou menos estrutura para curtir seu dia de sol.

Barracas pé-na-areia, na Praia do Futuro, em Fortaleza, CE. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Barracas pé-na-areia, na Praia do Futuro, em Fortaleza, CE.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

A Praia do Futuro é a preferida dos turistas e dos cearenses também. Às quintas-feiras acontece a famosa “Quinta do Caranguejo”, onde todas as barracas fazem promoção de caranguejo, com valores mais baratos e/ou combos com outros pratos. Além desse, você também pode experimentar deliciosos peixes fritos, bolinhas de peixe, peixadas, moquecas e outros pratos feitos a partir de frutos do mar.

As barracas agitam o dia de praia na Praia do Futuro, em Fortaleza, CE. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

As barracas agitam o dia de praia na Praia do Futuro, em Fortaleza, CE.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Uma das atrações de uma famosa barraca é uma piscina, local onde os pais podem ficar tranquilos e as crianças brincando o dia todo assistidas por monitores.

Piscina em uma das famosas barracas da Praia do Futuro, em Fortaleza, CE. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Piscina em uma das famosas barracas da Praia do Futuro, em Fortaleza, CE.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

O local é acessível tanto de dia como de noite, porém a vida noturna da Praia do Futuro não é a mais popular, devido ao acesso ser mais restrito devido as barracas. Geralmente, essas funcionam esporadicamente, quando há shows de artistas locais ou nacionais. Do contrário, o movimento fica mais para a Praia do Meireles ou Praia de Iracema.

Conhecendo a história de Fortaleza em um roteiro especial

A cultura fortalezense foge um pouco daquela encontrada em outras cidades nordestinas, onde a herança de nossos colonizadores é bem aparente. No guia completo que já publicamos você conheceu um pouco mais de Salvador e percebeu como a cidade é uma espécie de museu ao ar livre. O mesmo exemplo acontece em Olinda, São Luís e outras cidades. Chegando em Fortaleza, não há, de cara, bairros inteiros com prédios históricos e uma arquitetura guardada dos tempos passados. O roteiro histórico daqui é bem particular, tímido, mas você com certeza se encantará quando conhecer. Fortaleza sempre foi uma cidade que, desde os seus primeiros anos, foi formada a partir de relações amistosas. Poucas revoluções aconteceram por lá.

Isso fez com que a estrutura da cidade sempre parecesse mais moderna. Mesmo os prédios mais antigos, possuem um conceito que era considerado inovador para a época. Ainda assim, vale muito a pena fazer um roteiro histórico pela capital. Você pode fazer isso por conta própria, segundo as dicas dos pontos que listamos mais abaixo, como pode também optar por um City Tour saindo do Mercado Central.

O passeio começa no próprio Mercado, passando por teatros, museus e praças que ficam ao longo do centro da cidade, onda a cidade primeiro se formou. Confira alguns desses pontos atrativos.

Teatro José de Alencar

O Teatro José de Alencar foi inaugurado em 1910, sendo o primeiro da capital. Ele se tornou uma referência para as artes do Brasil e firmou-se como o principal monumento da cidade de Fortaleza. A sua arquitetura é encantadora. Por fora, você encontra um teatro com ares de prédio histórico, com paredes de cor clara e bem discreta.

Contudo, ao entrar a aparência muda completamente. Com uma estética complemente eclética, dá para encontrar salas em diferentes estilos de pintura, arquitetura e funcionalidade. Ele tem, ao todo, uma capacidade para mais de 1500 pessoas. A sala maior acomoda até 800 pessoas, levando em conta seus três andares.

Para espetáculos que não exigem tanto público, salas menores, com até 120 poltronas também estão disponíveis. Há um palco aberto que acomoda 600 espectadores e uma biblioteca com artes e heranças guardadas de peças e documentos desde os primeiros anos do teatro.

No local funciona o Colégio de Dança do Ceará e o Colégio de Direção Teatral do Instituto Dragão do Mar. Você pode visitar o Teatro José de Alencar em horário comercial, sem pagar nada, e em dias de peças, com o valor de bilheteria que varia de acordo com a atração.

Praça do Ferreira

Boticário Ferreira foi uma personalidade cearense, presidente da Câmara Municipal de Fortaleza e responsável pela maior reforma de urbanização da cidade nos anos 1800. Até 1871, o centro da capital cearense era bem discreto e sem zonas destinadas para encontros sociais. Era muito comum, nessa época, grupos de amigos reunirem-se em praças públicas a fim de conversar e unir grupos de discussões.

Foi justamente por essa necessidade que Boticário Ferreira construiu a praça mais popular da capital e que, por justa causa, ganhou o seu nome em homenagem. Em 1993, a Praça do Ferreira foi revitalizada, ganhando ares ainda mais modernos e um big relógio de quatro faces, tornando o monumento principal do espaço.

Ao redor da Praça do Ferreira, lojas e cafés podem ser encontrados. Por ser a parte mais central do Centro de Fortaleza, o movimento aqui é grande e constante. Linhas de ônibus de todas as partes da capital também passam por aqui, facilitando o acesso de qualquer turista. O Cine Diogo, primeiro da capital, fica na Praça do Ferreira, tornando o passeio ainda mais atrativo. O ideal é vir de dia, para aproveitar mais o lugar.

Sobrado Dr. José Lourenço

Até a metade do século XIX, nenhum prédio com mais de um andar existia na cidade. Foi então que o médico José Lourenço, de grande influência em toda a capital, mandou construir esse sobrado, com três pavimentos e com traços bem tradicionais para a época.

O prédio foi marcenaria, uma repartição pública e até mesmo um bordel, até que em 2007, passou por uma reforma completa realizada pelo governo do estado do Ceará e transformou-se em um espaço cultural onde muitos eventos acontecem temporariamente.

Artistas locais e nacionais hoje podem montar suas exposições aqui, além de oficinas de artes que acontecem o ano inteiro. Vale a pena visitar! O lugar é aberto em horário comercial e você não paga para ter acesso.

Passeio Público

A Praça dos Mártires, como é oficialmente chamada, foi a primeira grande praça de Fortaleza, planejada por Silva Paulet e construída no ano de 1890. Até 1940, o local não era completamente atrativo, precisando passar por uma grande reforma, transformando-se em um novo espaço, com um estilo mais neoclássico e totalmente moldada aos traços do antigo Passeio Público do Rio de Janeiro, o mais requintado do Brasil nos anos 40.

Por muitos anos o Passeio Público era destino de pessoas da classe alta de Fortaleza, assim como pensadores, literários, músicos, entre outros. Aqui aconteciam reuniões, como na Praça do Ferreira, assim como manifestações artísticas e culturais. Na década de 90, já abandonado, o Passeio Público figurou em noticiários como um dos locais com maior concentração de vândalos na cidade. Passar por aqui era considerado arriscado para assaltos, sem falar no acúmulo de lixo por todo o espaço.

Foi em 2007, que a prefeitura da cidade resolveu investir em uma revitalização da praça, realizando uma grande reforma e trazendo os ares familiares de volta. Foi mais de um mês de reconstrução e o tempo valeu muito a pena. Hoje, há um lindo jardim e um parque verde muito agradável para passar uma parte da sua tarde. Também é possível encontrar um restaurante com chorinho sempre aos finais de semana.

Museu do Ceará

Toda cidade possui aquele espaço onde são guardados documentos e peças importantes que fazem parte da história local. Em Fortaleza, você encontra esse museu no centro da cidade. Ele foi fundado em 1873 e tombado como Monumento Nacional em 1873. No local você vai encontrar um acervo imenso que conta a história de Fortaleza desde os seus primeiros anos.

Nos anos 80 sofreu muito com o desgaste físico e precisou ser fechado. Foi em 1998, após uma imensa revitalização do prédio e um acréscimo nas peças do acervo que o Museu do Ceará voltou a funcionar. Em incentivo, foi montada uma exposição em comemoração aos 144 anos da abolição da escravatura no Ceará, primeira do Brasil também.

Se você é aquele turista que não dispensa conhecer a história do lugar onde está de férias, esse é o passeio perfeito para uma tarde de imersão total no passado de Fortaleza.

Forte de Nossa Senhora da Assunção

Em 1649, no fervor da colonização brasileira, a região que hoje é a cidade, sofria ameaças de invasão holandesa. Pensando justamente em uma forma de resistir ao ataque e evitar ter seu território dominado que o capitão Matias Beck mandou construir um imponente forte, batizando-o de Forte de Schoonenborch.

Após o ataque, os portugueses comemoraram a resistência rebatizando monumento com o nome de Fortaleza da Nossa Senhora de Assunção. Esse também passou a ser o nome da cidade na época, até que mudou completamente para Fortaleza.

Em 1942, o forte que já estava desativado, passou a ser sede do Quartel General da 10ª Região Militar do Exército Brasileiro. Esse é o penúltimo ponto turístico desse city tour que criamos para você. Provavelmente, a chegada aqui será no final da tarde, então vale dar uma paradinha antes do seu fechamento, para conhecer as instalações e uma sala com documentos e acervos dos primeiros anos da cidade.

Catedral de Fortaleza

A última parada do nosso city tour é na Catedral Metropolitana de Fortaleza, principal igreja da cidade. Ela foi inaugurada em 1978, mas a sua construção começou lá nos anos 30. Foram quase 40 anos para a finalização das obras e isso envolveu questões políticas e religiosas na época, fazendo com que os trabalhos ficassem parados por muitos anos.

Quem chega aqui, a princípio, vai encontrar uma igreja imponente, com ares bem sério e uma cor totalmente escura. Isso se dá porque ela foi inspirada em antigas igrejas no estilo gótico romano, desenhada por Francis George Mounier. E é justamente esse estilo que fez da Catedral de Fortaleza um lugar tão diferente para visitação. Ao seu redor, a leveza e claridade do centro da cidade, fazendo uma quebra de aparência significante para quem chega no local

Dentro, um espaço para 5 mil pessoas, fez com que a Catedral de Fortaleza fosse a terceira igreja de maior capacidade do país. Você vai se encantar totalmente com a decoração do lugar. Um conjunto de vitrais coloridos que dá uma luminosidade diferente é bonito de se ver.

No altar central da igreja, uma linda imagem de Jesus, ainda adolescente, com braços abertos como que recebendo a todos que ali entram. Essa é, inclusive, outra particularidade da igreja, que ao contrário de muitas, não centraliza a imagem de Jesus crucificado.

Ao lado da catedral há a Capela do Cristo Ressuscitado, um lugar de sepulto, onde os principais bispos e padres cearenses estão enterrados. Dentro da catedral também há diversas outras capelas, como por exemplo a de São José, a de Nossa Senhora da Assunção e a do Santíssimo Sacramento.

Você pode visitar a Catedral de Fortaleza no final do city tour que sugerimos nesse tópico, ou optar por fazer isso em outro dia, quando estiver passeando pelo Mercado Central de Fortaleza, que entra em um roteiro mais cultural e que vamos indicar no próximo tópico! Os dois prédios são vizinhos e dá para serem visitados no mesmo dia.

Conhecendo a cultura da cidade de Fortaleza

Assim como no Nordeste brasileiro por completo, a cidade de Fortaleza respira cultura! O regionalismo aqui é bastante forte e você se sentirá agraciado por completo com tudo o que vai conhecer enquanto estiver na cidade. Listamos alguns pontos onde você conseguirá sentir muito mais da cultura do Ceará e das raízes do Nordeste.

Ponte dos Ingleses ou Ponte Metálica

Lembra que citamos a Ponte Metálica mais acima, ao sugerir pontos para ver o pôr do sol em Fortaleza? Além de ser um espaço maravilhoso e privilegiado para passar o final da tarde, essa também tem sua importância histórica e cultural para a cidade de Fortaleza.

Ponte Metálica na Praia de Iracema, em Fortaleza, CE. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Ponte Metálica na Praia de Iracema, em Fortaleza, CE.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

A construção da ponte começou em dezembro de 1902, mas foi preciso 4 anos para que ela fosse concluída. Essa era, por muitos anos, o principal acesso de passageiros que chegavam por embarcação em Fortaleza. No início dos anos 40 foi construído o Porto do Mucuripe, no final da Praia do Meireles, fazendo com que a função da Ponte dos Ingleses perdesse a importância.

Esse abandono fez também com que o local sofresse depreciação e se tornasse um ponto de encontro de pessoas marginalizadas por muitos anos. Foi quando, entre a metade dos anos 80 e metade dos anos 90, a prefeitura da cidade passou a investir no turismo dessa região, revitalizando a ponte e transformando totalmente a sua estrutura.

Foi justamente nessa época que ganhou o apelido de Ponte Metálica, devido a sua nova estrutura. São 154 metros de comprimento e 17,60 metros de largura que adentram o mar, fazendo com que o turista tenha uma experiência única e maravilhosa. Vale a pena a visita!

Mercado Central

Quando foi inaugurado, em 1814, esse mercado servia apenas para o comércio de carnes, verduras e frutas na cidade. Nessa mesma época ele foi apelidado de Cozinha do Povo, por ser onde a população inteira vinha realizar as suas compras, buscando sempre produtos de qualidade e fresquinhos.

Essa função do prédio permaneceu até 1931, quando a venda desses produtos foi proibida e o mesmo passou a receber um volume maior de peças para decoração, artesanato e roupas. Foi justamente quando o mercado se tornou referência para turistas que chegavam na cidade e queriam conhecer um pouco mais sobre o artesanato local, assim como levar presentes para amigos e família.

Ainda assim foi apenas na década de 90 que as instalações começaram a ser mudadas. A prefeitura passou a investir na infraestrutura do Mercado Central, até que em 1998, transformou-o totalmente, gerando a aparência que mantém até hoje.

São 3 andares e um térreo, totalizando 553 boxes com produtos que variam entre artesanatos, calçados em couro, bebidas e comidas regionais, roupas e artigos para praia. O comércio do Mercado Central cresceu tanto, que a redondeza do prédio também foi tomada por boxes externos, fazendo com que toda a região seja bem atrativa para compras.

Centro Cultural Dragão do Mar

Quem vive em Fortaleza costuma dizer que “tudo acontece no Dragão do Mar”. Essa frase é comum porque você vai encontrar exatamente tudo o que precisa para diversão em um único espaço. Para melhorar ainda mais o passeio, esse centro cultural é atrativo tanto de dia como de noite.

No total são cerca de 30 mil metros quadrados de área. Dentro do Dragão do Mar você encontra salas que são dedicadas a exposições culturais temporárias, cinemas, teatros e cafés. Na parte externa do completo, há uma grande área verde com um anfiteatro, onde acontecem os shows, além de um planetário.

Chegando aqui a noite, bares, restaurantes e boates abrem suas portas para todos os tipos de pessoas. Dá para encontrar atração para qualquer gosto. Você pode curtir um bom samba, cair na pista de boates, assistir shows de bandas locais em lounges mais intimistas ou simplesmente sentar e saborear um Chopp gelado (tem chopp de vinho também!) e observar o movimento do espaço.

Dentro do Centro Cultural Dragão do Mar você encontrará os seguintes espaços:

  • Planetário Rubens de Azevedo: ee foi construído todo utilizando tecnologia alemã, o que fez com que esse planetário ocupasse a lista dos mais modernos do mundo. Dá para assistir as apresentações em uma das três sessões diárias que acontecem no espaço. Também é o único planetário do Brasil que projeta imagens de arco-íris.
  • Museu de Arte Contemporânea: são 700 metros quadrados de exposição com o que tem de melhor na arte contemporânea cearense.
  • Biblioteca Estadual do Ceará: é a maior biblioteca de Fortaleza, onde cerca de 70 mil livros podem ser desfrutados gratuitamente.
  • Museu da Cultura Cearense: você terá um espaço todo voltado para a cultura cearense. Aprenderá mais sobre a música local, comida, literatura e muito mais.

Você está conferindo dicas completas para curtir Fortaleza. Se está gostando das dicas, compartilhe no seu Facebook, ou tuíte, e convide os amigos!

Compartilhe no FacebookCompartilhe no Twitter

Aproveitando também as redondezas da cidade

Apesar de linda, saindo um pouco de Fortaleza você vai encontrar lindos atrativos turísticos. Alguns deles fazem até parte de roteiros tradicionais. Sendo assim, vale a pena reservar um dia para essas visitações e não deixar de conhecer mais cantinhos especiais do Ceará.

Praias

Mesmo com tanto atrativo, ainda é impossível resistir as praias que ficam nas redondezas de Fortaleza. Uma grande vantagem sobre isso é que o transporte urbano da cidade funciona muito bem para turistas que querem conhecer as praias que fogem da região metropolitana e não estão com carros alugados. Na Avenida Beira Mar você também encontra vans saindo todos os dias, algumas em diversos horários, levando e trazendo turistas para as praias mais próximas.

No litoral Norte, você tem a Praia de Icaraí, no município de Caucaia. É a praia não-urbana mais visitada por cearenses, principalmente em períodos de férias. A região possui muitas casas de veraneio e por ficar muito perto da capital, não tem tanta opção de pousadas. O mar aqui é mais agitado e em algumas partes da praia você encontra muitas pedras. Vale a pena conhecer pela linda paisagem que tem, principalmente no final da tarde.

Praia de Icaraí de Amontada, no município de Caucaia, próximo a capital Fortaleza, CE. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Praia de Icaraí de Amontada, no município de Caucaia, próximo a capital Fortaleza, CE.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

A praia seguinte é de Tabuba, também no município de Caucaia, sendo a mais extensa dessa região. Lá já é mais tranquilo e você não encontra tantas barracas de praia, o que é favorável para aquele turista que quer fugir um pouco da agitação desses espaços. É a praia preferida dos surfistas que optam pelo litoral norte da cidade.

A terceira praia da zona norte é a mais conhecida de todas, a Praia do Cumbuco. As dunas dessa região atraem turistas que querem sempre levar as melhores imagens para casa. O cenário é lindo e bem paradisíaco. Você também encontrará muitos surfistas e kitesurfistas na região. Há algumas lagoas bem conhecidas, como é o caso da Lagoa do Banana e a Lagoa Azul!

Praia de Cumbuco, em Caucaia, a 30 km de Fortaleza, CE. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Praia de Cumbuco, em Caucaia, a 30 km de Fortaleza, CE.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Já no litoral sul, você praias mais desertas e menos movimentadas. A Praia do Iguape é uma das mais queridas para esse lado da costa. Mar tranquilo, areia fofa e muita vegetação por toda sua extensão. Você encontra alguns hotéis, mas não há estrutura pela beira mar. É preciso levar isopor com bebida para curtir o sol.

Outra praia do litoral Sul que merece destaque é a Prainha. Simples, mas com uma riqueza sem tamanho no quesito belezas naturais. Toda a região é muito calma e bem residencial. Você encontra muitas pousadas pela praia, mas também não há tanta estrutura à beira mar.

Serra de Maranguape

Terra natal de Chico Anísio, a Serra de Maranguape está ao Norte de Fortaleza e guarda lindos atrativos para quem gosta de um contato maior com a natureza. Chegando aqui, dois pontos turísticos precisam estar no seu roteiro: o Parque das Andreas e o Clube Cascatinha.

O Parque das Andreas é uma reserva ecológicas de muita importância que fica no alto da serra de Maranguape, além de ser um lindo local para visitação. Aqui você vai encontrar trilhas ecológicas, piscinas naturais de água doce e algumas cachoeiras. Na década de 90 o espaço era muito popular e acabou sofrendo pela falta de cuidados. Passou um tempo fechado e em 2010 foi reaberto para visitação. O acesso é totalmente gratuito e você tem muito o que explorar.

Já o Clube Cascatinha é um dos mais tradicionais parques aquáticos do Ceará. Piscinas para todas as idades, toboáguas e outros brinquedos são encontrados aqui. Também há um espaço para trilha e restaurantes servindo o melhor da culinária cearense.

Beach Park

E falando em parques aquáticos, claro que não poderia faltar em nossa lista o Beach Park. Considerado um dos maiores da América Latina, você encontrará toboáguas e piscinas temáticas para adultos e crianças. Também há outras atrações no espaço como saunas, áreas de massagem, além de um acesso exclusivo para curtir uma praia linda.

São 35 mil metros quadrados de atrações e também um complexo com hotéis para deixar o turista ainda mais confortável. O melhor é que fica apenas a 15 quilômetros de Fortaleza e o acesso é bem simplificado.

Vida noturna em Fortaleza

Sendo um atrativo turístico para o ano todo, Fortaleza recebe turistas de todas as partes do mundo, idades, gostos e disposição. Com isso, a vida noturna da cidade ganhou uma característica muito especial: você encontra festas para todos os gostos e estilos. Se você é aquele turista que gosta mais de curtir um som ao vivo em um barzinho, vai ter opções de sobra, principalmente no bairro Varjota, onde os melhores bares estão concentrados.

O destaque vai para o Boteco Bar e o Seu Boteco, onde além de encontrar muita gente bonita, você também tem a oportunidade de sentir-se em um verdadeiro e tradicional boteco, com shows ao vivo e muita gente bonita. A decoração desses dois espaços é uma graça e com certeza vai chamar a sua atenção.

Já para quem chega aqui querendo curtir um bom forró, ritmo tradicional da cidade, há festas todos os dias da semana. As segundas-feiras são agraciadas pelo forró pé de serra no Bar Pirata, o mais tradicional da cidade. Ele abre apenas nesse dia da semana, mas a festa vai até de manhã. É impossível resistir.

No Centro Cultural Dragão do Mar também há casas especializadas em forró, onde aos finais de semana o arrasta-pé ferve a noite toda. A “Quinta-feira sem lei”, é o dia dedicado à casa de show Faroeste, onde acontece uma festa com o mesmo nome e mistura sempre bandas de forró com bandas sertanejas.

Outro local muito gostoso para curtir um bom forró pé de serra é o restaurante e bar Arre Égua. Para quem não sabe, essa é uma expressão muito comum do “cearês”, um dialeto local. Ela é sempre utilizada para sinalizar espanto sobre algo. No bar, você encontra um trio de forró tocando o dia inteiro, além de um buffet totalmente dedicado à comida regional. Baião de dois, macaxeira, banana da terra, carne de sol, galinha caipira, bolinho de aipim e muito mais faz parte do cardápio.

Em épocas especiais do ano, o Aterro da Praia de Iracema ganha uma estrutura diferenciada e um palco onde acontecem shows gratuitos todos os dias. O réveillon da cidade acontece nesse espaço, já sendo considerado um dos mais populares do Brasil, trazendo cerca de 1 milhão de pessoas a cada 31 de dezembro para vibrar a chegada do ano novo. No período do carnaval, como já citamos mais acima, também acontecem shows de bandas diversas. O São João da Capital também é realizado no Aterro, com shows em todos os finais de semana de junho.

Aos que desejam dar boas gargalhadas, algumas casas de humor estão espalhadas por toda a cidade. A mais antiga de todas é a Lupus Bier, onde você pode curtir um show de artistas locais, aproveitar o rodizio da casa e os curiosos chops com sabores diversos. Outro lugar muito popular para conhecer os artistas do humor cearense é o restaurante Beira Mar Grill. De quinta até domingo, um show diferente acontece aqui. Mais recentemente, um projeto bastante diferenciado foi criado, o Risadaria. Trata-se de um teatro de stand up comedy, que também recebe artistas de humor tradicional. O diferencial fica por conta do espaço, que é bem interativo e proporciona muitas brincadeiras entre o artista e o público.

Aos baladeiros de plantão, o espaço Órbita, está entre os mais disputados pela galera mais jovem da cidade. Aqui rola um som mais alternativo e muitos shows de bandas covers de artistas brasileiros e internacionais, no estilo pop, rock, indie, etc. O dia mais tradicional para curtir o Órbita é aos domingos.

Outra casa de shows e boate tradicional de Fortaleza é a Mucuripe Music. Recentemente reformulada, ganhou ares mais modernos e aparência de grandes boates internacionais. A casa funciona apenas às sextas-feiras, com um show de artista local, um show de artista nacional e um DJ para encerrar a noite. Muito indicado para quem gosta de paquera e espaços mais selecionados.

Destino Gay Friendly

Fortaleza já figurou diversas vezes como um dos maiores destinos gay friendly do Brasil, sendo uma das que favorece e apoia mais a diversidade de gênero no país. Por atrair bastante o público LGBT, estruturou-se para deixar seus turistas cada vez mais confortáveis e encantados pela capital.

Inúmeras barracas, boates, bares e restaurantes reservam suas atrações para o público homossexual e simpatizante, sendo também os mais movimentados de toda a cidade. A Donna Santa, por exemplo, que é a maior boate gay da cidade. Localizada na região do Centro Dragão do Mar, possui dois ambientes onde há uma pista de House Tribal e um espaço para shows ao vivo. São esses, inclusive, que elevaram consideravelmente o potencial da casa. Grandes atrações gay friendly da música brasileira já se apresentaram aqui, como Lorena Simpson, Wanessa, Anitta, Margareth Menezes e Daniela Mercury.

Para o público mais familiarizado com o estilo House Music, as boates Meet Music & Lounge e a Music Box, são consideradas de primeira linha. Além de um staff de DJs residentes de primeira, todos os finais de semana há convidados diferentes que trazem o melhor som para animar a pista das casas. A Music Box ainda tem um diferencial, realizando shows de artistas nacionais e que tenham um público gay muito forte, como é o caso da Banda Uó e da cantora Gretchen.

Para quem quer curtir um sol e ainda paquerar bastante, algumas barracas voltadas para o público gay também são encontradas em Fortaleza. A Barraca do Joca, na Avenida Beira Mar, é a mais tradicional, sendo disputada aos finais de semana. Aqui acontecem festas durante a noite também, com som ao vivo. De dia, funciona uma barraca de praia comum, mas por ser um ponto de encontro, vale a dica de chegar cedo para conseguir mesa! Já na Praia do Futuro você tem a Vira Verão e a barraca Cabumba, também destinadas para um público gay friendly.

Quando ir

A média de temperatura em Fortaleza é de 30º C, isso durante o ano inteiro. O resultado? Uma cidade onde você pode visitar sem preocupação em qualquer mês do ano. De janeiro até dezembro, quando você chegar, vai encontrar o sol chamativo e sorrindo, lhe chamando para curtir uma boa praia.

Fortaleza, sol o ano todo, no CE. Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Fortaleza, sol o ano todo, no CE.
Fotos de Ricardo Junior / www.ricardojuniorfotografias.com.br

Não há inverno com chuva em Fortaleza. Isso faz com que pacotes turísticos para cá sejam convenientes em qualquer época. Claro que, dependendo da época da sua viagem, as férias podem ser mais ou menos atrativas devido o movimento que há na capital.

Em janeiro, por exemplo, é uma época onde a cidade recebe muitos turistas. Até o início de fevereiro o verão ainda ferve na capital cearense, o que faz com que os valores aumentem bastante e muitos turistas sejam encontrados na cidade. Nessa época, contudo, você terá ótimas opções de festas e mais entretenimento pela capital.

De março até final de maio, assim como de agosto até início de novembro, visitar Fortaleza é sinônimo de descanso. As barracas de praia estão menos disputadas e, consequentemente, os valores de serviço estarão mais baixos. Para quem não gosta de tanto movimento, é uma ótima época para conhecer a cidade. Em dezembro, o verão vem e o movimento chega com tudo!

Carnaval para descansar

Carnaval no Brasil é uma referência no mundo inteiro, mas não precisa fazer uma viagem internacional se você quer fugir da festa. Aqui mesmo, durante todo o feriado, a cidade é bem tranquila e não há aquela agitação toda. Fortaleza tornou-se um destino atrativo para turistas que querem descansar em vez de curtir a folia. Os brincantes cearenses geralmente se dirigem para as praias das redondezas e para o interior. Na cidade, não há trios, bandas e o trânsito flui tranquilamente.

Ainda assim, para quem gosta de curtir shows mais culturais, no Aterro da Praia de Iracema é montada uma estrutura e todos os dias, durante todo o feriado, acontecem shows de bandas locais e artistas nacionais como Baby do Brasil, Alceu Valença, Armandinho, Olodum, entre outros.

A festa, na verdade, começa já em janeiro. O pré-carnaval de Fortaleza já é referência no Brasil inteiro. Do primeiro sábado do ano até o último antes do carnaval, bandinhas de fanfarra realizam um desfile bem animado que começa no Centro Dragão do Mar e termina no Aterro de Iracema. O Bloco Unido das Cachorras e Unidos das Baquetas são os mais tradicionais e arrastam uma multidão pela orla fortalezense. É uma festa bem tranquila e para toda a família!

O Fortal

Para os micareteiros de plantão, Fortaleza se torna atrativa principalmente no último final de semana de julho, quando acontece o Fortal. Em 2016 a festa completa 25 anos e já acumula muitos shows de artistas do axé, sertanejo e forró, que durante um final de semana inteiro desfilam com seus blocos em uma estrutura toda criada especialmente para a festa.

Vale lembrar que mesmo não curtindo a festa, viajar para Fortaleza nesta época do ano significa encontrar muito movimento na cidade. Já há o fluxo maior de turistas devido ser um mês de férias, então os serviços geralmente aumentam mais seus valores e hotéis ficam lotados.

Onde ficar

Há em Fortaleza uma grande variedade de hotéis, pousadas e hostels em toda a cidade. Por ser uma capital onde o turismo é muito elevado, é comum encontrar diversos locais para atendimento de turista, possibilitando também o acesso de todos. Dá para ter boas opções tanto com um bom orçamento, como com uma reserva financeira mais baixa.

A infraestrutura do sistema hoteleiro fortalezense está basicamente toda de ponta a ponta da orla da capital. Isso faz com que o acesso seja sempre muito prático, independentemente de onde você vai ficar. A dúvida fica por conta apenas de qual, entre os muitos hotéis da cidade, você vai ficar. Cada um com sua particularidade, encanta até mesmo quem mora por aqui.

Uma outra opção são os aluguéis por temporada. O turismo em Fortaleza fez com que esse setor crescesse muito na cidade. Por todos os bairros você encontra apartamentos e casas com possibilidade de alugar por diária e até mesmo mensal, em períodos mais curtos como 1 ou 2 meses. É uma ótima saída para quem viaja em grupos maiores e quer economizar mais com a hospedagem. Não tem os serviços de um hotel, mas tem uma exclusividade maior para todos.

Os preços das estadias variam de hotel para hotel e de sua localização. Você vai encontrar diárias a partir de 36 reais (preço baseado no mês de abril de 2015), em uma pousada mais simples e com café da manhã, até valores que ultrapassam os mil reais em hotéis mais sofisticados na orla da cidade.

 

E então, quando você vai se aventurar por Fortaleza? Como canta o ilustre cearense Fagner… “Eu só queria que você fosse um dia ver as praias bonitas do meu Ceará”!

Aproveite suas próximas férias para conhecer a cidade e depois nos conta como foi!

Por Guia Viagens Brasil Texto: Fotos:  14 de novembro de 2015

Receba dicas de viagem


Insira seu email para receber artigos exclusivos e dicas de passeios imperdíveis!





Gostou? Divulgue este artigo para seus amigos!

Deixe o seu comentário

DICAS RECENTES DO BLOG

Procurando dicas de viagens pelo Brasil?
Cadastre seu email e receba dicas exclusivas:

Editorial - Contato - Anuncie Grátis - Área de Anunciantes - Seja um colaborador

© Copyright 2013 - 2017 - Guia Viagens Brasil - Mapa do Site