As melhores PISCINAS NATURAIS do BRASIL para curtir com a FAMÍLIA

Publicidade

Translator / Tradutor

Você adora viajar com a família e já está programando um novo destino? O Brasil tem muitos lugares do litoral que guardam algumas piscinas naturais e são incríveis!

Para ajudar com o seu planejamento, criamos uma lista bem completa. Escolhemos 32 piscinas naturais do Brasil que para a criançada e os adultos curtirem juntos! Confira!

1- Galés de Maragogi – Alagoas

Um programa imperdível para quem vem visitar Maragogi. Os passeios saem de três pontos diferentes: das Salinas de Maragogi, da Praia da Barra Grande e da Praia de Maragogi. Apesar de também ser possível visitar as Galés na maré alta, é quando a maré está baixa que você consegue avistar e nadar com os peixinhos e ficar mais tempo desfrutando a região.

2- Piscinas Naturais de Paripueira – Maceió – Alagoas

Os bancos de areia que cercam o mar da Praia de Paripueira, na maré baixa formam lindas piscinas naturais. Para chegar até aqui é necessário pegar um catamarã ou lancha particular. Dá para nadar com peixinhos e, para quem viaja com crianças é o passeio perfeito, pois as águas são de baixa profundidade. Uma dica é curtir os peixinhos coloridos que vivem na região. Suas fotos ficarão lindas!

Confira aqui imagens em 360 graus de Maceió!

3- Piscinas da Pajuçara – Maceió – Alagoas

E para quem não quer ir muito longe da capital, a Praia de Pajuçara também tem lindas piscinas naturais e muito indicadas para passeio. O acesso aqui é feito somente na maré baixa, portanto, é indicado que você programe o seu passeio com bastante atenção.

As piscinas naturais se formam em bancos de areia que ficam a 2 quilômetros da costa, onde também há corais e muitos peixinhos de todas as cores. Apesar de o mar ser bastante raso, não é indicado caminhar até aqui. Há jangadas que fazem o trajeto com toda segurança que você precisa.

4- Praia do Toque – São Miguel dos Milagres – Alagoas

Para chegar até as piscinas naturais da Praia do Toque é necessário contratar um jangadeiro para fazer o trajeto. Também é importante se manter alerta com a tábua da maré, pois no período de cheia as águas ficam muito mais agitadas e o mergulho é impossível. Na maré muito baixa dá para caminhar um pouco até as piscinas, mas se você estiver com crianças não é indicado.

Reserve aqui sua hospedagem em São Miguel dos Milagres!

As piscinas naturais da Praia do Toque são cercadas de corais, permitindo um banho bastante agradável. Por serem muito rasas, não dá para praticar mergulho, mas é possível observar alguns peixinhos que vivem por aqui.

5- Lagoas Azul e do Paraíso – Jericoacoara – Ceará

As duas principais lagoas de Jericoacoara são imensas piscinas naturais. Diferente da maioria dos exemplos dessa lista, aqui não é necessário observar a tabela da maré, mas em período de chuva, que vai de março até julho, as águas das Lagoas Azul e do Paraíso não ficam tão convidativas para banho. Elas geralmente aumentam de volume e profundidade, perdendo também um pouco da transparência das suas águas.

6 – Piscina da Praia do Papa-Gente – Praia do Forte

Para chegar até aqui é preciso realizar uma caminhada de aproximadamente 1 quilômetros a partir do centro da Praia do Forte.  As piscinas naturais da Praia do Papa-Gente ficam ao norte da praia e ainda são pouco exploradas por turistas.

Confira aqui imagens em 360 graus da bela Praia do Forte!

As águas não são profundas, mas na maré alta não é possível aproveitar muito bem esse mar. Indicamos sempre que programe o seu passeio para não perder a atração. Há muitos peixinhos na região e o mergulho é uma das atividades preferidas dos turistas.

7 – Piscinas Naturais de Moreré – Bahia

Os peixinhos são os principais atrativos para os turistas que chegam nas piscinas naturais de Moreré. Com suas águas transparentes, é possível praticar mergulho levando sua máscara e snorkel. Para chegar até aqui é necessário fazer um passeio de aproximadamente 10 minutos de jangada.  Na parte central das piscinas você ainda encontra um bar flutuante, instalado em uma jangada que fica servindo petiscos e bebidas geladas para os turistas que estão na região.

Confira dicas da paradisíaca Ilha de Boipeba!

8- Poço Azul – Chapada Diamantina – Bahia

Poço Azul é uma antiga caverna que foi inundava e se tornou uma das principais atrações turísticas da Chapada Diamantina. No final da tarde, o contraste dos raios do sol nessas águas dá um brilho diferente e deixando-as ainda mais azuladas. Vale a pena aproveitar o povo no final da tarde só para ver esse espetáculo. Como a profundidade do Poço Azul chega 16 metros, é preciso alguns itens de segurança para realizar mergulho. Se você viaja com crianças, também é indicado tenha um guia para ajudar no passeio.

Confira aqui dicas e Roteiro pela Chapada Diamantina!

9- Piscinas da Praia do Espelho – Trancoso – Bahia

As piscinas naturais da Praia do Espelho se formam em meio às pedras que existem na região. O maior número delas está no lado esquerdo da praia também onde vive a maioria dos peixinhos que podem ser vistos inclusive do lado de fora da água. É uma praia bastante tranquila durante todo o ano, mas nos meses de verão é muito disputada. Para aproveitar essas piscinas, também é indicado programar seu passeio para o período de baixa da maré.

Reserve aqui seu hotel ou pousada na Praia do Espelho!

10- Piscinas do Recife de Fora – Porto Seguro – Bahia

A maior riqueza de Recife de Fora é sua fauna marinha e sua flora. Essa região é um Parque Marinho protegido por lei municipal e o acesso em determinados pontos é bastante restrito. Águas transparentes e sempre mornas ajudam a atrair ainda mais turistas para as piscinas naturais, que estão na maior parte da praia. Para quem quiser se aventurar no mergulho com máscara e snorkel, pode caminhar pelos corais ou optar por um passeio de barco.

Confira aqui um Guia Completo de Porto Seguro e arredores.

11- Gruta do Pratinha – Chapada Diamantina – Bahia

A Gruta do Pratinha fica dentro de uma propriedade particular de mesmo nome, onde o acesso é pago. A atração do vale muito a pena na Chapada Diamantina, pois além de uma estrutura completa com banheiros, restaurantes e lanchonetes, você ainda encontra poços, que formam piscinas naturais convidativas para banho. Essas águas são sempre verdes e frias. Para quem está fazendo as trilhas, cada parada é bastante revigorante, não só pelo banho, mas também pelas vistas.

 

12- Taipu de Fora – Península do Maraú – Bahia

A Praia de Taipu de fora é uma das mais procuradas da Península de Maraú. São 7 km de extensão com várias piscinas naturais que se formam por toda a região. Cada cantinho da praia oferece um mar com águas sempre azuis e tranquilas. As piscinas naturais de Taipu de Fora só se formam na maré baixa, onde você também pode praticar mergulho e fazer observação de peixes.

Confira imagens em 360 graus da Península de Maraú!

13- Maracajaú – Maxaranguape – Rio Grande do Norte

Os parrachos de Maracajaú podem ser considerados os mais famosos de todo Rio Grande do Norte. São sete quilômetros de costa, onde na maré baixa aparecem os recifes pela praia e esses formam piscinas naturais de águas mornas e refrescantes. Você pode contratar um passeio e vir até o alto-mar mergulhar entre os peixes, além de alimentá-los. A região tem uma rica fauna marinha e é bastante atrativa para quem viaja com criança.

14-  Circuito Loquinhas – Chapada dos Veadeiros – Goiás

O circuito Loquinha fica em uma fazenda de mesmo nome, bem próximo a Alto Paraíso de Goiás. Para chegar até aqui é necessário percorrer duas trilhas leves e acessíveis para todos os turistas.  A cor da água das piscinas naturais de Loquinhas é sempre verde e possui um brilho sem igual. Durante toda a trilha você encontra vários pontos que valem a pena fazer parada para mergulho e se refrescar. O Poço da Xamã é o mais popular e conhecido da região. Vale a pena fazer parada para tirar foto.

15-  Poço Azul – Formosa – Goiás

O Poço Azul de Formosa é um dos pontos turísticos mais famosos do estado. Como é um pouco profundo, se você viajar com criança é indicado itens de segurança e atenção nos pequenos. Existem algumas espécies de peixes que vivem por essas águas e você pode alimentar em um passeio bem divertido com os pequenos.

Confira os Melhores Destinos para Mochilar no Brasil!

Você está conferindo as melhores PISCINAS NATURAIS do BRASIL para curtir com a FAMÍLIA. Se está gostando das dicas, compartilhe no seu Facebook, ou tuíte, e convide os amigos!

Compartilhe no FacebookCompartilhe no Twitter

16- Porto de Galinhas – Pernambuco

A praia de Porto de Galinhas é considerada uma das principais de Pernambuco. As águas sempre rasas e tranquilas fizeram com que o lugar fosse considerado uma imensa piscina natural. Para quem gosta de mergulho, um passeio de Catamarã e jangadinha podem levar você até alto-mar na maré baixa para aproveitar ainda mais.

Reserve aqui seu hotel ou pousada em Porto de Galinhas!

17- Piscinas da Praia dos Carneiros – Pernambuco

Perto de Porto de Galinhas você tem a Praia dos Carneiros. Para quem está viajando com crianças, as piscinas naturais da região são bastante atrativas devido suas águas sempre rasas, tranquilas e agradáveis. Em muitos pontos você encontra barracas de praia, passeio de cavalo e de jangada. É um destino bastante completo para toda a família.

18- Baía dos Porcos – Fernando de Noronha – Pernambuco

Para chegar até a Baía dos Porcos é preciso fazer uma caminhada a partir da Cacimba do Padre. Essa só pode ser feita pela areia e pede um pequeno esforço. Para quem está viajando com crianças indicamos fazer paradas estratégicas para o descanso e reforçar as energias. O destino final é incrível, com águas transparentes e muitas piscinas naturais.

Confira Fernando de Noronha em 360 graus!

Há um paredão de rocha que cerca toda Baía dos Porcos, transformando o cenário em algo muito especial. Para quem gosta de praticar mergulho, é preciso contratar um passeio de barco ou lancha que leva os turistas até pontos estratégicos.

19- Praia do Atalaia – Fernando de Noronha – Pernambuco

Para chegar aqui é necessário realizar uma caminhada de um quilômetro e meio por uma trilha cercada de mata muito verde. O acesso a Praia do Atalaia também é restrito para pequenos grupos e é necessário agendar visitação com o ICMbio. O Ibama também indica que todos os grupos tenham um guia para orientar melhor as suas caminhadas. As piscinas naturais são azuis com águas sempre tranquilas e morna, ideal para mergulhos e flutuações.

Reserve seu hotel ou pousada em Fernando de Noronha aqui!

20- Piscina do Morro de Fora – Fernando de Noronha – Pernambuco

As piscinas naturais do Morro de Fora podem ser consideradas as mais populares da parte central da ilha de Fernando de Noronha. Diferente de piscinas anteriores, não é preciso um guia ou agendar visitação com o ICMbio. Para chegar até aqui, por outro lado, o acesso às piscinas naturais pede uma caminhada mais longa e puxada para quem viaja com criança. Indicamos que você programe com bastante atenção o seu passeio para cá. É preciso saber exatamente o caminho que seguir para chegar até as piscinas naturais.

Conhecer Fernando de Noronha sem gastar muito é possível! Veja como.

21- Gruta do Lago Azul – Bonito – Mato Grosso do Sul

Uma antiga caverna dos anos 20 tornou-se uma das principais atrações da cidade de Bonito, no Mato Grosso do Sul. No interior das rochas, você encontra águas transparentes e muito azuis, devido a sua profundidade e o contraste dos raios do sol.

Reserve seu hotel ou pousada em Bonito aqui!

A gruta do Lago Azul chega a formar um poço profundo com mais de 60 metros. Não é permitido mergulhar, mas o passeio vale a pena!

22- Lençóis Maranhenses – Maranhão

Cercado por floresta tropical, o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses tem 100 quilômetros de comprimento e guarda uma infinidade de dunas de areia sempre brancas, além das piscinas naturais de águas refrescantes.

Confira os Lençóis Maranhenses em 360 graus!

Você pode aproveitar as piscinas naturais de Atins ou Barreirinha que são as duas cidades mais populares do Parque dos Lençóis maranhenses. Elas estão acessíveis durante todo o ano, mas se você programar sua viagem para o período da seca pode não encontrar água tão completa. A melhor época de visitar o parque é de agosto até março.

23- Poço Azul – Riachão – Maranhão

O Poço Azul está localizado na Chapada das Mesas e é um complexo ecológico e turístico dentro de uma área privada. Você encontra muitas cachoeiras piscinas naturais e até mesmo pousadas para passar uns dias por aqui. É comum que visitantes que estão pela região busquem por atividades ligadas ao ecoturismo, como o arvorismo e a tirolesa. A profundidade do Poço Azul é de 5 metros, por esse motivo, é indicado o uso de equipamentos de segurança e, em determinados pontos, a ajuda de um guia local.

24- Lago Azul e Lagoa Verde – Ilha Grande – Rio de Janeiro

O Lago Azul é considerado um dos melhores pontos para mergulho em Ilha Grande. Com águas sempre azuis, é possivel passar horas por aqui sem ver uma onda. O lago está localizado entre duas pequenas ilhas e é preciso pegar um pequeno barco para chegar até aqui. Já a Lagoa Verde tem águas mais rasas e mais visitadas por turistas. Fica na parte noroeste da ilha e possui uma vista incrível.

Reserve seu hotel ou pousada em Ilha Grande aqui!

25- Piscina Natural do Cachadaço em Trindade – Paraty – Rio de Janeiro

Diferente de todas as piscinas que citamos aqui, a o Cachadaço é completamente cercada por pedras e isoladas do mar. Na maré alta, as águas transbordam para dentro das pedras e, na maré baixa é possível aproveitar o espaço. Para quem viaja com crianças é o lugar ideal, já que a profundidade dessas águas atinge apenas 1 metro.

Paraty: confira as 8 melhores atrações!

Para chegar até aqui é preciso pegar um barco na Praia dos Ranchos ou na Praia de Fora. Quem desejar também pode realizar uma caminhada de aproximadamente 20 minutos por uma trilha cercada de Mata Atlântica.

26- Piscina Natural Areia que Canta – Brotas – São Paulo

Areia que Canta é um destino ideal para quem busca atividades ligadas ao ecoturismo. A atração fica dentro de uma fazenda agrícola no interior de Brotas e possui uma estrutura completa de hotel fazenda. Além dos atrativos locais a fazenda ainda possui algumas piscinas naturais de águas verdes e chamativas para banho. O nome se dá porque as areias muito brancas e finas que estão no fundo das piscinas, são compostas de grãos de quartzo. Esses em contato com a água produzem um som diferente e bastante agradável.

Fim de Semana perfeito em Brotas!

27- Piscinas Naturais do Monte Roraima – Roraima

O Monte Roraima é um destino ideal para quem busca turismo ligado a aventuras. Para chegar até o topo do Monte é necessário passar por uma trilha repleta de obstáculos e que exige um pouco de esforço físico. Lá em cima você encontra algumas piscinas naturais como a do Vale dos Cristais e a do Ponto Triplo, que está na divisa do Brasil Venezuela e Guiana. Por aqui não existem hotéis, pousadas ou outra estrutura de suporte ao turista. É preciso trazer barraca e alimento suficiente para os dias que você estará pela região.

28- Piscinas Naturais Fervedouro – Jalapão – Tocantins

Podemos dizer que as piscinas naturais dos Fervedouros são consideradas as mais bonitas do Brasil. Essas águas brotam no fundo da terra são completamente limpas e transparentes. Há diversos pontos de Fervedouro no Jalapão que você pode visitar e dar aquele mergulho. Fervedouro do Rio Sono, Fervedouro do Buriti, Fervedouro do Buritizinho e o Fervedouro de Bela Vista são os mais populares.

29- Cachoeira da Formiga – Jalapão – Tocantins

As piscinas naturais da Cachoeira da Formiga encantam qualquer turista. Com aproximadamente 8 metros de diâmetro e 2 de profundidade, elas são completamente convidativas para aquele banho refrescante. As águas sempre azuis e transparentes combinam com a paisagem da região muito bem preservada. A Cachoeira da Formiga é uma das mais famosas do Jalapão e consequentemente uma das mais disputadas por turistas que estão pela região.

Confira dicas do Incrível Jalapão!

30- Piscinas naturais de Picãozinho – João Pessoa – Paraíba

Para chegar até as piscinas naturais de Picãozinho você precisa pegar um barco na praia de Tambaú e seguir por 2 km a partir da costa. Os passeios te levam até alto mar e há um ponto onde você consegue fazer paradas estratégicas, mergulhar e desfrutar os imensos corais da região. As piscinas naturais de Picãozinho só estão visíveis e acessíveis na maré baixa e os passeios duram aproximadamente 4 horas.

Reserve seu hotel ou pousada em João Pessoa aqui!

31- Piscina Natural da Barra da Lagoa – Florianópolis

Durante o verão a piscina natural da Barra da Lagoa é bastante disputada por turistas. A paisagem por aqui é muito bonita e cercada pela natureza. As piscinas se formam a partir de pequenas rochas encontradas na beira mar.  Para chegar até aqui é preciso atravessar um canal em uma trilha que dura aproximadamente 20 minutos. O acesso é fácil e completamente sinalizado.

Confira um Roteiro de 3, 5 e 7 dias por Florianópolis!

32- Lagoa Azul – Presidente Figueiredo – Amazonas

A última Lagoa da nossa lista fica na imensa Floresta Amazônica. A cidade de Presidente Figueiredo é conhecida pelas suas cachoeiras e atrai muitos turistas o ano inteiro. A Lagoa Azul ficou famosa por se diferenciar das outras da região. Enquanto estas apresentam águas barrenta e escura a Lagoa Azul tem águas cristalinas e completamente claras. A explicação é a presença de algas cianofíceas existentes na região.

***
Você gostou da nossa lista? Aproveite para conhecer cada um desses cantinhos e curtir muito mais do que o Brasil tem para te oferecer. Depois conta para nós nos comentários qual foi a sua piscina natural preferida e se tem alguma que não entrou nessa lista e você gostaria de indicar!

Por Guia Viagens Brasil Texto: Fotos:  23 de novembro de 2017

Receba dicas de viagem


Insira seu email para receber artigos exclusivos e dicas de passeios imperdíveis!





Gostou? Divulgue este artigo para seus amigos!

Deixe o seu comentário

DICAS RECENTES DO BLOG

Procurando dicas de viagens pelo Brasil?
Cadastre seu email e receba dicas exclusivas:

Editorial - Contato - Anuncie Grátis - Área de Anunciantes - Seja um colaborador

© Copyright 2013 - 2017 - Guia Viagens Brasil - Mapa do Site