5 lugares de SALVADOR que fogem do roteiro tradicional

Publicidade

Translator / Tradutor

Nada de Farol da Barra, Pelourinho, Igreja do Bonfim e tantos outros pontos turísticos já conhecidos de Salvador! O roteiro tradicional toma um ou dois dias da sua viagem e você provavelmente vai voltar encantado por toda graça que há na capital baiana, mas há cantinhos que fogem dos cartões-postais da cidade e passam, muitas vezes, sem serem notados por turistas.

foto-igreja-senhor-bonfim-salvador-bahia-brasil-foto-0701

Sabe aquele lugar que você vai e pensa “mas como eu nunca tinha visto tudo isso?”. É mais ou menos isso quando um turista chega no Largo de Roma, por exemplo, ou na Ponta de Humaitá. Mesmo que você faça o roteiro tradicional, tire um dia para incluir um roteiro alternativo e ganhe muito mais amor por essa cidade!

Listamos alguns locais bem diferentes para visitação em Salvador. Você já encontra um bom conteúdo sobre o Centro Histórico e outros lugares em outro post, mas abaixo, queremos mostrar aquele cantinho mais que especial e que só moradores da cidade provavelmente vão… ou aquele viajante curioso – que pode ser você! – que sai explorando a cidade além do que mostram os roteiros prontos.

1 – Largo de Roma e o lindo Memorial Irmã Dulce

Você já ouviu falar da Irmã Dulce? Freira, dedicou sua vida aos serviços sociais, ajudando milhares de baianos pobres e doentes. E é no Largo de Roma que você pode conhecer praticamente tudo sobre essa irmã religiosa e suas obras sociais. Logo de cara você vai avistar a Praça Anjo Bom da Bahia, como Dulce é sempre chamada. É um atrativo que você com certeza vai querer voltar sempre que estiver novamente por Salvador.

O MID está aqui desde 1993 e poderia bem entrar no roteiro tradicional da cidade. O local possui um contexto muito forte na cultura, história e, de certa forma, religião da Bahia. O Largo de Roma fica na Cidade Baixa. Para quem parte do Centro Histórico, chegar aqui de ônibus ou carro é bem simples.

No Memorial você encontra um museu com peças pessoais de Irmã Dulce. Simples como foi a vida da freira, ele mostra tudo o que ela tinha e algumas de suas lições de vida. Nós recomendamos fazer a visita guiada. É bem comum viajantes dispensarem os guias locais, mas nesse caso faz uma diferença grande. Eles te contarão tudo o que não está nas frases, livros e quadros do espaço.

Em frente ao Memorial ainda há o Santuário da Bem-Aventurada Dulce dos Pobres. Mesmo não sendo uma pessoa religiosa ou cristã, venha ver de perto esse espaço. A energia daqui é algo surpreendente.

Onde fica

Praça Anjo Bom da Bahia, Largo de Roma e Memorial Irmã Dulce.
Quando ir: de terça a domingo das 10h às 17h
Contato: https://www.irmadulce.org.br/

2 – Forte Mont Serrat e a herança de nossos colonizadores

Já que você vem passear pela Cidade Baixa, quando sair do Memorial Irmã Dulce com certeza passará por um cenário único de Salvador: o Forte Mont Serrat. Para quem gosta de prédios históricos, vai encontrar muita história a ser contada aqui.

Muitos conhecem outro ponto bem próximo do Forte, a Ponta de Humaitá, então essa construção acaba passando um pouco despercebida de quem está a passeio por Salvador. É justamente por isso que resolvemos incluir o Mont Serrat em nossa lista.

A história do Forte nos leva até o Brasil Colônia, em 1583, e nos conta a importância dessa construção contra as invasões estrangeiras na época do descobrimento. Ele foi um dos primeiros do Brasil! Do alto você avista toda a Baía de Todos os Santos e a Ilha de Itaparica.

Desde 2015 ele foi fechado para visitação devido um projeto de revitalização. Se a sua viagem for em 2017, quando a prefeitura reabrirá o espaço, inclua o Mont Serrat no seu roteiro de passeios. É também quase que um roteiro tradicional, onde você conhecerá um pouco mais sobre a história de Salvador e do Brasil. Mesmo fechado, vale a visita para ver por fora a praça, o forte e admirar a vista.

Você está conferindo 5 lugares de Salvador que fogem do roteiro tradicional e você precisa conhecer. Se está gostando das dicas, compartilhe no seu Facebook, ou tuíte, e convide os amigos!

Compartilhe no FacebookCompartilhe no Twitter

3 – Ponta de Humaitá e o pôr do sol mais lindo de Salvador

Talvez, de todos os lugares dessa lista, a Ponta de Humaitá seja a mais conhecida. O motivo? Aquele pôr do sol que apaixona! Sabemos o quanto ver o sol de ponto no Farol da Barra é algo indescritível, inclusive, esse passeio já foi citado no post onde falamos sobre os melhores lugares para ver um pôr do sol no Brasil.

Ainda assim, em beleza, a Ponta do Humaitá vence! Além de ser tranquilo, já que foge das vistas do roteiro tradicional em Salvador, o espaço é muito bem conservado. Se você visitou o Mont Serrat, basta descer a ladeirinha até aqui. Indicamos visitar esse cantinho sempre no final da tarde. De qualquer parte da Ponta do Humaitá você tem uma vista muito bonita.

4 – Solar do Unhão e sua proximidade com o roteiro tradicional de Salvador

Esse é outro exemplo de passeio que passa despercebido de praticamente todos os turistas que vêm para Salvador. Muitos chegam aqui pertinho e sequer imaginam o deixaram de visitar. O MAM – Museu de Arte Moderna da Bahia, está entre os museus mais visitados da cidade e, por trás dele – literalmente – há o Solar do Unhão.

O Solar está às margens da Baía de Todos os Santos, também possui uma vista linda e para completar o seu passeio, ainda dá para curtir mais se você pratica ou quer praticar stand up paddle no mar daqui. Faça um passeio também pelo Parque das Esculturas e pela Comunidade Solar do Unhão. O bairro é tipicamente baiano e onde você conhecerá muito sobre a cultura local.

5 – Subúrbio de Salvador em um passeio de trem

Às vezes as pessoas têm certo medo de visitar o subúrbio das cidades que estão de férias devido a onda de violência estampada no Brasil. De fato, é perigoso, mas precisamos considerar também que nem sempre oferece tanto risco como a mídia em massa divulga. Se você quer aproveitar um passeio cheio de cultura baiana e uma vista muito bonita, chegou a hora de quebrar alguns conceitos e… andar de trem!

O passeio de trem vai te custar pouco, mas com um retorno bem rico! O ticket vale R$ 0,50 e de cara você já vai sentir a graça que é. Os trens da estação são todos pintados com cores bem vivas e desenhos que remetem à cultura da cidade. São 13,5 quilômetros que partem da Estação da Calçada e passam por toda a orla da periferia soteropolitana, como a Ribeira e a Praia da Suburbana.

Você vai ver aquele trabalhador, estudante, vendedor ambulante, todos com histórias muitas vezes sofridas, mas que sempre tem um sorriso para dividir com você. Indicamos que você pegue o trem na Calçada e desça na Estação da Plataforma. Daqui, é possível pegar um pequeno barco e fazer a travessia até a Ribeira, o que é outro passeio bem gostoso. De quebra, você pode chegar até a Sorveteria da Ribeira, um dos pontos do roteiro tradicional de Salvador.

Dicas preciosas!

– Se a sua viagem para Salvador é no período do São João, nesse percurso acontece o projeto Forró no Trem. Você vai participar de uma verdadeira festa junina no percurso do trem, com direito a apresentação de banda de forró e quadrilha.

O Forró no Trem acontece somente nos domingos de junho e você precisa comprar uma camisa que dá acesso ao vagão restrito do evento.

– A estação de trem de Salvador funciona de segunda a sexta-feira, das 6h até as 21h. Também aos sábados, domingos e feriados das 6h às 19h.

 

E então, animado para fazer esses passeios? Salvador tem muito mais para oferecer além do roteiro tradicional. Depois nos conta aqui nos comentários o que achou!

Por Guia Viagens Brasil Texto: Fotos:  19 de setembro de 2016

Receba dicas de viagem


Insira seu email para receber artigos exclusivos e dicas de passeios imperdíveis!





Gostou? Divulgue este artigo para seus amigos!

Deixe o seu comentário

DICAS RECENTES DO BLOG

GUIAS DE VIAGENS GRÁTIS - BAIXE AGORA O SEU!

Loja
Encontre os melhores ebooks de dicas de viagem pelo Brasil

Procurando dicas de viagens pelo Brasil?
Cadastre seu email e receba dicas exclusivas:

Editorial - Contato - Anuncie Grátis - Área de Anunciantes - Seja um colaborador

© Copyright 2013 - 2017 - Guia Viagens Brasil - Mapa do Site